Repositório Institucional UNIFESP

    Effects of tone fear conditioning in expression of c-fos, Egr1 e Arc in striatum, hippocampus and prefrontal cortex

    No full text
    Diversos estudos sugerem a existência de múltiplos sistemas de memória, que interagem entre si, de forma competitiva ou comparativa. Existem evidências de que os processos de aprendizagem e memória dependem da integridade do hipocampo, estriado e córtex pré-frontal. Já foi demonstrado que essas três estruturas estão envolvidas com o condicionamento de medo, uma tarefa comportamental que avalia a memória. Durante o treino da tarefa de condicionamento de medo, utiliza-se um choque nas patas que pode ser pareado com o ambiente (contexto foreground; CMC) ou com um estímulo discreto, como um som (nesse caso, o condicionamento do contexto fica em segundo plano, chamado de contexto background; CMS). Outra maneira de se estudar a memória é por meio da biologia molecular, estudando genes relacionados a plasticidade neural, como os genes de expressão imediata. No entanto, o papel do estriado no condicionamento de medo ao som (CMS) ainda não totalmente esclarecido. Nosso objetivos foi avaliar a expressão dos genes de expressão imediata após uma tarefa de memória no estriado. No presente estudo, o hipocampo foi inativado com AP-5 a fim de se verificar a possível interação entre estruturas cerebrais, através da análise dos genes de expressão imediata (IEGs) c-fos, Egr-1 e Arc no hipocampo, estriado e córtex pré-frontal após o treino da tarefa de CMS. Na primeira etapa do estudo, foi possível observar que o AP-5 causou um prejuízo no CMC, mas não no CMS. Na segunda etapa do estudo, verificamos a expressão gênica (por meio da técnica de PCR em tempo real) e protéica (por meio da técnica de westen blot) dos IEGS 30 e 90 minutos após o treino do CMS. Quando o CMS fosse realizado e o hipocampo estivesse inativado com AP-5, era de se esperar que a participação contextual fosse menor; assim, a participação do estriado nesse tipo de condicionamento poderia ser melhor estudada. No entanto, os nossos dados sugerem que a administração de AP-5 no hipocampo não interfere com a expressão proteica de c-fos, egr1 e arc no estriado, já que os grupos de animais que receberam AP-5 são iguais aos seus grupos controles que receberam salina. Além disso, a administração de AP-5 diretamente no hipocampo aumentou a expressão gênica dos IEGs 30 minutos depois da tarefa. Por fim, os dados mostram que os grupos que receberam o pareamento e o grupo só exposto ao ambiente apresentam uma menor expressão protéica relativa de EGR1 quando comparado aos animais que só receberam a administração de droga. Uma menor expressão dos IEGs pode estar relacionada com o funcionamento da via neuroanatômica do estriado, relacionado com o padrão de ativação dos neurônios dopaminérgicos, que modificaria a plasticidade sináptica no estriado. O presente estudo mostra como as estruturas relacionadas à memória e à aprendizagem, como o estriado e córtex pré-frontal estão envolvidas na tarefa do condicionamento de medo ao som.Several studies suggest the existence of multiple memory systems that interact in a competitive or comparative way. There are evidences that the processes of learning and memory depend on the integrity of the regions of the hippocampus, striatum and prefrontal cortex. It has been shown that these three structures are involved in fear conditioning, a task that evaluates emotional memory. During the training of fear conditioning task, a footshock can be paired with the environment (context foreground; CFC) or a cued stimulus such as a sound (in this case, the conditioning of the context is secondary, called contextual background; TFC). This memory can also be evaluated by techniques of molecular biology, studying genes involved in neural plasticity, such as the expression of immediate early genes (IEGs). Our hypothesis was to evaluate the expression of IEGs after an aversive memory task. In the present study, the hippocampus was inactivated with administration of AP-5, a glutamate antagonist, in order to verify the possible interaction between these brain structures by analyzing the IEGs c-fos, Egr1 and Arc in the hippocampus, prefrontal cortex and striatum after TFC training task. In the first part of the study, it was observed that the AP-5 impairs CFC, but not TFC. In the second part of the study, we evaluated gene expression (by real-time PCR) and protein expression (by Western blot) of IEGs 30 and 90 minutes after TFC training. When TFC was performed and the hippocampus was inactivated with AP-5, it was expected a lesser contextual participation, so the participation of the striatum in this type of conditioning could be better studied. However, our data suggests that administration of AP-5 in the hippocampus do not interfere with the expression of c-fos, Egr1 and Arc in striatum, hippocampus and prefrontal cortex, since groups of animals that received AP-5 have similar expression when compared to control groups that received saline. Furthermore, administration of AP-5 directly in the hippocampus increased gene expression of IEGs in this structure 30 minutes after TFC training. Finally, the data shows that paired group and context and sound-exposed group have a lower relative EGR1 protein expression when compared to animals that were not subjected to any Several studies suggest the existence of multiple memory systems that interact in a competitive or comparative way. There are evidences that the processes of learning and memory depend on the integrity of the regions of the hippocampus, striatum and prefrontal cortex. It has been shown that these three structures are involved in fear conditioning, a task that evaluates emotional memory. During the training of fear conditioning task, a footshock can be paired with the environment (context foreground; CFC) or a cued stimulus such as a sound (in this case, the conditioning of the context is secondary, called contextual background; TFC). This memory can also be evaluated by techniques of molecular biology, studying genes involved in neural plasticity, such as the expression of immediate early genes (IEGs). Our hypothesis was to evaluate the expression of IEGs after an aversive memory task. In the present study, the hippocampus was inactivated with administration of AP-5, a glutamate antagonist, in order to verify the possible interaction between these brain structures by analyzing the IEGs c-fos, Egr1 and Arc in the hippocampus, prefrontal cortex and striatum after TFC training task. In the first part of the study, it was observed that the AP-5 impairs CFC, but not TFC. In the second part of the study, we evaluated gene expression (by real-time PCR) and protein expression (by Western blot) of IEGs 30 and 90 minutes after TFC training. When TFC was performed and the hippocampus was inactivated with AP-5, it was expected a lesser contextual participation, so the participation of the striatum in this type of conditioning could be better studied. However, our data suggests that administration of AP-5 in the hippocampus do not interfere with the expression of c-fos, Egr1 and Arc in striatum, hippocampus and prefrontal cortex, since groups of animals that received AP-5 have similar expression when compared to control groups that received saline. Furthermore, administration of AP-5 directly in the hippocampus increased gene expression of IEGs in this structure 30 minutes after TFC training. Finally, the data shows that paired group and context and sound-exposed group have a lower relative EGR1 protein expression when compared to animals that were not subjected to anyConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)Associação Fundo de Incentivo à Psicofarmacologia (AFIP)FAPESP: 2008/04305-

