Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Use of geographic information system in watershed management of water treatment plants sludge

By Cristian Fonseca Ribeiro

Abstract

O presente trabalho aborda a utilização de um Sistema de Informações Geográficas (SIG) - recurso hoje indispensável para a análise de dados espacializados, amplamente utilizada no auxílio à tomada de decisão em diversos campos - como ferramenta de gestão do lodo gerado em Estações de Tratamento de Água (ETA) localizadas em uma mesma bacia hidrográfica. Esta gestão, em geral, é baseada em dados convencionais, ficando a mesma condicionada a informações estáticas. Os custos logísticos de transporte e disposição final em aterro sanitário, na maioria dos casos, são preponderantes em relação aos custos operacionais do sistema de tratamento do lodo. Diversos usos benéficos têm sido propostos por vários pesquisadores como melhor forma de destinação, do ponto de vista da sustentabilidade ambiental e econômica. Nesse caso, o material é considerado não mais como resíduo, mas como matéria-prima. O uso de informações espacializadas objetiva nesse caso facilitar a busca e seleção da alternativa mais adequada, tendo a localização geográfica dos potenciais usuários como critério diferencial em relação aos demais aspectos envolvidos na decisão. A área de estudo foi a das bacias hidrográficas dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (BH-PCJ). Diversos cenários foram gerados e avaliados. O gestor considerado foi ora uma determinada companhia de saneamento, ora um consórcio de todas as companhias de saneamento presentes na área ou um agrupamento delas. Para fins demonstrativos, as indústrias cerâmicas - para as quais a viabilidade técnico-econômica e ambiental já foi cientificamente comprovada - foram comparadas como destinação alternativa à disposição nos aterros licenciados existentes nessas bacias. Demonstrou-se, assim, o enorme potencial do SIG para a resolução de problemas de planejamento e gerenciamento de resíduos de ETA, tarefa essa que tende a se tornar cada vez mais difícil e complexa no contexto de uma bacia hidrográfica apresentando inúmeros geradores destes e de outros tipos de resíduos sólidos - tais como os resíduos urbanos, de estações de tratamento de esgoto, industriais - que competirão entre si sob as regras de livre mercado pelos já escassos e limitados aterros sanitários e também pelos diversos usuários dessa matéria-primaPresent work investigates the use of geographic information system (GIS) - nowadays a necessary technique for spatial data analysis, broadly used as decision-making aid in many fields - as a tool for watershed management for disposal or beneficial use of water treatment plants (WTP) sludge. Most of times, residuals management is based in conventional data, conditioned to stationary information. Logistic costs for transportation and landfill disposal, usually overcome sludge treatment system operating costs. Several beneficial uses have been proposed for many researchers as better solution rather than landfilling in terms of environmental and economical sustainability. This way, it is considered as raw material rather than residual. GIS appliance aims ease the search for best available alternative, having potential users geographic location as main criteria among other aspects involved in decision process. The territory studied was that of Rivers Piracicaba, Capivari and Jundiaí watershed, in southeastern region of Brazil. Several scenarios were generated and evaluated. The manager here was either a single water company, the consortium of all water companies or a small group of them. For demonstration purpose, ceramic brick plants - whose technical, economical and environmental sustainability was previously demonstrated - were compared to sanitary landfill as final disposal. GIS high potential for WTP sludges planning and management, task that trends to become more and more difficult and complex in a context of a watershed containing several generators of these and other kinds of solid wastes - as municipal wastes, wastewater treatment plant sludge, industrial wastes - that struggle each other under free market rules for scarce and limited sanitary landfills and also for every users of these materials - was demonstrate

Topics: Bacias hidrograficas, Sistemas de informações geograficas, Agua - Estações de tratamento, Lodo, Residuos solidos, Watershed management, Geographic information system, Water treatment plant residuals, Sludge, Solid wastes management
Publisher: Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo
Year: 2008
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UNICAMP:oai:unicamp.br:000433740
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.