5 research outputs found

    Infecção de ferida operatória após cesariana em um hospital público de Fortaleza

    Get PDF
    This study aims to characterize the cases of wound infection after cesarean section in women who underwent the operation in the period 2008 to 2010 in a public hospital in Fortaleza. It is a retrospective documentary study, with a quantitative approach, with 51 form notifications of women in hospital with cesarean infections, those forms that were not properly completed were excluded. Of the 51 forms reporting of women in hospital with cesarean infections, five did not meet the inclusion criteria, resulting in a sample of 46 report forms showing women in hospital undergoing cesarean sections. The average age of patients was 26.57 years old, aged between 14 and 40, median of 24 and standard deviation of 8.1. In this study, it was observed that the 46 patients infected by their operations had admission diagnostics diversified in a way that the diagnostic of the birth process stands out with 19 patients. 45 of the patients showed signs and symptoms characteristic of this type of infection, the predominant age group with the diagnosis of infection at the surgical site was 20-29 years, the surgical site infections that occurred most frequently were surface infections with 31 women affected and all patients progressed to discharge. We conclude this work with the fact that even with advanced and careful hygiene techniques on the part of health care professionals the number of women who develop surgical site infection after cesarean section is still significant.Este estudio tiene como objetivo caracterizar los casos de infección de herida operatoria tras cesárea en las mujeres que permanecieron hospitalizadas en el periodo 2008 a 2010 en un hospital público de Fortaleza. Es un estudio documental retrospectivo, con enfoque cuantitativo, con 51 formularios de notificación de infección hospitalaria de mujeres por cesárea, siendo excluidos los que no se completaron correctamente. De los 51 formularios de notificación de las mujeres del hospital por infección de cesárea, 5 no cumplieron con los criterios de inclusión, lo que resulta en 46 formularios de información. La edad media de las pacientes fue de 26,57 años, con edades entre 14 y 40 años, mediana de 24 años y una desviación estándar de 8,1. En este estudio, se observó que de 46 pacientes con infección de herida operatoria el diagnóstico de ingreso fue diversificado de forma que el diagnóstico del proceso del parto se destaca con 19 pacientes. 45 pacientes de esta población mostraron signos y síntomas característicos de este tipo de infección, el grupo de edad predominante con diagnóstico de infección en sitio quirúrgico fue de 20-29 años, las infecciones del sitio quirúrgico que se produjeron con mayor frecuencia fue la infección del sitio quirúrgico superficial con 31 mujeres afectadas y todos los pacientes evolucionaron al alta hospitalaria. Se concluye en este trabajo, que incluso con técnicas avanzadas y cuidados de higienización por parte de los profesionales el número de mujeres que evolucionan a infección del sitio quirúrgico después de una cesárea es aún importante.Este estudo tem por objetivo caracterizar os casos de infecção de ferida operatória após cesárea em mulheres que permaneceram internadas no período de 2008 a 2010 em um hospital público de Fortaleza. Estudo do tipo retrospectivo, documental com abordagem quantitativa com 51 fichas de notificação de infecção hospitalar de mulheres cesareadas, sendo excluídas aquelas que não estavam devidamente preenchidas. Das 51 fichas de notificação de infecção hospitalar de mulheres cesareadas, cinco não preencheram os critérios de inclusão, resultando em 46 fichas de notificação hospitalar de mulheres cesareadas na amostra. A idade média das pacientes foi de 26,57 anos, com idade mínima de 14 anos e idade máxima de 40 anos, mediana de 24 anos e desvio padrão de 8,1. Neste estudo, foram observados que das 46 pacientes com infecção de ferida operatória o diagnóstico de internação foi bem diversificado, de forma que o diagnóstico de trabalho de parto destaca-se com 19 pacientes. 45 pacientes desta população apresentaram os sinais e sintomas característicos para esse tipo de infecção, a faixa etária predominante com o diagnóstico de infecção no sítio cirúrgico foi de 20-29 anos, as infecções de sítio cirúrgico que ocorreram com maior freqüência foi infecção de sítio cirúrgico superficial com 31 das mulheres acometidas e todas as pacientes evoluíram para alta hospitalar. Conclui-se nesse trabalho, que mesmo havendo técnicas avançadas e cuidados de higienização por parte dos profissionais de saúde o número de mulheres que evoluem para infecção no sítio cirúrgico pós cesárea ainda é significativo

