Location of Repository

A formação do pensamento criminológico crítico materialista: da reação social à criminalização social

By José Carlos Cunha Muniz Filho and Larissa Teixeira Oliveira

Abstract

O presente artigo possui como problemática a investigação da formação do pensamento criminológico crítico materialista e seus institutos, partindo do surgimento da teoria do labelling approach, teoria do etiquetamento, até o desenvolvimento das formulações estruturais e políticas das concepções de delito penal. Durante o desenvolvimento serão trabalhadas as fases da reação social, bem como a sua densificação realizada pela criminologia crítica ao questionar os mecanismos de poder envolvidos na definição de crime e as questões primordiais que tangem esse aprofundamento político. Ainda, serão apresentados apontamentos e considerações dessas teorias no âmbito da política penal contemporânea. Por fim, irão ser estudadas as construções elaboradas pela criminologia materialista, visando expor não só as críticas realizadas ao sistema penal vigente, como também apontamentos para um novo enfrentamento e classificação das condutas socialmente danosas

Topics: Pensamento Criminológico, Labelling Approach, Criminologia Crítica Materialista, Estado Punitivo, Social Sciences, H, Social pathology. Social and public welfare. Criminology, HV1-9960
Publisher: Associação Brasileira de Criminalística
Year: 2014
OAI identifier: oai:doaj.org/article:d53abcc98dc04de7b8b4aa9468cffac3
Journal:
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • https://doaj.org/toc/2237-9223 (external link)
  • https://doaj.org/toc/2237-3691 (external link)
  • http://rbc.org.br/ojs/index.ph... (external link)
  • https://doaj.org/article/d53ab... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.