Location of Repository

Ação popular pelo reconhecimento da geral do Maracanã enquanto patrimônio histório e cultural

By Vagner Silva dos Santos

Abstract

O Maracanã se transformou em um imenso canteiro de obras, que tem como carro-chefea colocação de cadeiras no espaço atualmente conhecido como GERAL. O principal argumento para essa reforma seria uma “adaptação à modernidade” decorrente de suposta exigência da FIFA, que não permitiria que os jogos por ela organizados fossemassistidos por pessoas que estivessem em pé. E, como o Brasil está pretendendo candidatar-se a sediar a Copa do Mundo em 2014 - e será sede do Panamericano de 2007 - tal obra seria necessária. Todavia, a ilegalidade do ato que determinou arealização da obra também é evidenciada quando se analisa que o Maracanã foi tombado pelo IPHAN, no Livro Arqueológico, Etnográfico e Paisagístico, sob o número de inscrição 125, na data 26.12.2000. Com efeito, não apenas o Maracanã como um todo,mas a GERAL em si é um patrimônio histórico e cultural da cidade do Rio de Janeiro, do Estado do Rio de Janeiro e do país

Publisher: Revista Interdisciplinar de Sociologia e Direito
Year: 2005
OAI identifier: oai:periodicos.ibict.br.Confluencias_Revista_Interdisciplinar:oai:ojs.uff.br:article/237
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.