Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Inserções parentéticas em aulas para os ensinos médio e superior

By Flávia Monteiro do Amaral

Abstract

Os processos de construção da fala são três: a) processos de ativação; b) processos de reativação; e c) processos de desativação. As inserções parentéticas fazem parte dos processos de desativação do texto falado. A desativação é um procedimento de ruptura na elaboração do texto e da sentença, resultantes em parênteses, digressões, pausas, hesitações e outros. Os parênteses são desvios momentâneos da progressão temática do texto falado e podem ser classificados quanto à estrutura (marcador conversacional, vocábulo, frase simples ou complexa), à presença de marcadores conversacionais e à função exercida por esses segmentos na construção do texto e no processo interacional. Por serem muito relevantes para o estabelecimento e manutenção da interação, o trabalho em questão analisa, sobretudo, a recorrência de inserções parentéticas em aulas para o ensino médio e superior. Objetiva-se efetuar o levantamento e a classificação dos parênteses em aulas. Para tanto, esta pesquisa está fundamentada em teorias da Análise da Conversação (AC) e em linguistas como Galembeck (1997; 1999), Jubran (1997) e Castilho (1998). O corpus da pesquisa constitui-se dos inquéritos 251, 356 e 364, retirados dos arquivos do Projeto NURC/RJ e publicados em Callou (1991), e dos inquéritos 124, 377 e 405, retirados dos arquivos do Projeto NURC/SP e publicados em Castilho e Preti (1987). O corpus apresenta elocuções formais obtidas em situações reais de interação, com isso a metodologia utilizada, nesta pesquisa, é a empírico-indutiva, já que não existem modelos previamente instituídos. Acredita-se que as inserções parentéticas têm alta recorrência em textos falados e exercem funções variadas, como estabelecer a inteligibilidade do texto, evocar conhecimento partilhado do tópico, testar a compreensão do interlocutor, estabelecer condições para a realização ou prosseguimento do ato comunicativo, negociar turnos, entre outras.The processes of speech are three: a) activation processes; b) reactivation processes; and c) deactivation processes. The parenthetical insertions are part of the deactivation process of the spoken text. The deactivation is a breakthrough procedure in the developing of the text and of the sentence, resulting in parentheses, digressions, pauses, hesitations and others. The parentheses are momentary deviations of thematic progression of the spoken text and can be classified according to the structure (conversational marker, word, simple or complex sentence), the presence of conversational markers and the function performed by these segments in the construction of the text and in the interactional process. Since they are very relevant to the establishment and maintenance of the interaction, this work shall evaluate, in particular, the recurrence of the parenthetical insertions in classes for high school and college. This study aims to make the survey and classification of parentheses in classes. Therefore, this research is based on theories of Conversation Analysis (CA) and on linguists as Galembeck (1997; 1999), Jubran (1997) and Castilho (1998). The corpus of the research consists of the investigations 251, 356 and 364, removed from the files of the NURC/RJ Project and published in Callou (1991), and of the investigations 124, 377 and 405, removed from the files of the NURC/SP Project and published in Castilho and Preti (1987). The corpus has obtained formal utterances real interaction situations, then the methodology used in this research is the empirical-inductive, because there are no models previously introduced. It is believed that the parenthetical insertions have a high recurrence rate in spoken texts and carry out various functions, such as establishing the intelligibility of the text, evoking shared knowledge of the topic, testing the understanding of the interlocutor, establishing conditions for the holding or continuation of the communicative act, negotiating turns, among others

Topics: Análise do discurso, Análise da conversação, Comunicação oral, Discourse analysis, Conversation analysis, Oral communication
Publisher: Universidade Estadual de Londrina. Centro de Letras e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem.
Year: 2010
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UEL:oai:uel.br:vtls000153538
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.