40 research outputs found

    Use of thyroid hormones in hypothyroid and euthyroid patients: a 2022 THESIS questionnaire survey of members of the Latin American Thyroid Society (LATS)

    No full text
    Abstract Purpose Inconsistencies in the medical management of hypothyroidism have been reported between endocrinologists in different countries. This study aimed to identify the attitudes of Latin America thyroid specialists towards the use of thyroid hormones. Methods Online survey of members of the Latin America Thyroid Society. Results 81/446 (18.2%) completed the questionnaire. Levothyroxine (LT4) was the initial treatment of choice for all respondents. 56.8% would consider LT4 use in biochemically euthyroid patients: infertile women with elevated anti-thyroid antibodies (46.9%), resistant depression (17.3%) and growing goiter (12%). Most respondents preferred tablets (39.5%) over liquid formulations (21.0%) or soft gel capsules (22.2%) and would not consider switching formulations in patients with persistent symptoms. 39.5% would never use LT4‚ÄČ+‚ÄČliothyronine (LT3) combination therapy in symptomatic euthyroid patients, due to low quality evidence for benefit. 60.5% reported that persistence of symptoms despite normal TSH is rare (below 5% of patients) and its prevalence has been stable over the last five years. Psychosocial factors (84.0%), comorbidities (86.4%) and the patient unrealistic expectation (72.8%) were considered the top three explanations for this phenomenon. Conclusion LT4 tablets is the treatment of choice for hypothyroidism. A significant proportion of respondents would use LT4 in some groups of euthyroid individuals, contrasting the recommendations of the major clinical practice guideline indications. LT4‚ÄČ+‚ÄČLT3 combination treatment in euthyroid symptomatic patients was considered by nearly 50%. Practices based on weak or absent evidence included use of thyroid hormones for euthyroid subjects by 56.8% of respondents and use of LT4‚ÄČ+‚ÄČLT3 treatment by 60.5% of respondents for patients with persistent symptoms. In contrast to many European countries, LATS respondents report a low and unchanged proportion of dissatisfied patients over the last five years

    An√°lise descritiva da mini avalia√ß√£o nutricional em idosos da universidade aberta √† terceira idade ‚Äď UATI

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o envelhecimento populacional √© um fen√īmeno universal devido ao processo de transi√ß√£o demogr√°fica caracter√≠stico de diversos pa√≠ses. Nesse processo, observam-se altera√ß√Ķes fisiol√≥gicas e nutricionais nos indiv√≠duos, acompanhadas do decl√≠nio das atividades funcionais cotidianas. A Mini Avalia√ß√£o Nutricional foi desenvolvida para detectar a desnutri√ß√£o ou o risco nutricional. Trata- se de uma ferramenta simples, de f√°cil aplica√ß√£o, efetiva e validada, para utiliza√ß√£o em pacientes idosos. Objetivo: avaliar o estado nutricional atrav√©s da aplica√ß√£o da Mini Avalia√ß√£o Nutricional (MAN) e fatores associados em idosos frequentadores da Universidade Aberta √† Terceira Idade (UATI), situada em Salvador, Bahia. Metodologia: trata-se de um estudo observacional, anal√≠tico e de corte transversal, em que foram avaliados 52 idosos a partir de 60 anos, de ambos os sexos, admitidos entre os meses de fevereiro e junho de 2021. Na avalia√ß√£o do estado nutricional, utilizou- se a MAN e, para a an√°lise estat√≠stica, foi aplicado o programa Statistical Package for Social Science 20.0. A amostra foi categorizada em tr√™s grupos: adequado, risco de desnutri√ß√£o e desnutri√ß√£o. Utilizou-se o teste de qui quadrado, considerando p<0,05. Conclus√£o: os resultados encontrados neste estudo mostram que h√° preval√™ncia e um elevado risco de desnutri√ß√£o nos pacientes idosos da UATI. Os grupos estudados se caracterizam por maior frequ√™ncia do sexo feminino, faixa et√°ria entre 60 e 69 anos, sem ocupa√ß√£o e com hipossufici√™ncia financeira. A aplica√ß√£o desse m√©todo de avalia√ß√£o nutricional em idosos √© de baixo custo e de f√°cil reprodutividade e tem demonstrado efic√°cia no rastreio da desnutri√ß√£o de forma precoce, proporcionando interven√ß√Ķes nutricionais mais r√°pidas e efetivas, especialmente no contexto da sa√ļde p√ļblica

