Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Recursos florais de Tagetes erecta L. mediando a composição de redes tróficas

By Marcelo Mendes Haro

Abstract

O objetivo deste trabalho foi determinar o papel do recurso floral T. erecta e suas características químicas na melhoria do controle biológico de pragas em horticultura de alface. Para isso, em experimento de campo, foram avaliadas a dinâmica de pragas e os inimigos naturais em diferentes distâncias e idades de desenvolvimento do recurso floral. Foram identificadas as composições dos óleos voláteis de T. erecta oriundos de folhas e flores, coletadas em diferentes épocas de desenvolvimento da planta. A atratividade desses compostos foi testada em um olfatômetro em “Y” para diversos inimigos naturais. Em campo, o recurso floral utilizado influenciou a composição da rede trófica de artrópodes a partir de seu florescimento, aumentando a riqueza e abundância de inimigos naturais e, consequentemente, diminuindo as populações de pragas, sendo o efeito potencializado nas menores distâncias entre o cravo e a alface. Nas análises químicas dos óleos voláteis foi identificado o total de 31 compostos nos tratamentos avaliados, sendo 29 deles registrados nas folhas e 27 nas flores de T. erecta. A fase de desenvolvimento e a estrutura da planta afetaram a composição dos óleos voláteis. Nos testes de atratividade tanto parasitoides quanto predadores responderam, predominantemente, aos óleos das flores de T. erecta, exceto o crisopídeo C. carnea que não respondeu a nenhum dos óleos voláteis testados. Sendo assim, a utilização de T. erecta como recurso floral é potencialmente positiva ao controle biológico conservativo, uma vez que essa planta é capaz de atrair e conservar inimigos naturais para o ambiente produtivo, potencialmente resultando em uma maior efetividade do controle das populações de pragas.Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Entomologia, área de concentração em Entomologia, para a obtenção do título de Doutor

Topics: Controle biológico conservativo, Planta atrativa, Cravo amarelo, Parasitoide, Predador, Conservative biological control, Attractive plant, African marigold, Parasitoid, Predator
Year: 2014
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFLA:oai:localhost:1/2135
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.