Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Quadros de Ferro? Influências da historiografia na produção de livros didáticos de história regional nos municípios capixabas de Anchieta e Piúma

By Leonardo Nascimento Bourguignon

Abstract

Espremidas entre o mar e as montanhas, as cidades de Piúma e Anchieta, no litoral sul capixaba, tiveram sua rotina de redes e anzóis alterada com a chegada da Samarco no final da década de 1970 e, posteriormente, do turismo e da exploração do petróleo e do gás. Incomodados, alguns munícipes promoveram atividades que, acreditavam, construiriam uma representação de identidade regional. Entre essas iniciativas está a publicação de livros didáticos abordando a história e a geografia daqueles municípios. Para compreendermos o processo de produção e a narrativa contida nesses livros, nos apoiamos nos conceitos de representação, apropriação e autoria de Chartier (1990, 2002, 2010, 2012) e na análise das relações entre os três sentidos da história – o cotidiano, o escolar e o acadêmico - e do dilema que acompanha a história escolar desde sua origem e que transformou os livros didáticos em documentos de identidade, pensadas por Carretero (2010). O que se encontrou foi uma representação de identidade local que suporta distintas temporalidades, entre elas se destaca o que se chama de influência Varnhagen que produziu uma identidade como resultado da participação das etnias negra e indígena, mas sob predomínio europeu.Located between the sea and the mountains, the towns of Piuma and Anchieta, which lie on the southern coast of Espirito Santo, had their livelihoods of fishing changed with the arrival of Samarco in the 1970s and later by tourism, oil and gas. Some residents were affected by these changes and decided to promote activities to create a sense of regional identity. Among these initiatives were the publication of textbooks covering the history and geographical landscape of the area. In order to understand the process of creation of these book and the narrative contained in them, we rely on the concepts of representation, ownership and authorship of Chartier (1990, 2002, 2010, 2012) and the analysis of relations between these three senses of history – quotidian, scholar and academician - and the dilemma that accompanies school history since its inception which has transformed books in identity documents as stated by Carretero (2010). What we found was a local representation of identity that supports different temporalities and among them we will highlight what we cal

Topics: 37, Varnhagen, Francisco Adolfo de, 1816-1878, Educação – Anchieta (ES) – História, Educação – Espírito Santo (Estado) – História, Livros didáticos, Representações sociais
Year: 2014
OAI identifier: oai:dspace2.ufes.br:10/1092

Suggested articles


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.