    Carcinoma papilífero de tireoide pediátrico associado à fusão gênica RET-PTC6: relato de caso

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o carcinoma papil√≠fero de tireoide √© a neoplasia maligna que mais acomete o sistema end√≥crino, correspondendo a cerca de 90% dos casos. Diante de sua frequ√™ncia, nas √ļltimas d√©cadas, foi registrado um aumento do n√ļmero de casos na popula√ß√£o pedi√°trica e, devido a isso, o n√ļmero de crian√ßas e adolescentes submetidos √† tireoidectomia se tornou cada vez maior. Enquanto as altera√ß√Ķes g√™nicas mais encontradas em adultos com carcinoma papil√≠fero concentram-se em muta√ß√Ķes pontuais, na popula√ß√£o pedi√°trica as fus√Ķes g√™nicas s√£o mais frequentes, com destaque para os rearranjos RET/PTC. Objetivo: relatar aspectos cl√≠nico-patol√≥gicos do carcinoma papil√≠fero de tireoide, associado √† fus√£o do gene RET, em crian√ßa submetida √† tireoidectomia e radioiodoterapia adjuvante. Em seguida, discute-se a import√Ęncia do diagn√≥stico molecular na escolha de terapias relevantes no tratamento do CPT. Caso Cl√≠nico: trata-se de uma paciente do sexo feminino, 11 anos de idade, submetida a tireoidectomia total e esvaziamento cervical ap√≥s diagn√≥stico do referido carcinoma. O estudo anatomopatol√≥gico revelou um carcinoma metast√°tico em linfonodos regionais. Utilizou-se uma amostra de tecido em bloco de parafina para a realiza√ß√£o de um sequenciamento de nova gera√ß√£o, que apontou a exist√™ncia da fus√£o g√™nica TRIM24-RET. Conclus√£o: os dados deste relato de caso evidenciam que a muta√ß√£o RET/PTC6 est√° muito associada √† popula√ß√£o pedi√°trica e que testes moleculares, como o NGS, s√£o de extremo valor na identifica√ß√£o dessas altera√ß√Ķes g√™nicas e, consequentemente, na terapia a ser adotada para cada paciente

    Mutação no gene BRAF em carcinoma diferenciado de tireoide avançado: um relato de caso

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o carcinoma diferenciado da tireoide corresponde aproximadamente a 90% dos casos de neoplasias da tireoide, sendo que, desses, 80-85% dos casos s√£o de carcinoma papil√≠fero da tireoide. Apesar de a maioria desses carcinomas serem bem diferenciados e com baixa taxa de invas√£o local, recidiva ou met√°stases (regionais ou distantes), existe um subgrupo que apresenta uma heterogeneidade gen√©tica com variantes mais agressivas, podendo tornar o c√Ęncer de tireoide mais invasivo e letal. Objetivos: 1) Relatar o caso de um paciente adulto portador de carcinoma diferenciado da tireoide avan√ßado, com met√°stase pulmonar, em terapia supressiva com levotiroxina, ap√≥s tratamento combinado com cirurgia e radioiodoterapia; 2) Discutir sobre as caracter√≠sticas patol√≥gicas e moleculares como fatores relevantes no direcionamento de condutas terap√™uticas. Caso cl√≠nico: trata-se de um paciente do sexo masculino, com 39 anos de idade, cuja a pun√ß√£o aspirativa com agulha fina (PAAF) foi compat√≠vel com carcinoma papil√≠fero da tireoide que, na sequ√™ncia, foi submetido a tireoidectomia total, com esvaziamento cervical. O exame anatomopatol√≥gico revelou carcinoma papil√≠fero da tireoide cl√°ssico, com met√°stase em cinco linfonodos. A an√°lise molecular realizada por sequenciamento de nova gera√ß√£o evidenciou a muta√ß√£o no gene BRAF (V600E), o qual tem associa√ß√£o significativa com est√°gios mais avan√ßados do tumor, met√°stases e radioiodorefratariedade. Conclus√£o: este relato possibilita discutir a necessidade da avalia√ß√£o molecular como direcionamento na conduta terap√™utica de cada paciente oncol√≥gico

