Location of Repository

Crise, documentário e representação: uma análise do filme “Capitalismo: uma história de amor”, de Michael Moore

By Andre Luís da Rosa

Abstract

TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Administração.Crises econômicas não se limitam aos aspectos financeiros, afetam a vida de muitos cidadãos despertando nestes o questionamento acerca do próprio sistema econômico. Neste sentido Michael Moore procura fazer uma análise do sistema capitalista em seu filme: “Capitalismo: Uma História de Amor” (2009), tendo como âncora a crise americana de 2008. Filmes documentários possuem certa intenção de verossimilhança com o real, informando e despertando seus espectadores para a reflexão acerca do tema. Desta forma, constituem-se como uma forma de representação da realidade social do sujeito que o produz. Este trabalho, de caráter descritivo, busca identificar uma “visão de mundo” do diretor Michael Moore a partir de seu filme, fazendo aporte a teoria das representações sociais de Moscovici. Desta forma, foram levantadas 4 categorias de análise, a saber: capitalismo, crise de 2008, comportamento das organizações (casos de fraudes, escândalos) e Wall Street. Ao final, há indícios uma “visão de mundo” de Moore, que seria perpassada por elementos que fogem as categorizações da pesquisa, estando presentes em todas elas. Como sua a ideia de igualdade e justiça; a face inescrupulosa das organizações e de certos conglomerados como Wall Street

Topics: Documentário, Representação, Capitalismo, Michael Moore
Year: 2013
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFSC:oai:repositorio.ufsc.br:123456789/103670
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.