Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Redução das desigualdades regionais na alocação dos recursos federais para a saúde

By Souza Renilson Rehem de

Abstract

O artigo trata das estratégias do Ministério da Saúde para mudar o padrão de financiamento da saúde no Brasil. No início da implantação do Sistema Único de Saúde, manteve-se a lógica de financiamento do antigo sistema, baseado na prestação de assistência aos beneficiados da previdência social. Isso concentrava os recursos nas regiões do país mais desenvolvidas economicamente, e que possuíam uma rede de serviços mais estruturada. Como solução, foram adotadas novas modalidades de repasse financeiro. Para aquelas regiões menos favorecidas, os repasses passaram a ser proporcionalmente maiores. A estratégia resultou numa diminuição das diferenças regionais nos valores alocados pelo gestor federal para a saúde, com números que também apresentam indícios de uma maior expansão da oferta de serviços de saúde nas regiões mais pobres

Topics: Financiamento, Desigualdade, Assistência à saúde, Public aspects of medicine, RA1-1270, Medicine, R, DOAJ:Public Health, DOAJ:Health Sciences
Publisher: Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva
Year: 2003
OAI identifier: oai:doaj.org/article:0aed6ecb36284c38bd2366503976fd94
Journal:
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • https://doaj.org/toc/1678-4561 (external link)
  • https://doaj.org/toc/1413-8123 (external link)
  • http://www.scielo.br/scielo.ph... (external link)
  • https://doaj.org/article/0aed6... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.