    Mutação do promotor TERT no carcinoma anaplásico da tireoide: um relato de caso

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o gene TERT codifica a subunidade catal√≠tica da telomerase respons√°vel pelo alongamento dos tel√īmeros no final dos cromossomos. Muta√ß√Ķes na regi√£o promotora do gene TERT resultam em superexpress√£o da subunidade catal√≠tica e promovem aumento da atividade da telomerase, fatos que levam ao aumento da incid√™ncia do c√Ęncer. No carcinoma anapl√°sico da tireoide, essas muta√ß√Ķes s√£o preditores de pior progn√≥stico e est√£o associadas a comportamento cl√≠nico agressivo, incluindo alta frequ√™ncia de recidivas, met√°stases a dist√Ęncia e morte espec√≠fica pela doen√ßa. Objetivo: relatar o caso de uma paciente idosa portadora de carcinoma anapl√°sico da tireoide, cujo teste de sequenciamento gen√©tico revelou a muta√ß√£o do promotor TERT C228T. Caso cl√≠nico: mulher idosa, 66 anos, diagnosticada inicialmente com n√≥dulo tireoidiano, o qual cresceu rapidamente em um curto per√≠odo de tempo. Diante da suspeita de neoplasia maligna, a paciente foi submetida a tireoidectomia total, com realiza√ß√£o de esvaziamento cervical. Os estudos anatomopatol√≥gico e imuno-histoqu√≠mico do tumor confirmaram o carcinoma. Estudos moleculares realizados a partir da tecnologia do sequenciamento de nova gera√ß√£o negaram a presen√ßa de fus√Ķes g√™nicas, por√©m detectaram a muta√ß√£o TERT C228T. Discuss√£o: a identifica√ß√£o da muta√ß√£o no promotor TERT C288T refor√ßa a hip√≥tese de que muta√ß√Ķes TERT s√£o frequentes em tumores tireoidianos mais agressivos, como √© o caso do carcinoma anapl√°sico da tireoide. Conclus√£o: os dados apresentados neste estudo refor√ßam a premissa de que muta√ß√Ķes no promotor TERT s√£o preditores de pior progn√≥stico e de comportamento cl√≠nico mais agressivo

    Composi√ß√£o corporal por meio da absortometria radiol√≥gica de dupla energia em idosos institucionalizados do Hospital Santo Ant√īnio

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o processo de envelhecimento tem sido constante objeto de estudos epidemiol√≥gicos, em fun√ß√£o do recrudescimento do n√ļmero de idosos na popula√ß√£o, resultando numa incessante busca de institui√ß√Ķes de longa perman√™ncia. O uso de m√©todos de avalia√ß√£o nutricional e de composi√ß√£o corporal em idosos dessas institui√ß√Ķes pode ser considerado um diferencial na assist√™ncia multimodal. Objetivo: avaliar a composi√ß√£o corporal de idosos institucionalizados por meio da Absortometria Radiol√≥gica de Dupla Energia, atendidos do Hospital Santo Ant√īnio, na cidade de Salvador, Bahia. Metodologia: estudo descritivo, anal√≠tico, corte transversal, com 13 idosos de ambos os sexos da referida institui√ß√£o. Aplicou-se question√°rio sociodemogr√°fico e de dados cl√≠nicos e os idosos foram submetidos a DXA, obedecendo a protocolos padr√£o para realiza√ß√£o do exame. Resultados: predomin√Ęncia do sexo feminino (61%) e idade m√©dia de 79,5 (DP=7,0).  As mulheres se destacaram por excesso de gordura corporal (61,5%) e, no que tange √† reserva de massa muscular, a distribui√ß√£o percentual e absoluta foi dividida de forma igual para ambos os sexos (50%). Conclus√Ķes: foi poss√≠vel observar que grande parte dos idosos avaliados, e em especial mulheres, apresentou excesso de tecido corporal gorduroso, considerando todas as vari√°veis relacionadas √† massa gordurosa corporal reveladas pela DXA. Estudos dentro dessa tem√°tica, no √ļltimo ciclo de vida mais vulner√°vel s√£o de suma import√Ęncia, uma vez que o n√ļmero populacional de idosos tem assumido nos √ļltimos anos um crescimento exponencial