    Boilesen, Hércules e Vlado: cinema and memory fragments

    No full text
    Esta dissertação apresenta os resultados da pesquisa de mestrado intitulada BOILESEN, HÉRCULES e VLADO: cinema e fragmentos de memória, que utiliza como material privilegiado de pesquisa os filmes Cidadão Boilesen (direção de Chaim Litewski, 2009); Hércules 56 (direção de Sílvio Da-Rin, 2007); e Vlado: 30 anos depois (direção de João Batista de Andrade, 2006), com o objetivo de investigar como a construção narrativa de cada uma das obras enfoca a elaboração da memória do período da ditadura militar no Brasil. Procuramos trabalhar os vários elementos narrativos e estéticos presentes nas produções – como, por exemplo, enquadramentos, ritmo da narrativa, movimentos de câmera e a articulação entre imagem e sons (inclusive diálogos) – buscando assim destacar os aspectos sociológicos trazidos à tona pelos três filmes. Nesse sentido, o centro das análises gira em torno das proposições que buscam pensar a memória em cada filme, pois, em grande medida, os filmes tratam não apenas de um passado vivido, mas de fragmentos de memória que ganham força quanto mais o passado é revisitado pelo presente.This dissertation shows the results of a master research named BOILESEN, HÉRCULES and VLADO: cinema and memory fragments, that uses as a main research material the movies: Cidadão Boilesen (directed by Chaim Litewski, 2009); Hércules 56 (directed by Sílvio Da-Rin, 2007); and Vlado: 30 anos depois (directed by João Batista de Andrade, 2006), seeking to find how the narrative construction of each movie focuses the memory making about the military dictatorship period. We aim to work the multiple narrative and aesthetic elements present in the productions, such as for example camera framing, narrative rhythms, camera movements, articulation between image and sound (including dialogues) – pursuing to highlight the sociological aspects risen by the three movies. In this sense, the heart of our analysis goes around the prepositions that aim to think the memory of each movie , as, by and large, relate not only to a lived past, but to memory fragments that are strengthened each time the past is revisited by the present.Cette dissertation présente les résultats de mon recherche du master BOILESEN, HÉRCULES et VLADO: cinéma et fragments de mémoire ’ x privilégiés de recherche les films Cidadão Boilesen (dirigé par Chaim Litewski, 2009); Hércules 56 (dirigé par Sílvio Da-Rin, 2007); et Vlado: 30 anos depois (dirigé par João Batista de Andrade, 2006), afin d'étudier comment la construction narrative de chaque ’ boration de la mémoire sur la période de la dictature militaire au Brésil. On travaille ici les différents éléments narratifs et esthétiques dans les ouvres – par exemple, les cadres, le rythme de la narration, les mouvements de caméra et la relation entre l'image et les sons (y compris les dialogues) – cherchant ainsi à mettre en évidence les aspects sociologiques qui sont mis en lumière par les trois films. En ce sens, le centre de l'analyse tourne autour des propositions qui visent à penser la mémoire de chaque film parce que, en p p ’ p mémoire qui gagnent force le plus le passé est revisité par le présent.Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)Fundação Amazônia Paraense de Amparo à Pesquisa (FAPESPA

    Working conditions and quality of life perceptions of sex workers of the central region of São Paulo

