Location of Repository

Arrasando horrores

By Mônica Soares Siqueira

Abstract

Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social, Florianópolis, 2009Esta tese de doutorado propôs-se a realizar um estudo etnográfico das narrativas biográficas e formas de sociabilidade de sujeitos que se identificam como "travestis das antigas". Ao procurar empreender, em termos de Eckert & Rocha (2005), uma etnografia das lacunas da duração pretendeu-se compreender os processos pelos quais estes sujeitos foram construindo, ao longo de suas trajetórias sociais, e por intermédio de seus itinerários urbanos, suas formas de sociabilidade relacionadas às suas vivências na cidade do Rio de Janeiro. Pensar as formas de sociabilidade específicas das interlocutoras desta pesquisa me conduziu à análise de suas interações sociais e, conseqüentemente, das formas de apropriação do espaço urbano, bem como de suas relações, percepções e concepções da cidade entendida, principalmente, como cenário de atuação desses atores sociais. Acredito que ao compartilhar de suas caminhadas ao longo de suas vidas através de suas memórias e seus cotidianos somos levados aos dramas, às intrigas e aos dilemas que compõem a interface entre o que estou chamando aqui, inspirada em De Certeau (2008), cidade conceito e cidade ordinária. Se em suas narrativas sobre as experiências na e da cidade são enunciados preconceitos e discriminações constrangedoras de seus processos de construção de subjetividade, de formulações de projetos e de apropriações e usos da cidade em que nasceram e/ou escolheram para viver, também são relatadas suas astúcias e táticas no intuito de impor seus estilos de uso nos diferentes espaços urbanos e de serem, assim, senhoras de seus passos na cidade do Rio de Janeiro.This thesis sets out to conduct an ethnographic study of biographic narratives and sociability forms of subjects identified as "transvestites of the ancient kind". While trying to undertake, in terms of Eckert and Rocha (2005), an ethnography of the gaps of duration, it intends to understand the processes by which these subjects were building, all along their social trajectories and through their urban itineraries, their forms of sociability related to their existences in the city of Rio de Janeiro. Thinking the specific forms of sociability of the interviewed led me to analyze their social interactions and consequently the forms of appropriation of the urban space, as well as their relations, perceptions and conceptions of the gay city, principally, like stage of performance of these social actors. I believe that sharing their walking along his lives through his memories and his daily activities we're taken to the dramas, intrigues and dilemmas that compose the interface between what, inspired in De Certeau (2008), I refer to as concept city and ordinary city. If, in their narratives of the experiences in and of the city, prejudices and embarrassing discriminations of his processes of subjectivity-building, of projects-formulation and of appropriations and uses of the city in which they were born and/or chose to live are expressed, their cunnings and tactics as they try to impose their styles of use in different urban spaces and of becoming ladies of their steps in the city of the Rio de Janeiro are also told

Topics: Antropologia urbana, Antropologia social, Rio de Janeiro (Estado), Travestis, Sociabilidade
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFSC:oai:repositorio.ufsc.br:123456789/93027
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.