Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Hospital information systems of the National Health System: applications in the collective health

By Sonia Duarte de Azevedo Bittencourt

Abstract

No Brasil, est?? dispon??vel o Sistema de Informa????o Hospitalar do Sistema??nico de Sa??de (SIH/SUS), relativo ?? produ????o de servi??os hospitalares doseselecimentos conveniados ao SUS, desde 1991. Esta tese discute os limites,alcances e potencialidades do SIH/SUS, e assim contribui no entendimento doscomplexos problemas sanit??rios da popula????o brasileira, e, particularmente das pr??ticas assistenciais do cuidado individual. Realizada sob a forma de tr??s artigos, a tese amplia o conhecimento do SIH/SUS em tr??s distintos aspectos. O primeiro artigo analisou a produ????o cient??fica relativa ao sistema no per??odo compreendido entre 1984 e 2003, e assim sistematizaram-se as vantagens e limita????es da base de dados para fins de an??lise de quest??es relevantes na ??rea. Foram levantadas 76 publica????es cient??ficas classificadas em cinco diferentes vertentes, sendo duas delasreferentes ao tipo de dados e a forma de us??-los e as outras tr??s compreenderamcampos de a????o da Sa??de Coletiva. A variedade de estudos dispon??veis, aliada a resultados que mostraram consist??ncia interna e coer??ncia com os conhecimentos atuais, refor??a import??ncia do sistema e a necessidade de aprofundar os seus pontos fortes e fracos.No segundo artigo, avaliou-se a cobertura e a confiabilidade das Autoriza????es de Interna????o Hospitalar (AIH) emitidas por ocasi??o da realiza????ode partos, no Munic??pio do Rio de Janeiro. O SIH/SUS cobriu 59,5 por cento dos partos realizados no per??odo estudado. As vari??veis que apresentaram confiabilidade altaforam idade da pu??rpera e tipo de parto. As informa????es relativas aos resultados das interna????es apresentaram concord??ncia menor, e tend??ncia ?? subestima????o da gravidade das interna????es estudadas. Tamb??m foi observado que 12 por cento dasinterna????es realizadas em eselecimentos hospitalares conveniados ao SUS n??o foram inseridas no SIH, e a raz??o pode estar associada ao cumprimento da portarias que limitam o pagamento do parto ces??reo.Os resultados apontam a necessidadede aperfei??oamento da base de dados para apoiar os processos de formula????o e avalia????o de pol??ticas. No terceiro artigo, buscou-se caracterizar a assist??ncia m??dico-hospitalar prestada pelos hospitais do SUS aos menores de um ano com diarr??ia atendidos no Estado do Rio de Janeiro em 1996. As varia????es observadas entre os conveniados/filantr??picos e p??blicos / universit??rios, quanto ??s idades das crian??as internadas, o tempo e custos m??dios de interna????o e a utiliza????o da Unidade de Tratamento Intensivo podem estar refletindo diferen??as na conduta m??dica, e, por conseguinte, na capacidade do servi??o em evitar o ??bito por diarr??ia. Novas indaga????es e propostas de reformula????o e aperfei??oamento do SIH foramidentificadas nos tr??s estudos realizados, onde se destacam: a import??ncia em investir na qualifica????o e supervis??o dos profissionais inseridos na presta????o do atendimento hospitalar e, na padroniza????o e no treinamento dos codificadores para o preenchimento dos dados. Um dos maiores desafios ser?? a capacidade de ultrapassar as descri????es e o aprimoramento metodol??gico e de constituir em um instrumento de apoio ??s decis??es de gestores e profissionais na melhoria do desempenho da assist??ncia hospitalar

Topics: Sistemas de Informa????o Hospitalar, Sistema ??nico de Sa??de, Sa??de P??blica
Year: 2006
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_FIOCRUZ:oai:localhost:icict/4384
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.