Location of Repository

Análise dos processos erosivos e as relações com as perdas aceitáveis de solos na Bacia do Alto-Paraíba/PB

By Claudio Manoel Lessa de Castro

Abstract

O objetivo deste trabalho é o de determinar se a perda de solo por erosão para os solos existentes na Bacia Hidrográfica do Alto-Paraíba estão compatíveis com as tolerâncias máximas já determinadas para os solos do Estado da Paraíba, em estudo realizado pelo Departamento de Solos e Engenharia Rural da UFPB, campus Areia/PB. No presente trabalho, realizou-se o estudo sobre a vulnerabilidade à erosão, avaliando-se a adequação das atuais formas de uso e ocupação do solo frente a esta vulnerabilidade. Esta análise foi feita com base na aplicação do modelo matemático representado pela Equação Universal de Perda de Solo - USLE. Os procedimentos operacionais foram feitos com o apoio de imagens de satélite, e com SIGs e utilização do software SPRING. O mapa comparativo entre as Perdas de Solo e as Tolerâncias de Perdas de Solo foi resultado de uma combinação vetorial entre estes mapas temáticos. Cerca de 61 % da área encontra-se sob condição aceitável de perda de solos, ou seja, os valores estão dentro do esperado pelos estudos efetuados pela UFPB / Campus Areia, e cerca de 38 % ficaram com valores acima do previsto, ou seja, perdas de solo não aceitáveis. Esta tolerância depende essencialmente das características dos solos, da profundidade e da topografia, e, constitui-se, dessa forma, em informação de significativa importância, visto que permite ao planejador ou proprietário de terra, saber que tipo de uso pode fazer para que não haja degradação dos solos e estes possam ser explorados com elevados níveis de produtividade, permitindo o desenvolvimento sustentável da terra. Os valores de erosividade mais baixos ocorreram na área de menor declividade e cobertura vegetal do tipo caatinga aberta e densa. Obtivemos através da análise dos dados, o percentual de 76% representando cobertura vegetal aberta, rala, solo exposto e pequenas culturas de subsistência, o que corroboram para a existência de processos erosivos. Os maiores valores de erodibilidade estão associados, à classe de solo Planossolo. Ao calcular as perdas de solo dessa bacia hidrográfica, com a utilização da Equação Universal de Perdas de Solo por erosão laminar, considerou-se os intervalos para essas perdas sendo: nula ou ligeira, para valores inferiores a 2 t ha-1 ano-1 (76,13 %); perda de solo moderada, entre 2 e 4 t ha-1 ano-1 (9,77 %); perda de solo alta, entre 4 e 6 t ha-1 ano-1 (4,79%) e perda de solo muito alta, para valores superiores a 6 t ha-1 ano-1 (9,31 %).The aim of this study was to determine if the soil losses by erosion in Alto Paraíba basin soils are below the maximum tolerance determined by the Soils Department and Rural Engineering of Paraíba Federal University, campus of Areia/PB. by the Soils Department and Rural Engineering of Paraíba Federal University, campus of Areia/PB. This analysis was based on the Universal Soil Loss Equation mathematic model. Operational procedures were carried out with satellite images and GIS/SPRING. The comparative map obtained between the Losses of Soil Map and Losses of Soil Tolerance Map, was the result of a vectorial combination between these maps. About 61% of the area is under acceptable conditions of soil losses, into the expected studies developed by UFPB/AREIA, and approximated 38% with override values of non acceptable soil losses. This tolerance depends essentially of the soil characteristics, of its depth and topography, and constitutes, this way, important information that allows to the land owner or planner, to know what the best way of soil usage is, and avoiding its degradation and exploitation it with high productivity level allowing the sustainable development of the land. The values of lower erosivity occurred in minor steepest area and open vegetal cover and dense caatinga (a xeric shrubland). It was obtained through data analyses, the tax of 76% representing open and sparse vegetal cover or exposed soil and little crops, that corroborates to erosive process. The largest values of erodibility are associated to planosols. Calculating the soil losses of that basin, with the usage of Universal Soil Loss Equation by laminar erosion, it was considered the intervals for theses losses as being: null or light, to values minor than 2 t ha-1 year-1 (76,13 %); moderate soil losses among 2 and 4 t ha-1 year-1 (9,77 %); high soil losses, among 4 and 6 t ha-1 year-1 (4,79 %) and very high soil losses, over 6 t ha-1 year-1 (9,31 %)

Topics: Erosão, Equação Universal de Perda de Solo, Bacia Hidrográfica do Alto-Paraíba, Vulnerabilidade, Erosion, Universal Soil Loss Equation, Alto-Paraíba Basin, Vulnerability, CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
Year: 2011
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UFPB:oai:tede.biblioteca.ufpb.br:tede/4593
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.