    Judicialização das eleições: A ilegitimidade da diplomação do segundo colocado

    No full text
    O presente trabalho de conclusão de curso aborda a ilegitimidade da atuação da Justiça Eleitoral ao diplomar o segundo colocado nas eleições majoritárias para chefia do Poder Executivo e tem como objetivo buscar na base do Estado Democrático de Direito – a Constituição Federal – uma forma de compatibilizar a atuação da Justiça Eleitoral, estabelecendo limites e parâmetros, com o princípio da soberania popular. O estudo inicia-se com a abordagem de pontos alusivos ao Estado Democrático de Direito, tratando-se de temas como a democracia, a soberania popular, a moralidade e a lisura do pleito eleitoral. Compreende-se que, uma vez maculada a liberdade de manifestação do eleitor por atos de abuso de poder econômico, corrupção e fraude, o processo eleitoral não é legítimo. Nesse contexto, a Justiça Eleitoral assume papel fundamental na preservação da normalidade e no resguardo da lisura das eleições. Não há, pois, comprometimento da soberania popular quando a Justiça Eleitoral, em sede de ação impugnatória, assegurada a ampla defesa, cassa o mandato eletivo conquistado pelo candidato, e seu vice, mediante o uso de artifícios nefastos e determina que sejam realizadas novas eleições. Assim, convocam-se novas eleições – diretas ou indiretas, conforme a vacância ocorra no primeiro ou segundo biênio do mandato executivo. Conclui-se que a decisão judicial que importe na diplomação do segundo colocado nas eleições não encontra fundamento de índole constitucional ou infraconstitucional. Ademais, uma eleição ilegítima só pode ser solucionada com uma nova eleição, com a qual melhor se atende ao princípio fundamental da soberania popular.O presente trabalho de conclusão de curso aborda a ilegitimidade da atuação da Justiça Eleitoral ao diplomar o segundo colocado nas eleições majoritárias para chefia do Poder Executivo e tem como objetivo buscar na base do Estado Democrático de Direito – a Constituição Federal – uma forma de compatibilizar a atuação da Justiça Eleitoral, estabelecendo limites e parâmetros, com o princípio da soberania popular. O estudo inicia-se com a abordagem de pontos alusivos ao Estado Democrático de Direito, tratando-se de temas como a democracia, a soberania popular, a moralidade e a lisura do pleito eleitoral. Compreende-se que, uma vez maculada a liberdade de manifestação do eleitor por atos de abuso de poder econômico, corrupção e fraude, o processo eleitoral não é legítimo. Nesse contexto, a Justiça Eleitoral assume papel fundamental na preservação da normalidade e no resguardo da lisura das eleições. Não há, pois, comprometimento da soberania popular quando a Justiça Eleitoral, em sede de ação impugnatória, assegurada a ampla defesa, cassa o mandato eletivo conquistado pelo candidato, e seu vice, mediante o uso de artifícios nefastos e determina que sejam realizadas novas eleições. Assim, convocam-se novas eleições – diretas ou indiretas, conforme a vacância ocorra no primeiro ou segundo biênio do mandato executivo. Conclui-se que a decisão judicial que importe na diplomação do segundo colocado nas eleições não encontra fundamento de índole constitucional ou infraconstitucional. Ademais, uma eleição ilegítima só pode ser solucionada com uma nova eleição, com a qual melhor se atende ao princípio fundamental da soberania popular