    Avaliação de dinapenia e associação com função tireoidiana em idosos da Universidade Aberta à Terceira Idade - UATI

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o presente artigo analisou e avaliou a preval√™ncia de dinapenia em associa√ß√£o da idade dos Horm√īnio Estimulador da tireoide (TSH) e T3 em idosos da Universidade Aberta √† Terceira Idade ‚Äď UATI. A tireoide produz e secreta os horm√īnios triiodotironina (T3 ) e tiroxina (T4 ), respons√°veis por controlar o metabolismo celular. O termo dinapenia tem sido utilizado para descrever a diminui√ß√£o da for√ßa muscular relacionada √† idade separando desta forma, a dinapenia da redu√ß√£o da massa muscular. Metodologia: trata-se de um estudo de corte transversal que investigou 63 mulheres com idade entre 60 e 95 anos, resultando numa idade m√©dia das participantes foi de 69,6 anos, n√£o institucionalizadas, matriculados no projeto ‚ÄúUniversidade Aberta √† Terceira Idade (UATI)‚ÄĚ, da Universidade Estadual da Bahia (UNEB). A for√ßa de preens√£o palmar (FPP) foi avaliada em quilograma (kg), por meio do dinam√īmetro digital manual da marca INSTRUTHERM. Resultados: foram diagnosticados com dinapenia as pacientes que possu√≠ram a FPP inferior a 20 kg. Descobriu-se que 23 idosas (36,51%) foram diagnosticadas com dinapenia. A correla√ß√£o entre as vari√°veis TSH e dinapenia foi positiva e fraca Spearman=0.17 (p-valor= 0.22). Assim, a rela√ß√£o entre o FPP e a idade n√£o parece ser linear possuindo uma correla√ß√£o negativa e fraca: Spearman= -0.11 (p-valor= 0.39). Conclus√£o: o n√≠vel s√©rico de TSH e idade n√£o tiveram associa√ß√£o significativa com a presen√ßa de dinapenia. Houve associa√ß√£o entre T3 s√©rico e dinapenia, por√©m n√£o √© poss√≠vel identificar em qual quartil est√° essa associa√ß√£

    Carcinoma anapl√°sico de tireoide: relato de caso tratado com cirurgia e radioterapia adjuvante

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: o Carcinoma Anapl√°sico de Tireoide (CAT) est√° entre as mais letais malignidades humanas, sendo a taxa de sobrevida estimada em 10-20% em 01 ano e menor que 5% em 10 anos. Diante da raridade do CAT e desfecho consideravelmente desfavor√°vel da doen√ßa, este relato discute as modalidades terap√™uticas utilizadas no tratamento do CAT e as caracter√≠sticas da doen√ßa possivelmente relacionadas a um melhor desfecho cl√≠nico. Objetivo: relatar o caso de um paciente idoso portador de CAT com resposta completa loco-regional ap√≥s tratamento combinado com cirurgia e radioterapia (RT) adjuvante. Neste estudo, a literatura a respeito das caracter√≠sticas da patologia da neoplasia indiferenciada da tireoide e modalidades de tratamento no controle oncol√≥gico desta doen√ßa √© revisada e discutida. Caso cl√≠nico: trata-se de um paciente masculino de 88 anos submetido a Tireoidectomia Total (TT) cujo estudo imuno-histoqu√≠mico evidenciou neoplasia maligna indiferenciada da tireoide. O paciente realizou tratamento adjuvante com RT na dose total de 66 Gy em leito operat√≥rio. Em tempo de seguimento de 18 meses, o paciente encontra-se vivo sem doen√ßa detect√°vel em atividade. Conclus√£o: neste relato, descreveu-se um raro caso de uma evolu√ß√£o favor√°vel de um paciente idoso portador de CAT com longa sobrevida livre de doen√ßa quando comparada ao progn√≥stico reservado dessa neoplasia. Este relato destaca a import√Ęncia de uma terapia multimodal no manejo desta doen√ßa

