Location of Repository

Storage networks architectures

By Ariovaldo Veiga de Almeida

Abstract

As Redes de Armazenamento de Dados oferecem aos sistemas computacionais acesso consolidado e compartilhado aos dispositivos de armazenamento de dados, aumentando sua eficiência e disponibilidade. Elas permitem que os dispositivos de armazenamento de dados de diferentes fornecedores, mesmo que usem diferentes protocolos de acesso, possam ser logicamente disponibilizados para acesso. Elas permitem que as funções de gerenciamento de dados, como backup e recuperação, replicação de dados, ambientes de recuperação de desastres, e migração de dados, possam ser realizados de maneira rápida e eficiente, com o mínimo de sobrecarga nos sistemas computacionais. Na década de 80, observou-se a descentralização dos sistemas computacionais que evoluíram dos ambientes centralizados, como no caso dos sistemas mainframe, para plataformas distribuídas, onde os sistemas eram separados em blocos operacionais, com cada um dos blocos realizando uma função específica. Não foram somente os sistemas computacionais que evoluíram, mas também os sistemas de armazenamento de dados evoluiram para arquiteturas distribuídas. A evolução natural dos dispositivos de armazenamento de dados dos sistemas computacionais foi do uso de conexão direta e dedicada aos computadores para uma forma mais flexível e compartilhada. A forma adotada foi através do uso de infra-estruturas das redes de computadores. Este trabalho analisa as tecnologias das redes de armazenamento de dados Storage Área Networks (SAN) e Network Attached Storage (NAS), que são as principais arquiteturas que utilizam as tecnologias de redes para o armazenamento e compartilhamento de dados. Enfoca-se as vantagens decorrentes dessas arquiteturas quando comparadas com a forma tradicional de conexão direta do dispositivo de armazenamento de dados aos computadores, a denominada arquitetura Direct Attached Storage (DAS)Storage Networks offer shared access to data storage devices, increasing the efficiency and the availability of storage data. They allow data storage devices, from different suppliers, using different access protocols, to be logically available for access. They also allow management of data, backup and recovery, data replication, disaster recovery environments, and data migration can be done in a fast and efficient way, with minimum overhead to the computer systems. In the 80?s, we observed the decentralization of the computational systems. They evolved from a centralized environment to distributed platforms, where systems were separated in operational blocks, with each block executing specific functions. Both the computational systems and the storage envolved to a distributed architecture. The natural evolution of the storage devices was to move from the direct connection to computational systems to a more flexible and shared approach. This happened by the adoption of infrastructures used by computer networks. This work analyzes Storage Networks architectures: Storage Area Network (SAN) and Network Attached Storage (NAS), which are the main architectures that employ computer networks technologies. We will show the advantages of these architectures compared to the traditional form of direct connection of storage devices to computers, the named Direct Attached Storage (DAS) architectur

Topics: Redes de computação - Protocolos, Redes de informações, Armazenamento de dados, Desempenho, Computer network protocols, Information networks, Information warehousing, Performance
Publisher: Universidade Estadual de Campinas . Instituto de Computação
Year: 2006
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UNICAMP:oai:unicamp.br:vtls000431324
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.