    Get PDF
    Estudo epidemiológico com desenho transversal e objetivo de analisar as associações da situação sociodemográficas e condições de trabalho dos profissionais do sexo (PS) e a sua percepção da qualidade de vida, na região central do Município de São Paulo. A amostra foi de 96 indivíduos que se auto identificaram como mulheres, homens ou travestis. Instrumentos: questionário sóciodemográfico e de condições de trabalho e o WHOQOL-Bref. Resultados: os PS tinham em média 31 anos (±7,3); maior parte do Estado e Município de São Paulo; maioria do sexo masculino, heterossexual, branco, solteiro, não possuía filhos e tinha ensino médio incompleto. Proporcionalmente, os homens praticavam mais atividade física regularmente e fumavam mais; enquanto as mulheres consumiam mais álcool e os travestis mais drogas. A maioria procurou os serviços públicos de saúde e apresentou problemas de saúde nos últimos 5 anos. Os travestis foram os que mais procuraram os serviços de saúde e no setor público. A maioria dos motivos que levaram os PS a procurar esses serviços foram os exames de rotina e aqueles para DST/HIV. A média de horas trabalhadas por dia foi de 7,8h (±3,8) e o atendimento foi de 6 (±4,1) clientes por dia. As mulheres atendiam mais clientes; os travestis informaram rendimento médio mensal maior provavelmente por cobrarem mais pelo atendimento. A idade média da primeira relação sexual enquanto PS foi 16,8 anos (±3,8). A prática sexual anal era a mais utilizada pelos homens e travestis; relataram uso de preservativo masculino em todas as relações e a maioria das mulheres não faziam uso de anticoncepcional. A maioria não era contribuinte do INSS. Quase metade dos entrevistados já havia sofrido algum tipo de violência e os travestis eram as maiores vítimas. Quanto à percepção de qualidade de vida, o escore mais alto foi para o domínio psicológico para as três categorias. Os travestis apresentaram pontuação mais alta para QV geral e os homens para a satisfação com a saúde. Verificou-se associação estatisticamente significante (p<0,05) em todos os domínios e em QV geral com horas de trabalho. E a melhor pontuação de QV geral dos PS foram as variáveis ensino médio completo, ausência de filhos e 5 a 10 horas diárias de trabalho (p<0,05). A média de clientes apresentou associação significativa em todos os domínios exceto na QV geral. Tiveram melhores escores os PS que atendiam menos de cinco clientes por dia. Diante desses resultados, identificou-se a necessidade de políticas públicas de saúde voltadas ao desenvolvimento de medidas preventivas visando à promoção da saúde do profissional do sexo; e trabalhistas, como qualquer ocupação com direitos e deveres.Epidemiological study with cross design and purpose of analyzing the socio-demographic situation and associations working conditions of sex workers (SW) and their perception of the quality of life in the central region of São Paulo. The sampling of 96 individuals who identified themselves as women, men or transvestites. Instruments: sociodemographic questionnaire and working conditions and the WHOQOL-Bref. Results: the SW had on average 31 years (± 7.3); most from the State and city of São Paulo; most male, heterosexual, white, unmarried, with no children and incomplete high school education. Proportionally, men practiced more physical activity regularly and smoked more; while women consumed more alcohol and the transvestites more drugs. The majority searched public health services and health problems in the last 5 years. Among those who sought the public health service, the majority did not present health problems over the past five years. The transvestites were the most searched health services and in the public sector. Most of the reasons that led the SW to seek these services were routine examinations and those for STD/HIV. The average number of hours worked per day was 7.8h (± 3.8) and the service was of 6 (± 4.1) clients per day. Women attended more customers; however, the average monthly income informed by transvestites was greater probably by charging more for servicing. The medium age of first sexual intercourse while being SW was 16.8 years (± 3.8). The anal intercourse was the most used, and they reported the use of male condom in all relationships, and women did not made use of any birth control. The majority was not taxpayer by social security. Nearly half of those surveyed had already suffered some type of violence and the transvestites were the main victim. As for the perception of quality of life, the highest score was for the psychological domain for the three categories. The transvestites had better quality of life and men better health satisfaction. It was found a statistically significant association (p<0.05) in all areas and in general working hours with QOL. And the best overall quality of life index belonged to the SW who worked between 5 and 10 (p<0.05) hours per day compared to the others. Average customers presented significant associations in all areas except General QOL. SW who attended fewer than five clients a day had better scores. Based on those results, it was identified the need for public health policies aimed at the development of preventive measures focusing health promotion for sex workers; and labor policies as well as for any other occupation with rights and duties

    Graphic interventions in urban public space: an anthropological approach to the city of São Paulo.

    Get PDF
    Este trabalho analisa a produção social do espaço público da cidade de São Paulo a partir da leitura das intervenções gráficas, como graffiti e pixação. A partir de uma abordagem antropológica urbana e visual buscamos os vínculos e relações entre as intervenções gráficas e a constituição e organização do espaço público urbano, tanto na dimensão individual, quanto na dimensão coletiva da percepção. Com o foco nas intervenções gráficas em seus suportes por excelência, os aparelhos arquitetônicos urbanos, nos colocamos à disposição dos encontros e desencontros cotidianos pela cidade para então considerarmos os diversos discursos sobre a prática social e espacial urbana, revelando assim alguns traços das relações entre autor, obra, público e a própria cidade. A argumentação segue no sentido de que as relações cotidianas em torno das intervenções gráficas, marcadas pela tensão entre transgressão e controle, revelam a sobreposição de versões distintas da cidade, da São Paulo vista e da São Paulo imaginada, em que o edificado da paisagem urbana é atravessado por construções simbólicas efêmeras conferindo outra cor e sentido social à cidade de São Paulo.This study examines the social production of public space in São Paulo from reading the graphic interventions such as graffiti and pixação. From an urban and visual anthropological approach seek linkages and relationships between the graphic and interventions the constitution and organization of urban public space, both in the individual, as in the collective dimension of perception. With a focus on graphic interventions in their brackets for excellence, urban architectural devices, we put ourselves at the disposal of everyday encounters and misunderstandings by the city to then consider the various discourses on urban social and spatial practice, thus revealing some aspects of the relationship between author , work, public and the city itself. The argument follows in the sense that everyday relations around graphic interventions, marked by tension between transgression and control, reveal the overlap of different versions of the city of São Paulo and São Paulo view imagined in the built urban landscape is crossed by ephemeral symbolic constructions giving another color and social sense to the city of São Paulo.Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP

