Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Sale boulot: uma janela sobre o mais colossal trabalho sujo da história (uma visão no laboratório francês do sofrimento social) Sale boulot: a window onto the most colossal dirty work in history (a vision of social suffering from the French laboratory)

By Paulo Eduardo Arantes

Abstract

Este artigo é uma contribuição para a genealogia contemporânea do que se convencionou chamar trabalho sujo. Mais especificamente, é um comentário da noção de "trabalho do mal" elaborada por assim dizer a quatro mãos por Christophe Dejours e Joseph Torrente a partir de uma visão histórica do Holocausto, baseada na descoberta da experiência coletiva do "trabalho atroz" como chave explicativa da destruição dos judeus na Europa. Em resumo, a revelação de como o horror do Terceiro Reich deriva da imposição do genocídio como um trabalho de massa realizado por uma legião de colaboradores zelosos. Uma hipótese até então adormecida na melhor historiografia que precisou esperar a intensificação do sofrimento social pelo trabalho sujo do neoliberalismo hoje para enfim despertar e sugerir este curto-circuito explosivo num verdadeiro diagnóstico de época.<br>This article is a contribution to the contemporary genealogy of what has become known as dirty work. More specifically it is a commentary on the notion of 'evil work' developed conjointly by Christophe Dejours and Joseph Torrente through a historical view of the Holocaust based on the discovery of the collective experience of 'atrocious work' as a key to explaining the destruction of the Jews in Europe. In sum, the revelation of how the horror of the Third Reich derives from the imposition of genocide as mass work undertaken by a legion of zealous collaborators. A hypothesis until then dormant in even the best historiography that needed to wait for the intensification of social suffering through the dirty work of today's neoliberalism for it to awaken finally and suggest this explosive short-circuit in a true diagnosis of an era

Topics: Christophe Dejours, Joseph Torrente, Trabalho sujo, Trabalho atroz, Zelo, Holocausto, Christophe Dejours, Joseph Torrente, Dirty Work, Atrocious Work, Zeal, Holocaust, LCC:Sociology (General), LCC:HM401-1281, LCC:Social Sciences, LCC:H, DOAJ:Sociology, DOAJ:Social Sciences
Publisher: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo
Year: 2011
DOI identifier: 10.1590/S0103-20702011000100003
OAI identifier: oai:doaj.org/article:774b702ca010453e8781966c0bfb6175
Journal:
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://doaj.org/search?source=... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.