Location of Repository

Contribuição ao estudo da levomepromaziona como agente hipotensor ocular

By Samir Tufic Arbex

Abstract

No presente trabalho foi investigada a atividade da levomepromazina sobre as pressões intra-ocular, venosa e arterial, em 18 cães anestesiados com pentobarbital sódico (30 mg/kg). Em outros 10 cães, procedeu-se a determinação dos valores de pH, PCO2, PO2, HCO-3, Na+, K+, Cl- e Osmolaridade no sangue, plasma e humor aquoso. A levomepromazina foi injetada endovenosamente nas concentrações de 1; 2,5 e 5 mg/kg e as experiências se prolongaram até 120 minutos após a sua administração. A instensidade, tanto da hipotensão ocular, como venosa, foram diferentemente proporcionais a dose utilizada. A levomepromazina não causou alteração significante no equilíbrio ácido básico, tudo levando a crer que a hipotensão ocular não seja causada pela destruição do humor aquoso, mas sim devido a uma maior facilidade de escoamento do mesmo, decorrente da diminuição da pressão venosa. A hipotensão venosa facilitaria a passagem do humor aquoso das vênulas do trabeculado reticular, para a circulação sistêmica. A levomepromazina não causou modificações na pressão intra-ocular, decorrentes de sua osmolaridadeNot informe

Topics: Agentes hipotensores, Psicofarmacologia, Cão como animal de laboratorio
Publisher: Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Odontologia de Piracicaba
Year: 1975
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UNICAMP:oai:unicamp.br:vtls000056322
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.