    Pharmaceutical assistance in health care in basic attention: so close, so far

    No full text
    Introduction: The distribution of medicines is a integrant part of the SUS, being the most used therapeutic alternative in the network of patient care. However, it is necessary to have an expanded view on the use of pharmaceutical inputs by users, since the rational use of medicines is directly related to the quality of the health service and constitutes an important element for the evaluation of the same. Objective: It is against this background, that the objective of this work was to characterize elements of pharmaceutical assistance in health care in Basic Attention to Health. Method: From the methodological point of view, it was opted to analyze the material of an investigation of cartographic nature, carried out in 2014 in seven Primary Care Unit Health, and from this empirical one to identify daily scenes, that connected to each other, produced plans of visibility to the issue of medicines use and pharmaceutical assistance. In addition, a shared seminar was perfomed together with institutional actors of the Primary Care Unit Health studied, where new and important elements of pharmaceutical assistance emerged, opening up the possibility of new perspectives on the empirical material and representing a new moment of production / expansion of the field. Results: From the visibility plans, it was possible to identify the gap that exists between the political guidelines related to pharmaceutical assistance and daily life in basic attention: the rational use of medications and the role that the pharmaceutical professional has been playing. The study also showed how the pharmacy is a privileged observatory of the management and production of care, being a powerful analyzer of this care: the troubled relationship between medical autonomy and pharmaceutical assistance; The user's action and its protagonism; The isolation of the pharmacy sector and staff. Conclusion: By contrasting what is prescribed in politics with the empirical material, it was possible to dissipate something like a smokescreen, which is present in the daily work of basic attention and omits a reality far removed from what is considered desirable, when we think in terms of pharmaceutical assistance. What happens after the user leaves Primary Care Unit Health with his bag full of medicines withdrawn at the pharmacy, still seems to be hidden from the eyes of health professionals. There is still a long way to go until in fact pharmaceutical clinical services incorporate basic health services.Introdução: A distribuição de medicamentos é parte integrante do SUS, sendo a alternativa terapêutica mais utilizada na rede de assistência aos pacientes. Entretanto, é preciso uma visão ampliada quanto à forma de utilização dos insumos farmacêuticos pelos usuários, uma vez que a racionalidade do uso de medicamentos está diretamente relacionada à qualidade do serviço de saúde e constitui um elemento importante para a avaliação do mesmo. Objetivo: É diante deste cenário, que o objetivo desse trabalho, foi caracterizar elementos da assistência farmacêutica no cuidado à saúde na ABS. Método: Do ponto de vista metodológico, optou-se por analisar o material de uma investigação de natureza cartográfica, realizada no ano de 2014 em sete UBS, e a partir deste empírico identificar cenas do cotidiano, que conectadas umas às outras, produziram planos de visibilidade para a questão do uso de medicamentos e da assistência farmacêutica. Além disso, foi realizado um seminário compartilhado junto aos atores institucionais das UBS estudadas, onde novos e marcantes elementos da assistência farmacêutica surgiram, abrindo a possibilidade de novas perspectivas sobre o material empírico e representando um novo momento de produção/ampliação do campo. Resultados: A partir dos planos de visibilidade foi possível identificar o hiato que existe, entre as diretrizes políticas relacionadas à assistência farmacêutica e o cotidiano na atenção básica: o uso (ir)racional de medicamentos e o papel que o profissional farmacêutico vem desempenhando. O estudo permitiu constatar também o quanto a farmácia é um observatório privilegiado da gestão e produção do cuidado, sendo um poderoso analisador deste cuidado: a conturbada relação entre a autonomia médica e a assistência farmacêutica; o agir do usuário e seu protagonismo; o isolamento do setor e equipe de farmácia. Conclusão: Ao contrastar aquilo que é prescrito na política com o material empírico, foi possível dissipar algo como uma cortina de fumaça, que se faz presente no cotidiano do trabalho na atenção básica e omite uma realidade muito distante daquilo que se considera como desejável, quando pensamos em termos da assistência farmacêutica. O que acontece depois que o usuário deixa a UBS com sua sacola cheia de medicamentos retirados na farmácia, parece ainda ficar oculto aos olhos dos profissionais de saúde. Ainda existe um longo caminho a ser percorrido até que de fato os serviços clínicos farmacêuticos incorporem os serviços básicos de saúde.BV UNIFESP: Teses e dissertaçõe

    Evaluation of characteristics of the programs to prevent alcohol and other drugs implemented in Brazilian schools

    Get PDF
    Objective: This study aimed to characterise alcohol and drug prevention programs employed by Brazilian public and private schools at the elementary and middle school levels. Methods: This is a qualitative study based on forty-one in-depth interviews conducted with directors and coordinators of Brazilian schools. Respondents were selected using a subsample of a national epidemiological survey aimed at assessing the presence of prevention programs in schools from five different regions. Interviews were conducted through Skype software, audio-recorded and transcribed, using a semi-structured script. In order to analyse data, NVivo software was used and interpretation of the collected material was subjected to further content analysis via Bardin’s theoretical framework. Results: We identified two categories of actions to prevent the use of alcohol and other drugs in schools: schools that had proper prevention programs and schools that performed specific prevention activities. Twenty-nine schools (or 71% of the total) who used prevention programs in their units were identified, while others made use of preventive activities. The program most frequently implemented in the investigated schools was the Educational Program of Resistance to Drugs (Proerd), which was applied in 54% (n = 22) of the schools. Other prevention programs included Nepre, Agrinho, Projeto Diretor de Turma (Class Principal), Protagonismo Juvenil (Youth Participation), Dignidade (Dignity): a Daily Conquest and of the Municipal Health Secretary of Rio de Janeiro (SMS). In 20 schools, prevention activities were combined with prevention programs and 12 schools offered only prevention acitvities. Prevention activities were less prevalent than programs, appearing in twelve schools, and were combined with programs in twenty of them. Such preventive activities included lectures, classes, seminars, recreational activities and visits to rehabilitation facilities. The most mentioned psychotropic drugs in the programs and activities were crack cocaine and marijuana. In the interviews, a general lack of information on ways to evaluate programs was noted. In addition, the applied programs do not show evidence of being effective and do not rely on good preventative practices. Conclusions: It was demonstrated that in Brazil, prevention programs are confused with preventative activities. The programs analysed do not follow good practices regarding alcohol and drug prevention and are not based on scientific evidence. The results of this study can help point out the need for national public policy development in order to encourage the implementation of evidence-based programs in school curriculums, thus avoiding potential iatrogenic effects from school-based alcohol and drug prevention efforts.Objetivos: o presente estudo teve como objetivo geral caracterizar os programas de prevenção ao uso de álcool e outras drogas implantados em escolas brasileiras públicas e privadas do ensino fundamental e médio que declararam ter ações preventivas. Métodos: trata-se de um estudo qualitativo composto por 41 entrevistas em profundidade. As entrevistas foram realizadas com diretores e coordenadores pedagógicos de escolas brasileiras. Os entrevistados foram selecionados por subamostra de um inquérito epidemiológico nacional que visou avaliar a presença de programas de prevenção em escolas das cinco regiões brasileiras. As entrevistas foram realizadas por meio do software Skype, gravadas em áudio e transcritas na íntegra, tendo sido utilizado um roteiro semiestruturado. Na análise dos dados utilizou-se o software NVIVO, e a interpretação do material coletado foi submetida à análise de conteúdo com o referencial teórico de Bardin. Resultados: foram identificadas duas categorias de ações de prevenção ao uso de álcool e outras drogas nos estabelecimentos de ensino: escolas que possuíam programas de prevenção propriamente ditos e escolas que realizavam atividades pontuais de prevenção. Foram identificadas 29 escolas (71%) que utilizavam programas de prevenção em suas unidades, enquanto as demais se valeram exclusivamente de atividades preventivas. O programa de maior prevalência aplicado nas escolas investigadas foi o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), que foi aplicado em 54% (n=22) das escolas investigadas. Foram encontrados também outros programas de prevenção como o Nepre, Agrinho, Projeto diretor de turma, Protagonismo juvenil, Dignidade: uma conquista diária e o programa da Secretaria Municipal do Rio de Janeiro (SMS). Em 20 escolas, atividades de prevenção foram combinadas com programas e, em outras 12, elas foram ofertadas como única ação preventiva. Foram utilizadas como atividades preventivas palestras, aulas, seminários, atividades lúdicas e visitas técnicas a clínicas de reabilitação. A droga psicotrópica mais mencionada nos programas e atividades foi o crack e a maconha. Nas entrevistas percebeu-se uma desinformação geral quanto às formas de avaliações dos programas. Além disso, os programas aplicados não possuem evidência de eficácia e não se baseiam em boas práticas preventivas. Conclusão: evidenciou-se que no Brasil, os programas de prevenção são confundidos com atividades preventivas. Os programas apresentados não seguiram as boas práticas de prevenção e não são baseados em evidências científicas. O resultado do estudo pode contribuir para apontar a necessidade do desenvolvimento de políticas públicas nacionais que estimulem a implantação de programas baseados em evidências no currículo das escolas, evitando assim potenciais efeitos iatrogênicos da prevenção escolar.Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)CNPq: 472991/2012-4BV UNIFESP: Teses e dissertaçõe

