Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

A dinâmica do uso e manejo de variedades locais de milho em propriedades agrícolas familiares

By Gilcimar Adriano Vogt

Abstract

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais.As mudanças no comportamento humano decorrentes das pressões sociais ocorridas nas últimas décadas, motivaram alterações significativas nos sistemas agrícolas, ocasionando problemas que afetam diretamente o desenvolvimento da agricultura familiar, a perda da agrobiodiversidade e a erosão genética dos cultivos. Diante desse quadro, intensificaram-se as manifestações ao sistema tecnológico da Revolução Verde, dando início à mobilização social de incentivo à adoção de sistemas agrícolas diversificados e fomento ao resgate, uso, manejo e conservação das variedades locais, com o propósito de reduzir os custos de produção e buscar a segurança alimentar dos agricultores familiares. Com isso, é de fundamental importância pesquisar como os agricultores familiares estão estruturados e quais os fatores que os levam a conservar as variedades locais. Para tanto, o presente trabalho propôs-se a fazer uma análise do perfil dos agricultores, das ameaças e das perspectivas da conservação de variedades locais de milho, particularmente no município de Anchieta/SC. A análise consistiu em um misto de pesquisa qualitativa e quantitativa, utilizando práticas diagnósticas complementares tais como a aplicação de questionários semi-estruturados, observação direta e entrevistas com informantes chaves. A metodologia utilizada teve o propósito de conhecer as opiniões dos diferentes grupos através da leitura das informações coletadas nos questionários, da interpretação dos relatos e das evidências observadas e anotadas pelo pesquisador. O manejo de variedades locais de milho é freqüente entre os agricultores, tendo grande variabilidade fenotípica. Cada uma das variedades apresentou características peculiares, tendo denominações próprias dos agricultores e sendo manejadas em sistemas diversificados. Freqüentemente são cultivadas em pequenas áreas e utilizadas quase que exclusivamente para o auto-consumo e com usos diversificados. A estratégia da organização comunitária, mobilização e sensibilização adotada pelo Sintraf/Anchieta, focados na disseminação e fomento à produção e resgate de sementes mostrou-se eficiente, sendo cultivadas variedades locais de milho na maioria das comunidades e em grande parte dos estabelecimentos agrícolas. O termo "milho crioulo" apresenta-se com denotação política de busca da soberania alimentar e autonomia na produção de sementes, sendo utilizada como bandeira e instrumento de luta e mobilização social. O planejamento de ações participativas e integradas de conservação, on farm e ex situ, formalizará novos rumos que apontam para a efetiva conservação da diversidade de variedades locais de milho e para a manutenção do conhecimento local associado ao cultivo. Entretanto, a sua sustentabilidade ao longo dos anos dependerá de ações junto aos agricultores mantenedores dos recursos genéticos, vindo a tornar um movimento de auto-mobilização comunitária e deixando de ser um "novo pacote tecnológico". Human behavior changes due to social pressures in the last decades have caused significant alterations in agricultural systems, bringing about problems directly affecting family agriculture development, loss of agrobiodiversity and genetic crop erosion. Due to it, public opinion against the Green Revolution technology system has increased, initiating a proactive social mobilization towards adopting a diversified agricultural system and stimulating the recovery, use, management, and conservation of the local variety aiming at reducing production costs and assuring the feeding of the farmer's families. Consequently, it is of fundamental importance to research how farmer's families are structured and which factors make them keep the local varieties. Therefore, this present work has the ojective of analyzing farmers' profile, threats and perspectives of conservation of local maize varieties; particularly in Anchieta/SC city. The analysis was consisted of a mixed qualitative and quantitative research, using complementary diagnosis practices such as semi-structured questionary applications, direct observation, and by interviewing key information providers. The methodology which was used in this study had the ojective of finding out the opinions of different groups by absorbing information collected from questionaries, interpreting statements, and by evidences observed and written by the researcher. Management of local maize varieties is frequent among farmers, having a great phenotypic variability. Each variety presented peculiar characteristics, each having the farmers' own denominations and been managed in diversified systems. All varieties are frequently cultivated in small areas and are almost exclusively used for own consumption and for diversified uses. Effectiveness was noticed due to community strategy organization, mobilization and sensitivity adopted by Sintraf/Anchieta. It focused on dissemination, production incentive, and recovery of seeds. Local maize varieties were cultivated in most of the communities and at agricultural locations. The term 'creole' maize ("milho crioulo") has a political denotation of feeding sovereignty search and autonomy of seed production. It was used as a slogan and instrument of strife, and social mobilization, as well. The action plan of participative and integrated conservation: on farm and ex situ will formalize new paths pointing to an effective conservation of local maize varieties and maintenance of local knowledge associated to the cultivation. Nevertheless, its sustenance through the years will depend on actions in conjunction with farmers possessing genetic resources and also becoming a community own mobilization movement relinquishing being a "new technology package"

Topics: Agricultura, Recursos genéticos vegetais, Familias rurais, Milho -, Variedades
Publisher: Florianópolis, SC
Year: 2005
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFSC:oai:repositorio.ufsc.br:123456789/103042
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.