    Wound infection after cesarean section in a public hospital from Fortaleza

    No full text
    Este estudio tiene como objetivo caracterizar los casos de infección de herida operatoria tras cesárea en las mujeres que permanecieron hospitalizadas en el periodo 2008 a 2010 en un hospital público de Fortaleza. Es un estudio documental retrospectivo, con enfoque cuantitativo, con 51 formularios de notificación de infección hospitalaria de mujeres por cesárea, siendo excluidos los que no se completaron correctamente. De los 51 formularios de notificación de las mujeres del hospital por infección de cesárea, 5 no cumplieron con los criterios de inclusión, lo que resulta en 46 formularios de información. La edad media de las pacientes fue de 26,57 años, con edades entre 14 y 40 años, mediana de 24 años y una desviación estándar de 8,1. En este estudio, se observó que de 46 pacientes con infección de herida operatoria el diagnóstico de ingreso fue diversificado de forma que el diagnóstico del proceso del parto se destaca con 19 pacientes. 45 pacientes de esta población mostraron signos y síntomas característicos de este tipo de infección, el grupo de edad predominante con diagnóstico de infección en sitio quirúrgico fue de 20-29 años, las infecciones del sitio quirúrgico que se produjeron con mayor frecuencia fue la infección del sitio quirúrgico superficial con 31 mujeres afectadas y todos los pacientes evolucionaron al alta hospitalaria. Se concluye en este trabajo, que incluso con técnicas avanzadas y cuidados de higienización por parte de los profesionales el número de mujeres que evolucionan a infección del sitio quirúrgico después de una cesárea es aún importante.Este estudo tem por objetivo caracterizar os casos de infecção de ferida operatória após cesárea em mulheres que permaneceram internadas no período de 2008 a 2010 em um hospital público de Fortaleza. Estudo do tipo retrospectivo, documental com abordagem quantitativa com 51 fichas de notificação de infecção hospitalar de mulheres cesareadas, sendo excluídas aquelas que não estavam devidamente preenchidas. Das 51 fichas de notificação de infecção hospitalar de mulheres cesareadas, cinco não preencheram os critérios de inclusão, resultando em 46 fichas de notificação hospitalar de mulheres cesareadas na amostra. A idade média das pacientes foi de 26,57 anos, com idade mínima de 14 anos e idade máxima de 40 anos, mediana de 24 anos e desvio padrão de 8,1. Neste estudo, foram observados que das 46 pacientes com infecção de ferida operatória o diagnóstico de internação foi bem diversificado, de forma que o diagnóstico de trabalho de parto destaca-se com 19 pacientes. 45 pacientes desta população apresentaram os sinais e sintomas característicos para esse tipo de infecção, a faixa etária predominante com o diagnóstico de infecção no sítio cirúrgico foi de 20-29 anos, as infecções de sítio cirúrgico que ocorreram com maior freqüência foi infecção de sítio cirúrgico superficial com 31 das mulheres acometidas e todas as pacientes evoluíram para alta hospitalar. Conclui-se nesse trabalho, que mesmo havendo técnicas avançadas e cuidados de higienização por parte dos profissionais de saúde o número de mulheres que evoluem para infecção no sítio cirúrgico pós cesárea ainda é significativo.This study aims to characterize the cases of wound infection after cesarean section in women who underwent the operation in the period 2008 to 2010 in a public hospital in Fortaleza. It is a retrospective documentary study, with a quantitative approach, with 51 form notifications of women in hospital with cesarean infections, those forms that were not properly completed were excluded. Of the 51 forms reporting of women in hospital with cesarean infections, five did not meet the inclusion criteria, resulting in a sample of 46 report forms showing women in hospital undergoing cesarean sections. The average age of patients was 26.57 years old, aged between 14 and 40, median of 24 and standard deviation of 8.1. In this study, it was observed that the 46 patients infected by their operations had admission diagnostics diversified in a way that the diagnostic of the birth process stands out with 19 patients. 45 of the patients showed signs and symptoms characteristic of this type of infection, the predominant age group with the diagnosis of infection at the surgical site was 20-29 years, the surgical site infections that occurred most frequently were surface infections with 31 women affected and all patients progressed to discharge. We conclude this work with the fact that even with advanced and careful hygiene techniques on the part of health care professionals the number of women who develop surgical site infection after cesarean section is still significant

    Currículo e Ensino de História: um estado do conhecimento no Brasil

    No full text

    Neotropical freshwater fisheries : A dataset of occurrence and abundance of freshwater fishes in the Neotropics

    No full text
    The Neotropical region hosts 4225 freshwater fish species, ranking first among the world's most diverse regions for freshwater fishes. Our NEOTROPICAL FRESHWATER FISHES data set is the first to produce a large-scale Neotropical freshwater fish inventory, covering the entire Neotropical region from Mexico and the Caribbean in the north to the southern limits in Argentina, Paraguay, Chile, and Uruguay. We compiled 185,787 distribution records, with unique georeferenced coordinates, for the 4225 species, represented by occurrence and abundance data. The number of species for the most numerous orders are as follows: Characiformes (1289), Siluriformes (1384), Cichliformes (354), Cyprinodontiformes (245), and Gymnotiformes (135). The most recorded species was the characid Astyanax fasciatus (4696 records). We registered 116,802 distribution records for native species, compared to 1802 distribution records for nonnative species. The main aim of the NEOTROPICAL FRESHWATER FISHES data set was to make these occurrence and abundance data accessible for international researchers to develop ecological and macroecological studies, from local to regional scales, with focal fish species, families, or orders. We anticipate that the NEOTROPICAL FRESHWATER FISHES data set will be valuable for studies on a wide range of ecological processes, such as trophic cascades, fishery pressure, the effects of habitat loss and fragmentation, and the impacts of species invasion and climate change. There are no copyright restrictions on the data, and please cite this data paper when using the data in publications
    corecore