    Workers s Immigrants in the city of Uberlândia / MG: analysis the Brazilian public policies regarding health and work from 2010 to 2016

    Get PDF
    Introduction: Current migratory movements have made Brazil an attractive country for foreigners in search for better living conditions, work opportunities and income. Public policies based on social rights, health and work, aimed at immigrant workers, become relevant in terms of decent working conditions. Objective: To analyze the Brazilian public, state and regional policies regarding health and work from 2010 to 2016, focused on the immigrant workers in the city of Uberlandia/MG, in the scenario of the contemporary work. Methods: This is an exploratory and analytical study developed in the city of Uberlandia/MG. As collection instruments, we used the documentary analysis of public domain legislations specific about public policies in health and work in Brazil and in the state of Minas Gerais, published from 2010 to 2016. We also analyzed the official data about migration from the Ministry of Labor and Employment. We performed semi-structured interviews and data analysis about the contingent and characteristics of immigrant workers in Uberlandia at the following agencies: Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Reference Center on Occupational Health), Gerência Regional do Trabalho e Emprego (Regional Management Department of Labor and Employment), Secretaria de Desenvolvimento Social e do Trabalho (Secretariat of Labor and Social Welfare), Trabalho de Apoio e Assistência aos Refugiados Estrangeiros (NGO for Support and Assistance to Foreign Refugees), Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário (Labor Union of the Civil Construction and Furniture Industries) and Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins (Labor Union of Food Manufacturing). Results: In the national legislations related to the study’s theme (health, work, and social security), one by the Ministry of Health and another by a joint action of Brazilian Ministries, there is not any mention of immigrants and policies aimed at this population in Brazil. At the state level, we highlight the recent creation of the Comitê de Atenção ao Migrante (Migrant Care Committee), of advisory, deliberative and proactive nature. Although there is no consensus among the data of the institutions analyzed regarding the contingent and composition of the immigrants’ nationality, more than three hundred immigrants are estimated to live in Uberlandia, among Haitians, Bolivians and Bengalese, most of whom are formally and informally involved in construction, poultry slaughtering and in the service provision sector. Regarding the local situation, we highlight the lack of legislation, unpreparedness to welcome and assist foreigners, the lack of more effective actions that benefit immigrant workers with emphasis in the health sector, differently from the Secretaria de Desenvolvimento Social e do Trabalho, which showed greater involvement and commitment, as well as the nongovernmental organization studied. Conclusion: We consider that Brazil, the state of Minas Gerais and the city of Uberlandia were not prepared to receive the contingent of immigrant workers, from the point of view of guaranteeing social and constitutional rights such as health and work. We also consider that the ministerial bodies responsible for health and work did not have adequate training and standardization, showing a disarray and inability to measure and develop actions for the set of immigrants who work formally and informally in our country. However, we concluded that the new Brazilian Migration Law, published in 2017, is a legislative advance. Despite its limitations, this law compels a redesign of Brazilian public policies on health and work, to articulate them in a joint effort of dialogue and cooperation to face the complexity of international migration in the context of contemporary work.Introdução: Os movimentos migratórios atuais incluem o Brasil como país de atração para estrangeiros, no encalço de melhores condições de vida, oportunidades de trabalho e renda. Dessa forma, políticas públicas voltadas aos trabalhadores imigrantes pautadas nos direitos sociais saúde e trabalho assumem relevância no que concerne a condições dignas de trabalho. Objetivo: Analisar as políticas públicas brasileiras, estaduais e locorregionais de saúde e trabalho, entre 2010 e 2016, voltadas aos trabalhadores imigrantes em Uberlândia/MG, no cenário do trabalho contemporâneo. Métodos: Estudo exploratório e analítico, desenvolvido na cidade de Uberlândia/MG. Como instrumentos de coleta, utilizamos a análise documental de legislações de domínio público, específicas sobre políticas públicas em saúde e trabalho no Brasil e no estado de Minas Gerais, publicadas no período de 2010 a 2016; a análise de dados oficiais sobre migrações do Ministério do Trabalho e Emprego; entrevistas semiestruturadas e análise de dados sobre o contingente e as características dos trabalhadores imigrantes de Uberlândia nos seguintes órgãos: Centro de Referência em Saúde do Trabalhador, Gerência Regional do Trabalho e Emprego, Secretaria de Desenvolvimento Social e do Trabalho, Trabalho de Apoio e Assistência aos Refugiados Estrangeiros, Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário e Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins. Resultados: Das legislações nacionais atinentes à temática da pesquisa – uma originária do Ministério da Saúde e uma interministerial –, incluindo-se saúde, trabalho e previdência social, inexiste alusão ao imigrante no que tange a políticas voltadas a essa população no Brasil. No âmbito estadual, destaca-se a recente criação do Comitê de Atenção ao Migrante, de caráter consultivo, deliberativo e propositivo. Embora não haja um consenso entre os dados das instituições analisadas quanto ao contingente de imigrantes e sua composição segundo a nacionalidade, há estimativas de mais de trezentos imigrantes em Uberlândia, entre haitianos, bolivianos e bengaleses, em sua maioria inseridos formal e informalmente em atividades da construção civil, de abate de aves e do setor de serviços. Sobre a atuação local, destaca-se a falta de legislação, despreparo para receber e atender estrangeiros, bem como a inexistência de ações mais efetivas que beneficiem trabalhadores imigrantes, com maior evidência no setor saúde. Os órgãos que mostraram maior envolvimento e emprenho dos servidores foram a Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho e a organização não governamental pesquisada. Conclusões: Consideramos que o Brasil, o estado de Minas Gerais e a cidade de Uberlândia não estavam preparados para receber o contingente de trabalhadores imigrantes sob o ponto de vista da garantia de direitos sociais e constitucionais como saúde e trabalho. Além disso, os órgãos ministeriais responsáveis por saúde e trabalho não se adequaram em termos de capacitação e normatização, mostrando-se desarticulados e incapazes de dimensionar e desenvolver ações para o conjunto de imigrantes que trabalham formal e informalmente em nosso país. Contudo, concluímos que a nova Lei da Migração, publicada no ano de 2017, constitui um avanço legislativo, embora com limitações, compelindo um redesenho das políticas públicas brasileiras de saúde e trabalho e articulando-as num esforço conjunto de diálogo e cooperação necessários ao enfrentamento da complexidade das migrações internacionais, frente ao cenário do trabalho contemporâneo.BV UNIFESP: Teses e dissertaçõe

