Location of Repository

PESSOAL E OFICIAL AO MESMO TEMPO: ESPAÇOS LIMÍTROFES NO SOCIEDADE BRASILEIRA E O ENSINO DE PORTUGUÊS COMO SEGUNDA LÍNGUA PARA ESTRANGEIROS

By CICERO BERNARDO PORTO

Abstract

Este estudo baseia-se nas teorias oriundas da Antropologia Social sobre a Casa e a Rua de Roberto DaMatta, buscando a delimitação dos espaços limítrofes na sociedade brasileira. Sabe-se que o brasileiro demonstra uma preferência pelas relações de maior intimidade e familiaridade, características das relações da casa, em oposição às relações distantes não familiares: a rua. Entretanto, o fenômeno analisado nesse trabalho é a existência de um terceiro espaço, ambíguo e limítrofe, nem situado na casa, nem na rua. Também mostramos que tal espaço é representado por uma série de eventos lingüísticos, sociais e até mesmo espaciais, pois o brasileiro, geralmente, busca situar suas interações nesses espaços limítrofes, num esforço de estabelecer uma maior proximidade com o seu interlocutor, mesmo estando no espaço da rua. Além disso, apontamos para uma aplicação desses conceitos de casa, rua e espaços limítrofes ao ensino de PL2-E, uma vez que a aquisição de uma segunda língua está relacionada não apenas a fatores lingüísticos, mas também a fatores de ordem sócio-cultural.This work is based on the theories of Social Anthropology deriving from the house and street by Roberto DaMatta, in an attempt to circumscribe the limitrophe spaces within Brazilian society. It is well known that the Brazilian people display a preference for relationships with more intimacy and familiarity, features of the house relations, in opposition to distant and unfamiliar relations: street. However, the phenomenon being analysed in this work is the existence of a third space, ambiguous and limitrophe, neither located in the house, nor in the street. We also point out that this space is represented by a series of linguistic, social and spacial events, for the Brazilian people, usually, tend to place their interactions in this limitrophe space, as an effort to establish a greater proximity with their interlocutor, even being at the space of the street. Besides that, we also show that these concepts of house, street and limitrophe spaces can be applied to the teaching of Portuguese as Second Language for Foreigners, since the acquisition of a second language is related not only to linguistic features but also to the social and cultural ones

Topics: CASA, HOUSE, PORTUGUES PARA ESTRANGEIROS, PORTUGUESE FOR FOREIGNERS, SOCIOLINGUISTICA INTERACIONAL, INTERACTIONAL SOCIOLINGUISTICS, INTERCULTURALISMO, INTERCULTURAL STUDIES, ESPACOS SOCIAIS, SOCIAL SPACES, ESTUDOS DA LINGUAGEM
Publisher: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO
Year: 2006
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_PUC_RIO:oai:MAXWELL.puc-rio.br:9083
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.