Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

The malaise and welfare in university teaching: the dialectic between resilience and contestation

By Vanderleida Rosa de Freitas e Queiroz

Abstract

Tese vinculada à linha de pesquisa “Formação, Profissionalização Docente e Práticas Educativas” do Programa de Pós-graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade da Federal de Goiás, integrante dos trabalhos desenvolvidos pela Rede de Pesquisadores(as) do Centro–Oeste (REDECENTRO). Trata-se de pesquisa bibliográfica, caracterizada como estado do conhecimento, cujo objeto de investigação são os sentidos discursivos sobre “mal-estar e bem-estar docente”, em referência ao professor universitário, produzidos nas pesquisas dos programas de pós-graduação em educação do Brasil (2000 – 2011). O Corpus da pesquisa constitui-se de nove trabalhos (quatro teses e cinco dissertações). O problema de investigação assim foi proposto: como os sentidos discursivos construídos e postos em circulação sobre o mal-estar e o bem-estar docente em referência ao professor universitário se articulam às mudanças sociais e políticas que atingiram a educação superior a partir dos anos 1990 e que sentidos de docência produzem, tendo a práxis como referência? Com base no método materialismo histórico dialético, buscou-se compreender os sentidos discursivos sobre o mal-estar e o bem-estar docente em referência ao professor universitário pelas categorias de totalidade, historicidade, contradição e práxis. Para a consecução desse objetivo, efetuou-se contextualização da prática universitária na configuração que tomou a universidade induzida pelas políticas educacionais dos anos 1990, com base em referencial teórico crítico da área de educação; revisão dos conceitos de mal-estar e bem-estar docente que fundamentam as pesquisas; descrição da produção acadêmica sobre mal-estar e bem-estar docente dos programas brasileiros de pós-graduação em educação (2000 – 2011), referida ao professor universitário, no tocante aos seus aspectos teórico-metodológicos; às concepções de mal-estar e bem-estar docente dos pesquisadores e dos sujeitos pesquisados; às proposições de enfrentamento ao mal-estar e de construção/reforço do bem-estar; análise das articulações dos sentidos discursivos sobre mal-estar e bem-estar docente com as mudanças sociais e políticas iniciadas nos anos 1990 e os sentidos de docência construídos. Na análise das informações, fundamentou-se em pressupostos da Análise do Discurso, como os conceitos de sentido, discurso, dialogia e polifonia, negando o entendimento de sentido como dado e como neutro. Dessa análise, foi possível estabelecer que, dos nove trabalhos investigados, apenas um articula com clareza mal-estar docente e bem-estar docente com a totalidade, como consequência da adoção e explicitação do método de investigação que se orienta pela concepção de ciência como crítica do conhecimento. Foi possível, ainda, estabelecer que os sentidos de docência produzidos remetem a dois tipos: a “resiliente” e a “contestatória”. Atribuiu-se à docência contestatória o sentido de práxis, por esta concretizar-se dialeticamente, alternando estados de mal-estar e bem-estar docente, e por perspectivar a transformação social.Thesis linked to the research line "Training, Professionalization and Teacher Educational Practices" of the program of Post graduate in Education at the Federal University of Goiás, integrated of the work developed by the work of the Network of Researchers on teachers in the Midwest Region (REDECENTRO).This bibliographical research, characterized as knowledge state, whose research object are the discursive meanings of malaise and teacher welfare of research on the university teacher of post graduate in education programs in Brazil, produced between 2000-2011. The Corpus of research consists of nine papers (four theses and four dissertations). The research problem that has been proposed: how discursive meanings constructed and circulated on the malaise and teacher welfare in reference to the university teacher articulate the social and political changes that have reached higher education from the 1990s and senses that produce teaching in order to praxis as reference? Based on dialectician historical materialism method, sought to understand discursive meanings constructed and circulated on the malaise and teacher welfare in reference to the university teacher by the categories of totality, historicity, contradiction and praxis. To achieve this goal, university practice contextualization was made which has token the policies induced by the university dated from the 1990s, based on the theoretical framework of the critical area of education; review the concepts of malaise and teaching welfare that underlie the research; description of the scholarship on teaching malaise and welfare brazilian post graduate programs in education (2000-2011), said the university teacher, as regards its theoretical and methodological aspects; to conceptions of malaise and teacher welfare of researchers and subjects studied, the propositions confronting malaise and building/strengthening welfare; analysis of articulations of discursive meanings of malaise and teacher welfare with the changes from the 1990s and directions of teaching built. On analysis of the information, was based on assumptions of discourse analysis, as the concepts of meaning, discourse, dialogism and polyphony, denying the understanding of meaning as given and as neutral. Of this analysis, it was possible to establish that, of the nine studies investigated, only one articulates clear teaching malaise and welfare teacher with all as a result of the adoption and explanation of the research method that is guided by the conception science as critique knowledge. It was also possible to establish that the meanings of teaching produced refer to two types: a "resilient" and "contestatory", with an contestatory, teaching with a sense of praxis. This manifests itself dialectically, alternating states of malaise and teacher welfare, viewing social change

Topics: Estado do conhecimento, Mal-estar docente, Bem-estar docente, Professor universitário, Knowledge state, Teacher malaise, Teacher welfare, University teacher, EDUCACAO::ENSINO-APRENDIZAGEM
Publisher: Universidade Federal de Goiás
Year: 2015
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFG:oai:repositorio.bc.ufg.br:ri/9742
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://creativecommons.org/lic... (external link)
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.