    Nurse training for work in the integral care program for women’s health in basics health care

    No full text
    O Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PAISM) busca a diminuição e resolução dos agravos nos ciclos de vida da mulher. O enfermeiro atua na assistência primária de saúde desenvolvendo ações educativas, de diagnóstico, tratamento e recuperação voltados a assistência da mulher. O objetivo deste trabalho é analisar a formação e atuação do enfermeiro no Programa de Assistência Integral à Saúde da Mulher na Atenção Básica em Saúde. A metodologia utilizada foi exploratório-descritiva com enfoque qualitativo e os dados obtidos por meio de entrevista semi-estruturada com 25 enfermeiros do Distrito Sanitário de Saúde Sul na cidade de Manaus-Amazonas. Foi realizada uma análise de conteúdo do tipo temático categorial. Estes enfermeiros atuam na profissão em torno de 12-16 anos; a maioria com tempo de formação entre 13-17 anos. Como ações oferecidas pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS), destacam-se as voltadas para o ciclo grávido puerperal e para a prevenção de câncer. Sobre a Política de Saúde da Mulher observou-se que consideram como parte integrante da Atenção à Saúde em geral, tendo a mulher o direito comum do uso da assistência à saúde; destacam como Importância da UBS na Saúde da Mulher as ações voltadas ao rastreio, orientações, exames, vacinas e prevenção das doenças, bem como ações curativas. Sobre a Importância do Enfermeiro nesta assistência, destacam o seu papel como orientador e direcionador das demandas, bem como sua contribuição nas ações de prevenção. Quanto a Contribuição da Graduação para o Atendimento na Saúde da Mulher: 22,8% enfatizam a aprendizagem da normatização das ações; 21,7% a saúde reprodutiva e 21,6% destacam lacunas existentes para o desenvolvimento das práticas profissionais. Como sugestões para melhoria no Atendimento à Mulher, 18,2% dos enfermeiros compreendem as ações e direitos da mulher, a necessidade de aperfeiçoar as atividades em torno dos ciclos de vida da mulher e do atendimento humanizado, aprimoramento das técnicas aplicadas nas ações e assistência à mulher em todas as fases de sua vida. Para 25% dos entrevistados as questões de aprimoramento e mudança, começam pela matriz curricular, e referem que a educação permanente e educação continuada em saúde são também necessárias para a melhoria no atendimento.The Integral Care Program for Women’s Health (PAISM) aims to diminish and treat injuries in women‘s life cycle. Nurses work in health primary assistance performing educative actions, diagnostic, treatment and recovery focused on assistance for women. The objective of this work is to analyze the nurse training for work in the integral care program for women’s health in Basics Health Care. The methodology used was explanatory-descriptive with a qualitative approach, and data gathering by mean of semi structured interviews with 25 nurses from the Health District South in Manaus city, Amazonas. The content analysis was according categorized topics. These nurses have been working about 12-16 year on this profession; most of them graduated between 13-17 years ago. As shares offered in Basic Health Units (UBS), are focused on pregnancy-puerperal cycle and cancer prevention. About women’s health Policy we observed that it’s considered in General Health Care, where women has the common rights guaranteed; emphasize the importance of UBS in women’s health with shares dedicated to track, monitoring, orientations, examinations, vaccination, diseases prevention, and treatment as well. About the importance of nurses on this assistance, we noticed their roles as advisors, guides and facilitators in needs, and contributions in prevention actions. Concerning their training in college for treating women’s health: 22,8% highlights the learning of standardization of shares; 21,7% reproductive health, and 21,6% highlight the lacks in performance of professional practice. As a suggestion for improving women assistance, 18,2% of nurses understand the shares and rights of women, the need to improve shares about women’s life cycle and humanized care, improving techniques used in shares and assistance for women in every phase of their life. And for 25% of interviewed, in questions of improving and changing starts at curricular plan of the training course, consolidating the permanent and continuous education as a reference for improve the assistance

