Location of Repository

Scale to assess metacognition in children: elaboration of items and analysis of psychometric parameters.

By Jussara Fatima Pascualon

Abstract

A metacognição corresponde a pensamentos e conhecimentos que os indivíduos possuem sobre seus próprios pensamentos e processos cognitivos. Dois elementos básicos para o funcionamento metacognitivo são o conhecimento metacognitivo, caracterizado pela consciência sobre os processos e competências necessárias para a realização de uma determinada tarefa; e o controle ou auto-monitoramento cognitivo, que compreende o julgamento sobre a eficácia das estratégias propostas inicialmente e, se necessário, o estabelecimento de novas. Tendo em vista a carência de instrumentos nacionais que mensurem essa capacidade, este estudo objetivou a elaboração de itens e análise das evidências de validade e precisão de uma escala destinada à avaliação da metacognição de crianças entre nove e 12 anos de idade. A primeira etapa do estudo consistiu na construção da Escala de Metacognição, EMETA, que é do tipo Likert de seis pontos, sendo que o participante, a partir da leitura de afirmações, deve escolher, dentre as seis possibilidades de resposta, aquela que mais o caracteriza. A segunda etapa iniciou-se com o encaminhamento das instruções e dos 70 itens que compuseram o instrumento a três especialistas para a investigação das evidências de validade de conteúdo. Todos os juízes eram doutores e docentes de programas de pós-graduação, sendo dois especialistas em metacognição, de forma que foram solicitados a analisar a adequação das instruções e dos itens à teoria proposta. O terceiro juiz, por ser especialista em elaboração de instrumentos, analisou a adequação das instruções à tarefa a ser realizada. A análise de concordância, realizada nas respostas dos especialistas em metacognição, apresentou um índice de concordância de 70,3%. O especialista em elaboração de instrumentos sugeriu algumas modificações nas instruções, sendo todas incorporadas à escala. A escala foi aplicada em duas amostras-piloto de 15 participantes que produziram algumas modificações nas instruções e a redução do número de itens de 70 para 67. A análise fatorial realizada na amostra ampla de 196 participantes revelou a presença de um único fator, denominado Metacognição, como responsável por 16,84% da variância da escala. Após exclusão de itens que apresentaram cargas fatoriais abaixo de 0,30, itens mal compreendidos pelos participantes e itens semelhantes, a EMETA ficou composta por 40 itens, com consistência interna de 0,90. Não foram encontradas diferenças significativas entre a média do desempenho e as variáveis gênero, tipo de escola e idade dos participantes. A análise das evidências de validade e precisão indicou adequação dos itens ao conceito proposto inicialmente e boa consistência interna da escala.Metacognition represents thoughts and knowledge that individuals have about their own thoughts and cognitive processes. Two basic elements of metacognitive functioning are metacognitive knowledge, characterized by awareness of the processes and skills required to perform a certain task, and control or cognitive self-monitoring, which includes judgments about the effectiveness of the strategies initially proposed, and if necessary, the establishment of new ones. Given the lack of brazilian instruments that measure this ability, this study focused on the development of items and the analysis of evidence with respect to the validity and reliability of a scale for assessing metacognition in children between nine and 12 years of age. The first phase involved the construction of Likert-style Metacognition Scale, using a six points rating scale for the respondent to indicate the extent to which he would using each strategy. During the second phase, three experts evaluated the instructions and the 70 items to verify the content validity of the new scale. These experts were university professors with doctoral degrees, and two were specialists in metacognition. The third judge, given her expertise in elaboration of scales, assessed the adequacy of the instructions for the task. The reliability analysis performed on the responses of the experts presented a 70.3% of agreement. The specialist in elaborating scales suggested some modifications in the instructions, which are incorporated into the scale. Two samples of each which led to further changes in the instructions and reduction in the number of items from 70 to 67. The factor analysis performed on large sample of 196 participants revealed the presence of a single factor denominated Metacognition, responsible for 16.84% of the variance in the scale. After exclusion of items that had factor loadings below 0.30 of items that indicated misunderstandings by the participants and similar items, the new version of the EMETA was composed of 40 items with an internal consistency of 0.90. There were no significant differences related to performance variables such as gender, school type and age of the participants. As such, the analysis of validity and reliability of the items indicated adequacy of the concept initially proposed and good internal consistency of the final version of the scale

Topics: Psicometria, Psicologia, PSICOLOGIA, Crianças, Habilidades metacognitivas, Metacognição infantil, Avaliação, Metacognition, Child assessment, Psychometrics, PSICOLOGIA
Publisher: Universidade Federal de São Carlos
Year: 2011
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UFSCAR:oai:ufscar.br:3746
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.