Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Bromeliaceae da região nordeste do estado do Paraná, Brasil

By Daniela Aparecida Estevan

Abstract

Um estudo foi realizado sobre a família Bromeliaceae na região nordeste do estado do Paraná (Brasil) (23°-24,5° S e 49,5°-51,5° W), prioritariamente coberta por Floresta Estacional Semidecidual. O objetivo foi conhecer a riqueza da família, além de atualizar a distribuição geográfica das espécies da região e reconhecer características morfológicas importantes, através de chaves de identificações e descrições. O trabalho foi realizado através de coletas em 35 municípios para análise de plantas vivas e ampliação de material herborizado depositado em herbário, além da consulta aos acervos de herbários paranaenses. Esta família está representada na região por 35 espécies, pertencentes aos gêneros Tillandsia (11), Dyckia (oito), Billbergia (cinco), Aechmea e Vriesea (três), Acanthostachys, Ananas, Bromelia Canistrum e Pitcairnia (uma espécie cada), que se distinguem pelos tipos de hábito (epífitas ou rupículas), folhas (margem inteira ou espinescente, formando roseta ou não), características da inflorescência (simples ou composta, pedunculada ou séssil), sépalas (livres ou fundidas, simétricas ou assimétricas), e presença ou não de apêndices petalinos, pelo tipo de fruto (baga, cápsula ou infrutescência) e semente (comosa ou não). Foram propostas chaves para identificação de gêneros e espécies, além de descrições e ilustrações. Do total, 16 espécies não estão protegidas em Unidades de Conservação do Paraná, três espécies de Dyckia são citadas apenas para o estado do Paraná, sendo duas destas registradas em apenas uma localidade.This study presents one survey about Bromeliaceae family occurring in the Northeast Paraná State (Brazil) (23°-24,5° S e 49,5°-51,5° W), mainly occupied by Seasonal Semidecidual Forest. The objective was to find the family diversity, and to update the geographical distribution of species in these region and recognize important morphological features, using in identification keys and descriptions. Field trips were performed to 35 municipalities for fresh material observations and collecting herbarium specimens, and also through analysis of Paraná State Herbaria specimens. The family is represented by 35 species, included in Tillandsia (eleven), Dyckia (eight), Billbergia (five), Aechmea and Vriesea (three), Acanthostachys, Ananas, Bromelia, Canistrum, Pitcairnia (one species each), that can be differentiated one each other by fruit type (baccate, capsule or infrutescence) and seed (appendaged or naked), inflorescence morphology (simple or compound, scape evident or lacking), sepals (free or not, symmetrical or assymetrical), and leaf (forming a vase or not, with margin entire or spinescent), petals (appendaged or not) and habit (epiphytes or lithophytes). Were included keys to identify genera and species, descriptions and illustrations. Of the total, 16 species are not protected by “Paraná State Conservation Units”, and three Dyckia species are endemic to the Paraná State, and two species are only known by one locality collection

Topics: Bromeliacea, Epífitas, Taxonomia vegetal, Mata Atlântica, Bromeliaceae, Epiphytes, Botanical taxonomists
Publisher: Universidade Estadual de Londrina. Centro de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Agronomia.
Year: 2010
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.BDTD_UEL:oai:uel.br:vtls000158593
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.