    Práticas profissionais em um ambulatório oncológico

    No full text
    Introdução: No campo da saúde o trabalho em equipe pode ser definido como a integração das disciplinas e das profissões que, durante o desenvolvimento de uma tarefa, almejam o mesmo objetivo, para a execução das práticas de saúde, com base na nova concepção biopsicossocial do processo saúde-doença. Considerando o atendimento ambulatorial a pacientes oncológicos, os profissionais que compõem a equipe podem perceber necessidades específicas relacionadas a esse universo, por alterações causadas pela doença. Tais necessidades envolvem as esferas biológica, emocional e sociocultural, o que justifica a necessidade de inter-relação entre as diferentes especialidades. Objetivo: Identificar as concepções dos profissionais que compõem a equipe multiprofissional de um Ambulatório Oncológico de Quimioterapia e Radioterapia sobre a prática profissional. Métodos: O estudo teve como cenário o ambulatório oncológico de quimioterapia e radioterapia de um hospital de ensino, tendo como participantes os profissionais que compõem as equipes multiprofissionais desses ambulatórios, com atuação diretamente ligada à área assistencial. Trata-se de uma pesquisa descritiva, de natureza qualitativa, tendo como abordagem metodológica o estudo de caso. Adotou-se, para coleta de dados, a realização de entrevistas semiestruturadas, e a análise de dados baseou-se na técnica de análise de conteúdo. Todos os procedimentos éticos foram seguidos, havendo aprovação dos Comitês de Ética em Pesquisa. Os relatos direcionaram para o desenvolvimento de quatro eixos temáticos. Resultados: No primeiro eixo intitulado Compreensão do Trabalho em Equipe os relatos sobre a concepção dessa forma de atuação demonstraram um olhar multiprofissional, devido a uma interação limitada no contexto de equipe, distorção na caracterização das diferentes perspectivas de trabalho e valorização do envolvimento entre os profissionais, por favorecer o aprendizado sobre as outras profissões. O segundo eixo Desenvolvimento das Práticas identificou momentos de atuação profissional isolada na perspectiva multidisciplinar, bem como de integração entre os membros da equipe, e a valorização da prática colaborativa que pode favorecer o cuidado e a resolução de questões práticas dentro da organização. No eixo Fatores Dificultadores os participantes relataram dificuldades no cotidiano das equipes que podem desfavorecer uma atuação integrada entre os profissionais, como sobrecarga de trabalho e deficiência na interação profissional por falha no processo de comunicação. No último eixo, intitulado Fatores Facilitadores, os relatos evidenciaram situações que contribuem para uma comunicação entre as diferentes especialidades, como o acesso facilitado aos profissionais por meio do diálogo, as reuniões multiprofissionais, que permitem importantes trocas e discussões, e a perspectiva interprofissional, como direcionadora do trabalho em equipe. Considerações finais: O estudo permitiu identificar o conhecimento dos profissionais que compõem as equipes multiprofissionais sobre a prática profissional e o trabalho em equipe, além de revelar como as práticas interprofissionais são desenvolvidas sob a ótica desses profissionais e a presença de momentos que expressam a integração entre os membros da equipe. Acredita-se que os resultados apresentados possam contribuir para o debate sobre as práticas profissionais na área da saúde, de modo que as instituições, os profissionais de saúde e as equipes criem condições para a realização de um trabalho em equipe integrado.Introduction: In the health field, teamwork can be defined as the integration of disciplines and professionals which, during the development of a task, aim for the same objective - the execution of health practices, based on the new biopsychosocial conception of the health-disease process. Considering outpatient care provided to oncology patients, the professionals who make up the team can perceive specific needs related to this universe, through changes caused by the disease. These needs involve biological, emotional and sociocultural aspects, which explain the need for an interrelationship among different specialties. Objective: To identify the conceptions of professionals who make up the multiprofessional team of a chemotherapy and radiotherapy oncology outpatient clinic about their professional practice. Methods: The study setting was the chemotherapy and radiotherapy oncology outpatient clinic of a teaching hospital, and participants were the professionals who make up the multiprofessional teams of this clinic, who work directly in the care area. A qualitative descriptive study was conducted, using case study as the methodological approach. Data were collected by means of semi-structured interviews and analyzed using the content analysis technique. All ethical procedures were observed, and the research proposal was approved by a research ethics committee. The participants‘ statements led to the development of four thematic axes. Results: In the first axis, entitled Understanding of Teamwork, the statements about the conception of this form of activity showed a multiprofessional perspective, due to a limited interaction in the team context, a distortion in the characterization of the different perspectives of work and the appreciation of the involvement among professionals, as this favors learning about other professions. The second axis, regarding the Development of Practices, identified moments of isolated professional activity in the multidisciplinary perspective, as well as an integration among team members, and the appreciation of the collaborative practice that can favor care and resolution of practical issues within the organization. In the axis Hindering Factors, the participants reported difficulties in the daily routine of the teams that can hinder an integrated performance among the professionals, such as work overload and a deficient professional interaction due to failures in the communication process. In the last axis, entitled Facilitating Factors, the statements evidenced situations that contribute to a good communication among different specialties, such as facilitated access to professionals through dialogue, multiprofessional meetings, which allow for important exchanges and discussions, and the interprofessional perspective, guiding teamwork. Final considerations: The study allowed to identify the knowledge of professionals who make up multiprofessional teams on professional practice and teamwork, in addition to revealing how interprofessional practices are developed from the perspective of these professionals and the presence of moments that express the integration among team members. The results of this study are expected to contribute to the discussion on professional practices in the health area, so that institutions, health professionals and teams can create conditions for developing integrated teamwork

    Formação profissional em saúde na perspectiva do trabalho em equipe e da integralidade no cuidado: percepção de estudantes.

