Location of Repository

Educação profissional e a "responsabilidade" das empresas : um estudo da ideologia da Fundação Bradesco

By Rafael Dias Toitio

Abstract

Pesquisa em questão tem como objeto o programa de educação profissional desenvolvido pela Fundação Bradesco, que é voltado sobretudo para as classes subalternas, nas regiões onde atua. Mais especificamente, analisaremos a produção do discurso ideológico e político do programa em questão e, em consequência, da própria Fundação, entendendo a educação profissional como um momento privilegiado da formação objetiva e subjetiva do trabalhador, onde técnica e política estão ligadas inexoravelmente. Em torno disso, tentaremos responder as seguintes problematizações: qual o real significado político-ideológico do projeto pedagógico de tal programa? Há um intuito, por parte da Fundação Bradesco, de formar não apenas tecnicamente, mas também eticamente indivíduos oriundos das classes subalternas e, dessa forma, participar ativamente na direção moral e intelectual da sociedade brasileira? Qual o conteúdo ético-político dessa formação? A partir desse estudo de caso, procuraremos reconstituir, parcialmente, o processo de consolidação da hegemonia neoliberal no Brasil, enfatizando, sobretudo, os aspectos ideológicos e a construção do projeto hegemônico, que tem obtido êxito na desorganização e conformação dos projetos das demais classes. Para tanto, discutiremos a intervenção do empresariado sobre a questão social, a partir da década de 1990, como um momento de avanço das classes dominantes na ―guerra de posições‖ e, além disso, como esse processo, no caso da Fundação Bradesco, se expressou em princípios e conteúdos mediadores dos processos pedagógicos da mesma.The object of this research is the professional education program developed by the Bradesco Foundation, which is designed especially for the lower classes in regions where it operates. More specifically, we analyze the production of ideological and political discourse of the program in question and consequently the Foundation itself, understanding the professional education as a privileged moment of objective and subjective formation of the worker, where technique and politics are inexorably linked. Having that in mind, this reasearch tries to answer the following problematizations: what is the real political and ideological significance of the pedagogical project of such program? Is there an intention on the part of the Bradesco Foundation to train individuals from the lower classes not only technically but also ethically, and thus participating actively in the intellectual and moral direction of Brazilian society? What is the ethical-political content of this training? From this study of case we will seek reconstructing, in part, the consolidation of neoliberal hegemony in Brazil, emphasizing above all the ideological aspects and the construction of the hegemonical project which has been successful in the disorganization and conformation of the projects of other classes. We discuss the involvement of businessmen in social issues from the 1990s as a breakthrough moment of the ruling classes in the "war of positions" and, furthermore, how this process, in the case of Bradesco, expressed in mediating the principles and contents of the same pedagogical processes

Topics: Sociologia do trabalho - Londrina, Responsabilidade social da empresa, Educação profissional, Hegemonia, Sociology of work, Corporate social responsibility, Vocational education
Publisher: Universidade Estadual de Londrina. Centro de Letras e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais.
Year: 2011
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UEL:oai:uel.br:vtls000162513
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.