Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Do ensino médio à educação superior

By Paulo César de Carvalho Jacó

Abstract

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Florianópolis, 2014A democratização do acesso ao ensino superior desponta no cenário da educação como um tema candente nas pesquisas acadêmicas. O fenômeno social que procuramos descortinar, caracteriza-se como um estudo de caso, problematizando em sua análise, a trajetória de egressos do ensino médio público, os quais ampliaram, ou não, a escolaridade por meio da educação superior. Da mesma forma, buscamos compreender os elementos que possibilitaram ou impediram tal prolongamento. A empiria da pesquisa constituiu-se da análise dos questionários aplicados a 120 egressos (E1 e E2), divididos em dois grupos: 60 (E1) que deram continuidade à escolaridade no ensino superior; e 60 (E2) que até o momento da pesquisa não estavam matriculados em nenhum curso, embora isso não signifique o fim da trajetória escolar destes jovens. Além disso, compondo o quadro da empiria, recorremos aos Relatórios Finais emitidos pela secretaria da escola e realizamos um levantamento quantitativo e qualitativo dos alunos das três séries do ensino médio de 2004 - 2012, a partir das categorias: aprovados; reprovados; transferidos; e desistentes. As análises empreendidas têm, como ponto de partida teórico, a sociologia crítica da educação, nas obras de Pierre Bourdieu e de parceiros, dentre os quais, Jean Claude Passeron. Para tanto, alguns conceitos Bourdieusianos foram relevantes na análise dos dados, por exemplo, capital cultural e a noção de capital escolar. Transitando pelo tema da justiça, estabelecemos um profícuo diálogo com obras de John Rawls, Amartya Sen, Michael Walzer, Francois Dubet. A leitura destes autores remeteu-nos às questões da liberdade, igualdade e ao conceito de meritocracia que está presente em boa parte do texto, pois surge no discurso dos egressos (E1) que acessaram o ensino superior e acabaram elegendo o mérito como um dos fatores determinantes para o sucesso e/ou fracasso escolar. O tema em estudo remeteu-nos diretamente ao notório problema da qualidade do ensino médio público, apontado pelos próprios egressos, como um dos fatores que os coloca em uma relação de desvantagem no vestibular, em relação aos alunos oriundos das escolas privadas.<br>Abstract: The democratization of access to higher education emerges in education scenario as a hot topic in academic research. The social phenomenon we seek to unveil characterized as a case study, problematizing in this analysis the egresses students of public high school trajectory, which have expanded or not their schooling through higher education. In the same way, we seek to understand the elements that allowed or prevented such extension. The empirical research consisted of analysis of questionnaires applied to 120 egresses students (E1 and E2) split into two groups: 60 (E1) who have continued to schooling in higher education and 60 (E2) that until the moment of research were not enrolled in any course, although this doesn't mean the end of school trajectory of these young. Furthermore, composing the empirical framework, we resort to the final reports issued by the school office and carried out a quantitative and qualitative survey of students from three high school classes during the period 2004-2012 divided into categories: approved, reproved, transferred, quitters. The analyzes taken have as the theoretical starting point the critical sociology of education, at Pierre Bourdieu works and partners, among them Jean Claude Passeron. To do so, some Bourdiesians concepts were relevant in data analysis, for example, cultural capital and the notion of school capital. Transiting for justice theme, we established a meaningful dialogue with John Rawls, Amartya Sen, Michael Walzer and Francois Dubet works. These authors reading sent us to questions like freedom, equality and meritocracy concept that are present in much of the text, it appears in egresses discourse that have accessed higher education and ended up electing merit as one of determining factors for school success and/or failure. The topic under study sent us directly to the notorious problem of public high education quality, appointed by the egresses themselves, as a factor that puts them at a disadvantage relation on vestibular compared to students from private schools

Topics: Educação, Ensino superior, Democratização da educação, Justiça, Ensino medio
Year: 2014
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFSC:oai:repositorio.ufsc.br:123456789/128631
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.