Location of Repository

Planejamento ambiental e ecologia da paisagem na avaliação de areas alagadas e qualidade da agua : estudo de caso : bacia hidrografica do Rio Cotia (SP, BR)

By Osman Fernandes da Silva

Abstract

Resumo: A Região Metropolitana de São Paulo possui elevado índice de crescimento populacional. Este índice, entretanto, varia consideravelmente de região para região, tendo a bacia do rio Cotia uma elevada contribuição relativa para o seu aumento. No atual processo de expansão populacional tem ocorrido a ocupação de áreas adequadas ou inadequadas, como mananciais, encostas de morros e planícies de inundação resultando em impactos severos sobre os corpos d'água, em termos de qualidade e quantidade de água na bacia hidrográfica. Com a finalidade de avaliar o potencial natural de planícies de inundação para atuarem como filtros na melhoria da qualidade da água, assim como avaliar o efeito de interferências antrópicas sobre a eficiência destes ecossistemas e da bacia do rio Cotia como um todo, foram utilizados princípios da ecologia da paisagem para procederem-se diagnósticos em duas escalas. Um em nível local, abrangendo estudos em detalhe sobre três ecossistemas alagados (paisagens locais) e também sobre a qualidade da água do rio que os atravessa e outro em escala regional, considerando-se áreas urbanas, rurais e de transição (paisagens regionais). As planícies de inundação mostraram-se, geralmente, eficientes quanto a desinfecção das águas do rio Cotia e redução da demanda bioquímica de oxigênio. Acredita-se, porém, que principalmente em função das mudanças hidráulicas verificadas nas paisagens locais (drenagem das planícies, retificação e dragagem do rio) tenham sido afetadas, negativamente, as planícies de inundação quanto à capacidade de remover nutrientes. Além disso, a elevada carga de poluentes lançada nas paisagens regionais associada a múltiplas mudanças estruturais também teria contribuído para anular ou, pelo menos, saturar a capacidade de auto-depuração dos ecossistemas estudadosAbstract: The São Paulo Metropolitan Region has high populational growth and the catchment area of the Cotia River contributes for this growth. In the process of populational growth, however, adequate and inadequate areas have been occupied. Inadequate occupation, such as in hills and f1oodplains, has resulted in severe impacts over the water bodies. Aiming at evaluating the natural potential of the floodplains functioning as filters in the improvement of the water quality, as well as at the effect of the anthropic interferences in the efficiency of these ecosystems and in the catchment area of the Cotia River as a whole, principIes of the landscape ecology were used to produce diagnostics in two scales. On a local leveI, detailed studies were made in three wetlands (local landscape) and also in the water quality of the river that crosses these wetlands. On regional leveI, urban, rural and transitional areas (regional landscape) were considered. The floodplains were considered efficient in relation to the desinfection of the River Cotia waters and the reduction in the biochemical demand oxygen. It is believed, however, that due to the hydraulic changes in the local landscape (f1oodplain drainage, retification and dredging of the river), the f1oodplains have been affected in terms of nutrient removal. Furthermore, the high load of pollutants thrown in the regional landscape, together with several structural changes, has also contributed to eliminate, or at least, saturate the capacity of self-depuration of the studied ecosystem

Topics: Politica ambiental, Ecologia, Inundações, Agua - Qualidade, Bacias hidrograficas
Year: 2014
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UNICAMP:oai:unicamp.sibi.usp.br:SBURI/13509
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.