Location of Repository

Cinco frentes para a mobilização social: uso de ferramenta para apoiar e dar visibilidade às ações de Policy Advocacy

By Tania Motta de Sousa

Abstract

Por ser atual e emergente, o termo “Policy Advocacy” desperta a atenção das universidades, da sociedade civil e de esferas do poder público. Definida como um conjunto de estratégias de intervenção e mobilização para as demandas sociais preteridas, encobertas ou que contrariam interesses econômicos, a policy advocacy deve ser pensada como uma atuação de modo planejado e estratégico para alcançar os resultados e para fortalecer o processo de busca de mudanças e soluções para um problema público, para uma demanda ou para uma causa social. O presente estudo buscou investigar o uso de ferramentas para gerir uma mobilização social. A partir de metodologia com abordagem qualitativa, realizou um Estudo de Caso no curso de Graduação Tecnológica em Gestão Pública e Gestão Social da UFBA, a partir da experiência pedagógica “Um Dia de Civilidade no Trânsito”. Como resultado, apresenta-se cinco demandas necessárias para o desenvolvimento da ação/mobilização social como uma ferramenta de aprendizagem, com vistas a fortalecer e qualificar a participação nos espaços públicos de decisão e a consolidação da democracia participativa, além de um roteiro de boa prática para gerir ações de mobilizações sociais, com a descrição da estrutura inicialmente necessária e a organização das cinco frentes de trabalho. Being current and emerging, the term "Policy Advocacy" awakens attention from universities, civil society and spheres of power public. Defined as a set of intervention strategies and mobilization for the rejected or covert social demands or that are counter to economic interests, policy advocacy should be thought acting as a planned and strategic manner to achieve the results and to strengthen the search process of change and solutions to a public problem, or a demand for a social cause. This study investigates the use of tools to manage a social mobilization. From a qualitative methodology approach, it held a Case Study on Undergraduate course Technology in Public Management and Social Management Federal University of Bahia, from the pedagogical experience "A Day of Civility in Traffic ". As result, we present five demands required for development of action / social obilization as a tool learning, in order to strengthen and qualify the participation in public spaces of decision and the consolidation of democracy participatory, and a roadmap of best practice for managing actions of social mobilization, with the description of the structure initially necessary and the organization of the five topics

Topics: gestor social, mobilização social, policy advocacy, formação de agenda, social manager, social mobilization, policy advocacy, training agenda
Year: 2015
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFBA:oai:192.168.11:11:ri/17600
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.