Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Ampliar a licença-paternidade para despatriarcalizar o Estado e a sociedade

By Stanley Souza Marques

Abstract

Tomado como ponto de partida o patriarcado como matriz profunda e estruturante de relações desiguais de poder nos âmbitos doméstico e público e levado a sério o desafio de desconstruir o complexo e contraditório sistema patriarcal, a hipótese defendida no artigo sugere que a ampliação do direito fundamental à licença-paternidade pode contribuir em alguma medida para o fomento e a sofisticação de espaços de resistência e de lutas antipatriarcais precisamente por, a um só tempo, (i) tornar visíveis as relações de opressão sexista constituintes dos espaços doméstico e público e (ii) reembaralhar, ainda que fragmentariamente, a divisão sexual do trabalho

Topics: Gênero, Sexualidade e Feminismo; Saúde, Gênero e Direito, Licença-paternidade. Patriarcado. Desconstrução.
Publisher: Revista Gênero & Direito
Year: 2015
OAI identifier: oai:periodicos.ibict.br.Revista_Genero_e_Direito:oai:periodicos.ufpb.br:article/23665
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.