Location of Repository

Avaliação da gravidade da periodontite crônica na infecção pelo HTLV-1

By Tiago de Morais Alves da Cunha

Abstract

Introdução. Alguns vírus têm sido implicados na patogênese da doença periodontal, potencializando o efeito da reação pró-inflamatória e determinando a gravidade da doença periodontal. Objetivos. Avaliar a influência da infecção pelo HTLV-I na gravidade da periodontite crônica e determinar a relação entre produção de citocinas e carga pró-viral e a gravidade da periodontite crônica associada ao HTLV-1 Material e Métodos. Participaram do estudo 71 indivíduos infectados pelo HTLV-I com doença periodontal e 72 pacientes com doença periodontal não infectados pelo HTLV-1. Foram comparadas as frequências dos níveis de gravidade da periodontite crônica nos diferentes grupos. A carga pró-viral e a produção espontânea de TNF-α, IFN-, IL-5 e IL-10 em culturas não estimuladas de células mononucleares de sangue periférico (CMSP) foram comparadas na periodontite leve, moderada e grave de indivíduos infectados pelo HTLV-1. Resultados. Não houve diferença estatística na frequência da periodontite leve, moderada e grave nos pacientes infectados pelo HTLV-1 com ou sem HAM/TSP (P=0,916). Em comparação ao grupo controle (19,4%), a frequência da forma grave da doença periodontal foi maior nos indivíduos infectados pelo HTLV-1 sendo encontrada em 46,8% e 41,7% respectivamente no grupo de indivíduos infectados pelo HTLV-1 sem doença neurológica e nos pacientes com HAM/TSP (P=0,004). A carga pró-viral nos indivíduos infectados não apresentou diferença e foi de 77.731 cópias/106 células (IQ 10.449 – 198.314 cópias/106 células) na periodontite grave, 182.701 cópias/106 células (IQ 79.059 – 279.369 cópias/106 células) na periodontite moderada e 144.457 cópias/106cels (IQ 40.512 – 201.714 cópias/106 células) na periodontite leve (P> 0,05). A produção espontânea de TNF-α, IFN- e IL-5 por CMSP de indivíduos infectados pelo HTLV-1 não revelou diferença estatística entre as formas leve, moderada e grave da periodontite crônica. Nos infectados pelo HTLV-1 observou-se uma tendência para diminuição da produção de IL-10 nos indivíduos com periodontite grave (P=0,05). Conclusões. A infecção pelo HTLV-1 parece influenciar na gravidade da periodontite crônica. No entanto, a produção espontânea de citocinas e a carga pró-viral não apresentou relação com o aumento da gravidade da periodontite crônica associada ao HTLV-1

Topics: HTLV-1;, Periodontite crônica;, Doença periodontal;, Citocinas;, Carga pró-viral.
Year: 2013
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFBA:oai:192.168.11:11:ri/13001
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.