Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

As representações sociais das mudanças do clima e suas implicações no processo de territorialização : os Bijagós da ilha de Formosa, Guiné-Bissau

By Boaventura Rodrigues Vaz Horta Santy

Abstract

A pesquisa descreve e analisa sociologicamente, a partir de uma abordagem qualitativa, as representações sociais do povo Bijagó da ilha de Formosa acerca das possíveis ameaças relacionadas às mudanças do clima, seus desdobramentos em relação ao lugar, isto é, em termos da forma de ocupação territorial e correspondente modo de vida característico do referido grupo. Para isso, foram adotados os seguintes procedimentos metodológicos: a) uma revisão do estado da arte acerca dos conceitos de vulnerabilidade relacionados às mudanças climáticas, à vulnerabilização, ao risco e às representações sociais; b) uma pesquisa documental e o trabalho de campo. Para os Bijagó o meio natural e o meio social são indissociáveis, na medida em que uma crise no sistema social teria reflexos negativos no sistem natural. Conclui identificando que, nas representações dos Bijagó, as mudanças adversas que vêm ocorrendo no meio natural, seriam sinais de desagrado de seus ancestrais com relação as divergências e crises dentro da comunidade, sendo estes os detentores do poder de controlar e manipular os eventos da natureza.The study describes and analyzes sociologically, from a qualitative approach, the social representations of the people of the island of Formosa Bijagó about possible threats related to climate change, its consequences in terms of the form of territorial occupation and way of life characteristic of that group. For this, we adopted the following methodological procedures: a) A review of the state of the art about the concepts of vulnerability related to climate change, the increasing vulnerability, risk and social representations, b) documentary research and fieldwork. For Bijagó the natural and the social are inextricably linked, to the extent that a crisis in the social system would have negative effects on natural sistem. Thus, the adverse changes that are occurring in nature around them, would be signs of displeasure from their ancestors about the differences and crises with the community, which are in power to control and manipulate the events of nature

Topics: Sociologia, Mudanças climáticas, Avaliação de riscos socioambientais, Representações sociais, Bijagós, Guiné-Bissau, África, SOCIOLOGIA, Climate changes, Risks, Bijagós, Guinea-Bissau, Social representations, Africa, SOCIOLOGIA
Publisher: Universidade Federal de São Carlos
Year: 2012
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UFSCAR:oai:ufscar.br:4739
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.