    Preval√™ncia de sobrepeso e obesidade em idosas frequentadoras da Universidade Aberta da Terceira Idade ‚Äď UATI

    Get PDF
    Introdu√ß√£o: este artigo trata-se da preval√™ncia de sobrepeso e obesidade em idosas frequentadoras da Universidade Aberta da Terceira Idade. Objetivo: avaliar as preval√™ncias de sobrepeso e de obesidade associadas a fatores socioecon√īmicos e presen√ßa de comorbidades, em uma amostra de idosas n√£o institucionalizadas de Salvador-BA, Brasil. Metodologia: um estudo transversal com uma amostra de 72 idosas com mais de 60 anos frequentadoras da Universidade Aberta da Terceira Idade (UATI) vinculada a Universidade Estadual da Bahia (UNEB). Foram aplicados question√°rios as participantes sobre aspectos pessoais, s√≥cio-demogr√°ficos e presen√ßa de comorbidades. Resultados: os dados antropom√©tricos avaliados foram o √ćndice de Massa Corporal (IMC) e da Circunfer√™ncia da Cintura (CC). Associa√ß√Ķes entre as vari√°veis categ√≥ricas foram testadas utilizando o teste qui-quadrado com um n√≠vel de signific√Ęncia 5%. Observou-se que preval√™ncia de sobrepeso e obesidade de acordo com o IMC foi de 34,48% e 24,14%, respectivamente e 86,54% dos idosos apresentaram um substancial aumento da circunfer√™ncia abdominal. Verificou-se que 13,46% dos indiv√≠duos eram diab√©ticos, 63,46% hipertensos. Conclus√£o: neste estudo n√£o houve associa√ß√£o com signific√Ęncia estat√≠stica entre excesso de peso e renda ou presen√ßa de comorbidades (Diabete Melito e Hipertens√£o)

    Association between BRAF (V600E) mutation and clinicopathological features of papillary thyroid carcinoma: a Brazilian single-centre case series

    No full text
    ABSTRACT Objectives: We aimed to investigate the prevalence of the BRAF (V600E) mutation in consecutive cases of papillary thyroid carcinoma (PTC) in patients diagnosed and treated at the Hospital Sao Rafael (Salvador, BA, Brazil) and evaluate its association with clinical and pathological characteristics of PTC. Subjects and methods: We retrospectively enrolled in the study a total of 43 consecutive PTC patients who underwent total thyroidectomy. We performed DNA extraction from formalin-fixed paraffin-embedded (FFPE) tumour tissue samples. Polymerase chain reaction (PCR) and direct sequencing were used to determine BRAF (V600E) mutation status. Univariate and multivariate logistic regression analyses were employed to identify independent associations. Results: The prevalence of BRAF (V600E) mutation was 65.1% (28/43). A high frequency of older patients (p value: 0.004) was observed among the BRAF-mutated PTC group and, in contrast, a low frequency of concurrent Hashimoto's thyroiditis (HT) (p value: 0.011) was noted. Multivariate analysis confirmed that older age (OR: 1.15; 95% CI: 1.00 ‚Äď 1.33; p value: 0.047) and HT (OR: 0.05; 95% CI: 0.006-0.40; p value: 0.005) were independent factors associated with BRAF (V600E) mutation. Conclusion: We found a high prevalence of BRAF (V600E) mutation in PTC cases. Older age and no concurrent HT were independently associated with BRAF (V600E) mutation
    corecore