Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Evaluation os osmotic substances and microsatellits on selection of wheat genotypes tolerant to drought

By Larissa Girotto

Abstract

O presente trabalho teve como objetivo avaliar o uso de agentes osmóticos e microssatélites na seleção de genótipos de trigo tolerantes à seca. Amostras de oito genótipos foram avaliadas pelo comprimento da parte aérea e raiz principal em plântulas e embriões imaturos após submissão a estresse hídrico. Para tanto, foram utilizados três indutores de perda de água na célula: polietilenoglicol 6000 (PEG), maltose e manitol e água como controle. Para acessar a variabilidade genética, o DNA de 93 cultivares/linhagens foi extraído e analisado empregando-se um conjunto de 42 marcadores microssatélites, distribuídos nos diferentes cromossomos do trigo para acessar a similaridade genética do material e também o polimorfismo. Os resultados obtidos no experimento de comprimento relativo da parte aérea e raiz principal em plântulas sob estresse hídrico evidenciaram que os agentes utilizados, PEG 6000 e manitol, causaram estresse nas cultivares testadas, tendo sido significativa a interação entre agente e cultivar. PEG 6000 causou efeitos negativos maiores que manitol. No experimento de comprimento relativo de parte aérea e raiz principal em embriões imaturos submetidos a estresse hídrico, verificou-se que, dentre os agentes estressantes utilizados, manitol e maltose foram mais tóxicos ao material vegetal em estudo e PEG 6000 o agente estressante mais adequado. No experimento de determinação da variabilidade genética em genótipos de trigo para tolerância à seca, o coeficiente médio de similaridade para as 93 cultivares/linhagens estudadas foi de 0,691. As linhagens com maior proximidade genética foram PF 81189 e PF 81191 (0,95), criadas na Embrapa Trigo e os materiais mais distantes geneticamente foram IPF 77781, IPF 77783 e IPF 78080 (0,50). Foi verificado alto nível de polimorfismo nas cultivares indicadas pelo Banco Ativo de Germoplasma. Os resultados do presente estudo, buscando verificar precocemente a tolerância diferencial ao estresse hídrico com plântulas e embriões imaturos de trigo, envolvendo diferentes agentes osmóticos e microssatélites, demonstraram divergências com as observações de campo, fornecidas pelo Banco Ativo de Germoplasma da Embrapa Trigo

Topics: Trigo, Agentes osmóticos, Tolerância, Secas, Wheat, Osmotic substances, Tolerant, Droughts
Year: 2014
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFLA:oai:localhost:1/2373
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.