Location of Repository

Water deficit and yield in maize crop

By Homero Bergamaschi, Genei Antonio Dalmago, Flávia Comiran, Joao Ito Bergonci, Artur Gustavo Muller, Solange França, Antonio Odair Santos, Bernadete Radin, Cleusa Adriane Menegassi Bianchi and Pedro Gabert Pereira

Abstract

O objetivo deste trabalho foi avaliar o impacto do deficit hídrico, no rendimento de grãos de milho, e a eficácia da irrigação em todo ciclo e, especificamente, no florescimento. Os dados foram obtidos em dez anos de experimentação, durante os quais doses variáveis de irrigação foram aplicadas por um sistema de aspersão, localizado no centro da área experimental. Foram calculados balanços hídricos, tendo como variáveis a água precipitada (chuva e irrigação) e a evapotranspiração máxima do milho. Foram ajustados modelos de regressão para 27 condições hídricas, relacionando-se rendimento de grãos com deficit hídrico e razão evapotranspiração real sobre evapotranspiração máxima (ETr/ETm). A maior redução na produção ocorre em conseqüência do deficit hídrico na polinização, formação do zigoto e desenvolvimento inicial do grão, numa relação quadrática. Nesse período, a razão ETr/ETm explica quase 80% das variações na produção de grãos, que se estabiliza acima de uma razão de 0,7. A irrigação aumenta e estabiliza a produção do milho; doses de rega de aproximadamente 60% daquela necessária para elevar a umidade do solo à capacidade de campo aumentam a eficiência de uso da irrigação.The objective of this work was to evaluate the impact of water deficit on maize grain yield, as well as the irrigation effectiveness, considering all the crop cycle and, specifically, the flowering period. Data were collected during ten years in several experiments, in which variable doses of irrigation were applied by an aspersion system located in the center of the experimental area. Water balances were calculated, and the precipitated water (rainfall and irrigation) and the maximum evapotranspiration of the maize were considered as inputs. Models of regression for 27 water conditions were adjusted, relating grain yield to water deficit and actual evapotranspiration to maximum evapotranspiration ratio (ETr/ETm). The highest reduction on grain production occurred in consequence of the water deficit during pollination, zygote formation and initial development of the grain, with a quadratic relation. For this period, the ratio ETr/ETm explains almost 80% of the variations in grain yields, stabilizing over a ratio of 0.7. The irrigation increases and stabilizes the maize production; doses of irrigation of approximately 60% of that necessary to rise soil moisture up to field capacity increase the efficiency of use of the irrigation

Topics: Deficits hidricos, Zea mays, Fisiologia vegetal, Irrigation, Critical period, Milho, Efficient use
Year: 2015
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.PC_UFRGS:oai:www.lume.ufrgs.br:10183/118024
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.