Análise Preliminar dos Índices de Instabilidade a Partir de Simulações Realizadas com o Modelo Weather Research and Forecasting (WRF) para o Sul do Brasil

Abstract

Este trabalho teve por objetivo avaliar a capacidade do modelo WRF em simular os índices de instabilidade em situações de tempestades durante primaveras com o fenômeno El Niño/Oscilação Sul no Sul do Brasil em quatro cidades: Curitiba, Florianópolis, Foz do Iguaçu e Porto Alegre. O modelo WRF foi utilizado para a realização das simulações, sendo que os valores dos índices K e TT foram simulados de forma satisfatória pelo WRF e razoavelmente para o LI. Os valores da CAPE simulados pelo WRF foi o que apresentaram as maiores diferenças em relação às observações. Com relação ao comportamento dos índices K, TT e LI em relação às mensagens METAR, observou-se que os valores extremos simulados ocorreram muito próximos aos registros de tempo instável nos aeroportos

    Similar works