Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Texto & Contexto Enfermagem

By Edite Lago da Silva Sena, Rita Narrimam Silva de Oliveira Boery, Patrícia Anjos Lima de Carvalho, Helca Franciolli Teixeira Reis and Ana Maria Nunes Marques

Abstract

p. 310-8Conhecer o significado da convivência diária com uma pessoa alcoolista foi o objetivo do estudo fenomenológico realizado com dez familiares de alcoolistas, usuários de um Centro de Atenção Psicossocial – álcool e drogas, e de uma Unidade de Saúde da Família, do interior da Bahia, no primeiro semestre de 2009. As descrições vivenciais foram desveladas por meio de entrevista semiestruturada e de grupos focais e, em seguida, submetidas à analítica da ambiguidade, a qual permitiu objetivar os seguintes eixos temáticos: violência percebida e violência naturalizada; convivência por necessidade pessoal e convivência pela necessidade do outro. O fenômeno da convivência familiar com um membro alcoolista apareceu como vivência ambígua, percebido sempre em perfil, trazendo consigo vários outros perfis. Os resultados evidenciaram a necessidade de uma política de cuidado à família de pessoas alcoolistas, que seja capaz de incluí-la no planejamento da assistência integral à saúde

Topics: Alcoolismo. Família. Cuidados. Filosofia em enfermagem.
Year: 2011
OAI identifier: oai:agregador.ibict.br.RI_UFBA:oai:192.168.11:11:ri/2148
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.rcaap.pt/detail.jsp... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.