    No full text
    As políticas indutoras de Educação e Saúde têm impulsionado as universidades brasileiras a refletir e agir, no sentido de liderar a proposição, implementação e avaliação de ações educacionais e pedagógicas inovadoras, desafiadoras em prol de uma formação de profissionais da saúde aptos para atender as demandas e as necessidades da população com habilidades e competências que priorizem o trabalho em equipe, a humanização dos serviços de saúde, a interdisciplinaridade, a integralidade no cuidado e a melhoria da qualidade dos serviços ofertados à comunidade. Entende-se por competência, o resultado de um conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes, que conferem ao profissional de saúde condições para desenvolver seu trabalho na perspectiva do trabalho em equipe para conferir maior resolutividade nos serviços de saúde. Nesta perspectiva, o presente estudo teve como objetivo analisar a formação de profissionais da saúde na perspectiva da integralidade no cuidado e construir uma matriz que subsidie o planejamento e avaliação de competências. Primeiramente, foi realizada a análise documental dos projetos pedagógicos dos 11 cursos de formação em saúde da UNIFESP, dos princípios do Sistema Único de Saúde e das Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos da saúde. Em seguida, o questionário de Medida da Disponibilidade para Aprendizagem Interprofissional (PEDUZZI e NORMAN, 2012), em escala Likert, foi aplicado com a ampliação de outros dois fatores. A aplicação foi realizada de modo presencial em cada curso de graduação em saúde da UNIFESP: educação física, enfermagem, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, biomedicina, farmácia, nutrição, psicologia, serviço social e terapia ocupacional. Dentre 218 estudantes convidados a responder o questionário, 187 estudantes concluintes dos referidos cursos completaram o instrumento, que teve como ênfase avaliar o preparo para o trabalho em equipe e a integralidade no cuidado na percepção dos estudantes. Os dados receberam tratamento estatístico: análise exploratória dos dados com média, mediana, desvio padrão, frequência absoluta e relativa, Análise Fatorial, Alpha de Cronbach e o Teste do Sinal. Os resultados indicam que os currículos atendem aos princípios estabelecidos pelas DCNs e na percepção dos estudantes concluintes, o desenvolvimento de inúmeras competências foram facilidades durante o processo de formação. Analisando cada fator separadamente por curso, observou-se comportamentos muito similares entre os mesmos. Das 36 assertivas, a maioria encontra-se em zona de conforto, oito assertivas mostram-se em zona de alerta. Os cursos de farmácia, psicologia, serviço social e terapia ocupacional sinalizam zona de perigo apenas para a assertiva A20 que se refere à função do profissional par a atenção centrada no paciente. O produto resultante deste estudo foi a construção de uma matriz que tem por finalidade auxiliar no planejamento e avaliação de competências para a formação profissional nos cursos da área da saúde. Esse produto será socializado com os coordenadores dos cursos da UNIFESP no sentido de subsidiar o aprimoramento da formação em saúde.The inductive policies on Education and Health Care have impelled the Brazilian universities into reflecting and acting towards leading the proposition, the inclusion and the evaluation of innovative educational and pedagogical actions, which lead into the formation of healthcare professionals who are apt to reach the demand and the necessities of the population with ability and that give priority to team work, humanization of Health services, interdisciplinarity, integrality in care and improvement of the quality of services which are offered to the community. For competence one should understand the result of a reunion of abilities, attitudes and knowledge that give the health professional the conditions to develop his job regarding team work in order to obtain better results. Through this perspective this study had as an objective evaluate the formation of healthcare professionals regarding the level of care and develop a matrix that can support the planning and evaluation of competences. First of all, there has been made a documental analysis of the pedagogical projects of the 11 courses of graduation in Health at UNIFESP, the principles of the SUS (Brasil’s National Health Care System) and of the Curricular National Guidelines of the Health courses. Right after that, a questionnaire on the Measure of the Disponibility for Interprofessional Learning Process (PEDUZZI and NORMAN, 2012) held on Likert scale, was applied with the addition of other two factors. This was done for every graduation course on Healthcare at UNIFESP in a presential manner such as: Physical Education, Nursing, Physical Therapy, Speech Therapy, Medicine, Biomedicine, Pharmacology, Nutrition, Psychology, Social Service and Occupational Therapy. Among the students who were asked to answer this questionnaire, 187 of them who were taking the final stages completed it, which had the target of evaluating the level of preparation for team work and the integrality in care. The data were dealt with regarding statistics: an exploratory data analysis considering average, median, standard deviation, absolute and relative frequency, Factorial Analysis, Alpha de Cronbach and the Signal Test. The results indicate that the curriculums were in accordance to the principles established by DCN’s and considering the graduating students perception, the development of various competencies were enhanced during the formation process. Analyzing each factor individually considering each course, similar behaviors among them could be observed. From the 36 statements, the majority is located in a comfort zone, while 8 of them are located in an alert zone. The courses on Pharmacology, Psychology, Social Service and Occupational Therapy have signaled an alert only for statement number20 which refers to “the main function of the professional while centering attention on the patient”. The resultant product of this study was the construction of a matrix of competencies that has the target of evaluating the presence/absence of competencies in the process of graduation on Health and helping the planning and evaluation of the courses. This product will be shared with the course coordinators in order to support the improvement of the pedagogical processes of the Health courses at UNIFESP
    Repositório Institucional UNIFESPis based in BR
    Access Repository Dashboard
    Do you manage Repositório Institucional UNIFESP? Access insider analytics, issue reports and manage access to outputs from your repository in the CORE Repository Dashboard! CORE Repository Dashboard!