Location of Repository

Padrões de geração, apropriação e absorção do produto social em Santa Catarina

By Bruno De Lorenzi Cancelier Mazzucco

Abstract

Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Programa de Pós-graduação em Economia, Florianópolis, 2013A literatura setorial de Santa Catarina iniciou no começo dos anos 2000 uma agenda de pesquisa focada (i) na percepção do esforço de capacitação tecnológica das empresas frente ao processo de reestruturação produtiva iniciado com a abertura comercial dos anos 90 e (ii) na identificação dos elementos centrais à sobrevivência da competitividade destes setores. Entretanto, poucas pesquisas trataram da conexão entre os diversos agentes econômicos estaduais. Esta dissertação apresenta a primeira tentativa de construção de uma Matriz de Contabilidade Social (MCS) regional para Santa Catarina. Entre os resultados, ressalta-se que a agropecuária catarinense se mostra importante provedora de insumos da agroindústria além de exportar alimentos para outros estados da federação e ocupar parcela expressiva da mão de obra. A indústria catarinense é diversificada, atuando em diversos setores de transformação com preponderância dos setores agroindustrial, eletro-metal-mecânico e têxtil-vestuarista. Os serviços, mesmo tendo menor participação em relação à proporção nacional, se mostram atuantes na movimentação da economia de acordo com a análise dos multiplicadores. No âmbito externo, o estado apresenta um amplo esforço exportador para o resto do país e considerável interação com os mercados internacionais. Quanto à esfera governamental, 35% dos recursos administrados pelo governo local são provenientes de repasses federais. Os gastos do governo federal no estado são mais concentrados nas aposentadorias e pensões enquanto a maioria das despesas do governo local é diretamente em educação, saúde e administração pública. <br>Abstract: The sectoral literature of Santa Catarina began in the early 2000s a research agenda focused on (i) the effort of technological capacity building by local firms in response to the restructuring process, which started with the trade liberalization of the 90s and (ii) the identification of the central elements to these sectors competitiveness. However, few studies have addressed the connection between the various local economic agents. This dissertation presents the first attempt to construct a regional Social Accounting Matrix (SAM) for Santa Catarina. As results, it is noteworthy that local agriculture is an important provider of agribusiness inputs, exports food to other states of the federation and occupies a significant portion of the workforce. The industry is diverse, present in various transformation sectors with preponderance of agribusiness, electro-metal-mechanical and textile and clothing. The services, even with lower participation compared to the national ratio, are relevant in moving the economy according to the multiplier analysis. In the context of trade, the economy of Santa Catarina makes an intense export effort to the rest of the country and has considerable interaction with international markets. The portion of funds which comes from the federal government accounts for 35% of local government revenues. The federal government spending in the state is more focused on pensions while most of the local government spending is directly in education, health and public administration

Topics: Economia, Contabilidade social
Year: 2013
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFSC:oai:repositorio.ufsc.br:123456789/107396
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.