Location of Repository

Contabilidade Ambiental como foram de Gestão: Estudo de Caso em um Hospital

By João Paulo de Oliveira Nunes

Abstract

TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências ContábeisA implantação de modelos de gestão ambiental tem sido a problemática encontrada nas clínicas hospitalares de saúde. Isso decorre em virtude do desconhecimento de tratamentos adequados aos resíduos e dificuldades de implantação desses tratamentos, como também dos impactos que podem vir a ocorrer caso não se gaste com formas adequadas de acondicionamento desses resíduos. Para acrescentar aos estudos dessa área, deve ser efetuado um levantamento das atividades realizadas pelas instituições hospitalares, verificando o macro processo de produção e as entradas e saídas dos materiais nestas empresas. São controlados os gastos e mostradas formas alternativas de evitar estes gastos. Assim, este trabalho tem como objetivo, analisar como a contabilidade ambiental pode auxiliar na gestão de clínicas hospitalares de saúde. A metodologia adotada será um estudo de caso em um hospital utilizando-se de uma entrevista semi-estruturada aos envolvidos na área da saúde, considerados os “técnicos da saúde” e na área administrativa, os gestores responsáveis pela administração. A trajetória metodológica divide-se em três fases, sendo a primeira revisão teórica da contabilidade, controladoria e benchmarking ambiental, das atividades hospitalares, formas utilizadas de controles de resíduos tóxicos, a disposição final destes resíduos, seja por incineração ou autoclavagem, da gestão ambiental e dos sistemas de gestão. A segunda fase envolve o estudo de caso em si. São realizadas primeiramente as entrevistas, depois de estruturada a lista de verificação com 129 (cento e vinte nove) questões, divididas em critérios e sub-critérios, que vão desde fornecedores, tratamento com pacientes, indicadores gerenciais até recursos humanos na organização. Como terceira fase apresenta-se o Plano resumido de ação contábil-ambiental, composto por 5W2H (What?Why?When?Where?Who?How e How much?). Assim, mostram-se as conclusões do trabalho, identificam-se as prioridades de atendimento e sugere-se um benchmarking educacional ambiental nas instituições de mesma linha, para melhorar a situação encontrada nesta clínica hospitalar de saúde. Resultados idênticos foram verificados em outras pesquisas similares, assim verifica-se que a contabilidade pode auxiliar no processo de gestão ambiental nos hospitais e clínicas hospitalares de saúde

Topics: Aporte à contabilidade, Gestão, Clínicas hospitalares de saúde
Publisher: Florianópolis
Year: 2006
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFSC:oai:repositorio.ufsc.br:123456789/125497
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.