Location of Repository

Reabilitação cardíaca home-based monitorizada à distância por tecnologias de informação e comunicação: Uma revisão sistemática

By Ana Carina Monteiro Moura

Abstract

Introdução: Cada vez mais a Reabilitação Cardíaca (RC) tem um início precoce no tratamento e nas necessidades do paciente no sentido de promover a sua autonomia e responsabilização pela recuperação, através de uma abordagem multidisciplinar. Os programas home-based e a inclusão das tecnologias de informação e comunicação são soluções atrativas para o aumento da participação dos doentes selecionados e inclusão de grupos de doentes atualmente sub-representados. Objetivos: Sistematizar a evidência científica atual sobre a efetividade dos programas de reabilitação cardíaca home-based com controlo á distância através da aplicação de novas tecnologias, comparando-a com a reabilitação centre-based/hospital-based, ao nível da adesão e da atividade física. Métodos: Este trabalho consiste numa revisão sistemática da literatura publicada entre 2007 e 2014, através de uma pesquisa em diferentes bases de dados eletrónicas científicas (Elsevier – Science Direct, PEDro, PubMed, Scielo Portugal e B-on) com as palavras-chave: reabilitação cardíaca, home-based, centre-based, hospital-based, reabilitação exercise-based, telemonitorização, smartphone, internet, atividade física, em todas as combinações possíveis. Os estudos foram analisados independentemente por dois revisores quanto aos critérios de inclusão e qualidade dos estudos. Resultados: Dos 101 estudos identificados, apenas dez foram incluídos. Considerando a escala da PEDro, quatro estudos obtiveram um score 5, quatro, um score de 6, e 2 com um score de 7 em 10. Os estudos foram realizados em adultos com idades compreendidas entre os 18 e os 80 anos. Os programas de intervenção dividiram-se em planeamento de atividade física e em autogestão. Todos os programas de exercício físico conduziram a um aumento da capacidade de exercício e consequente, maior controlo de fatores de risco. Pelos níveis de adesão aos PRC home-based e pelos resultados positivos de diferentes parâmetros em relação a reabilitação centre-based/hospital-based é notável a efetividade da telemonitorização baseada em casa. Conclusão: A telemonitorização domiciliária constitui um elemento fundamental para a solução de numerosos problemas destes doentes, tornando-se em métodos simples e de fácil funcionamento para haver sucesso nas taxas de adesão. Com efeito, a utilização das tecnologias de informação e de comunicação permite uma prestação e gestão eficazes dos cuidados de saúde no domicílio.Background: More and more, cardiac rehabilitation has a premature start in treatment and in the patient's needs, in order to promote his autonomy and commitment for the recovery, through a multidisciplinary approach. The home-based programmes and the inclusion of the information and communication technologies are attractive solutions for the increase of the participation of the selected patients, and for the inclusion of patients groups currently under-represented. Aim(s): Systematize the current scientific evidence about the cardiac rehabilitation home-based remotely controlled programme’s effectiveness, through the application of new technologies, comparing it to centre-based/hospital-based rehabilitation, in terms of adhesion and physical activity. Methods: This work consists on a systematic revision of literature published between 2007 and 2014, through a research in different scientific electronic databases (Elsevier - Science Direct, PEDro, PubMed, Scielo Portugal and B-on) with the key words: "cardiac rehabilitation", "home-based", "centre-based", "hospital-based", "exercise-based rehabilitation", "telemonitoring", "smartphone", "internet" and "physical activity", in every possible combination. The studies were analyzed independently by two revisers, taking into account the inclusion criteria and the quality of the studies. Results: Only 10 of the 101 identified studies were included. Considering the PEDro scale, 4 studies got a score of 5, four a score of 6 and 2 a score of 7 in 10. The studies were conducted in adults aged between 18 and 80 years. The intervention programmes were divided into planning of physical activity and self-management. All the physical activity programmes led to a raise of exercise capacity and consequently, to a higher control of the risk factors. Based on the PRC home-based adhesion levels and on the positive results from different parameters regarding centre-based/hospital-based rehabilitation, it is remarkable the effectiveness of home-based telemonitoring. Conclusion: Home-based telemonitoring constitutes a key element for the solution of numerous problems of these patients, becoming simple and easy operating methods to achieve success in adhesion rates. With effect, the use of the information and communication technologies allows an effective performance and management of healthcare at home

Topics: Hospital-based, Cardiac rehabilitation, Home-based, Telemonitoring, Telemonitoring, Reabilitação cardíaca, Hospital-based, Telemonitorização, Atividade física, Opção Cardiorrespiratória
Year: 2015
OAI identifier: oai:recipp.ipp.pt:10400.22/7811

Suggested articles

Preview


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.