Location of Repository

Uma abordagem dirigida por modelos para portabilidade entre plataformas de computação em nuvem

By Elias Adriano Nogueira da Silva

Abstract

A computação em nuvem tem potencial para revolucionar a maneira como sistemas são desenvolvidos e comercializados. Entre as diversas lacunas de pesquisa relacionados a esse novo modelo computacional está o Lock-In. Isto é, o aprisionamento do usuário ao provedor devido a dificuldade na migração de dados e aplicativos de uma plataforma de nuvem para outra. Tal aprisionamento ocorre, dentre outros motivos, devido a falta de um padrão para desenvolvimento de aplicações para a nuvem. Este trabalho apresenta uma abordagem dirigida por modelos (Model-Driven Engineering - MDE) para portabilidade de aplicações entre plataformas de Computação em nuvem. Com o MDE os engenheiros de software podem trabalhar em um nivel mais alto de abstração livrando-se de tarefas repetitivas de codificação, que ficam a cargo de transformações automatizadas, e ficando assim protegidos das complexidades requeridas para implementação nas diferentes plataformas. Além da portabilidade o MDE traz benefícios adicionais em relação a abordagens tradicionais de desenvolvimento de sistemas. Este trabalho apresenta o desenvolvimento de uma linguagem textual que possibilita a especificação de aplicações em um alto nível de abstração. Bem como geradores de código para duas conhecidas plataforma de nuvem, a Google App Engine(GAE) e a Windows Azure, mostrando que a linguagem desenvolvida pode servir de entrada para a geração de grande parte do código necessário para muitas aplicações de nuvem e que facilita seu desenvolvimento. O MDE oferece uma maior produtividade, melhor manutenção e documentação e reúso. A avaliação realizada observou alguns desses benefícios, o que comprova a viabilidade da abordagem MDE.Cloud Computing has potential to revolutionize way that systems are developed and marketed. Among several research gaps related to this new model is the Lock-In. The Lock-In is the difficulty on migrating data and applications from a cloud platform to another. The lack of standardization, as well as other reasons, are causing the problem. This work presents a model-driven(MDE) approach for portability of applications between cloud platforms. With MDE software engineers can work at a high level of abstraction freeing themselves from repetitive tasks related to software implementation and specific details of cloud platforms. Besides portability, MDE brings additional benefits related to traditional software development approaches. The approach presented in this work, basically consists of a DSL and a set of automated transformations for two known cloud platforms Google App Engine and Microsoft Azure. The approach allows the development of cloud applications on a high abstraction level, showing that despite being simple, the elements of the approach are enough to generate many cloud applications, as well as facilitates its development. The evaluation confirms the benefits provided by MDE technologies

Topics: Engenharia de software, Computação em nuvem, Desenvolvimento orientado por modelos, Plataforma como serviço (PaaS), Linguagem específica de domínio, CIENCIA DA COMPUTACAO, Cloud Computing, Model-Driven Engineering, Portability, CIENCIA DA COMPUTACAO
Publisher: Universidade Federal de São Carlos
Year: 2013
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UFSCAR:oai:ufscar.br:5613
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.