Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

População negra em Londrina : processos migratórios, deslocamentos espaciais intra-urbanos e segregação

By Mariana Aparecida dos Santos Panta

Abstract

Este estudo analisa os processos migratórios e os deslocamentos espaciais intra-urbanos de famílias negras até a ocupação territorial do Jardim São Marcos, assentamento urbano localizado na região Sul da cidade de Londrina-PR. O Objetivo central da análise é discutir como se dá o processo de segregação espacial urbana da população negra em territórios marginalizados. Para compreender esta realidade, além das discussões teórico-concentuais, utilizou-se o método qualitativo com a realização de nove entrevistas em profundidade, semi-estruturadas, baseadas em depoimentos orais de chefes de família negros e negras presentes em Londrina a mais de 15 anos e residentes no Jardim São Marcos. Os resultados deste estudo sugerem que os deslocamentos intra-urbanos que desembocam na segregação territorial e no reagrupamento espacial de famílias negras a territórios circunscritos, tendo como limite o assentamento urbano São Marcos, têm como principais determinantes os seguintes fatores: pobreza estrutural da população negra; baixa qualificação educacional e ocupacional; racismo; presença de padrões tradicionalistas segregadores; ausência de políticas públicas específicas e reparatórias.This study analyzes the processes of migration and intra-urban spatial displacement of black families to the territorial occupation of Jardim São Marcos, urban settlement located in the southern region of the city of Londrina. The central objective of the analysis is to discuss how is the process of urban spatial segregation of the black population in marginalized areas. To understand this reality, beyond theoretical discussions concentuais, we used the qualitative method with the completion of nine in-depth interviews, semi-structured, based on oral testimony of householders Negroes and Londrina present in more than 15 years and residents in Jardim São Marcos. The results of this study suggest that intra-urban displacements that lead to the spatial segregation and spatial regrouping of black families circumscribed the territories, whose limit urban settlement San Marcos, have as main determinants of the following factors: structural poverty of the black population, low educational qualification and occupational health; racism; presence of segregating patterns traditionalists; absence of specific policies and reparation

Topics: Segregação urbana, Negros - Migração, Discriminação racial, Sociologia urbana, Discrimination in housing, Brazil, Race relations
Publisher: Universidade Estadual de Londrina. Centro de Letras e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais.
Year: 2013
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UEL:oai:uel.br:vtls000188610
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.