Article thumbnail

Education and identity in the Quilombo Brotas

By Marcia Lucia Anacleto de Souza

Abstract

Orientador: Neusa Maria Mendes de GusmãoDissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de EducaçãoResumo: Neste trabalho, investigamos os processos envolvidos na construção da identidade quilombola na comunidade remanescente de quilombo Brotas, situada na cidade de Itatiba, estado de São Paulo. Analisamos como o reconhecimento da comunidade enquanto remanescente de quilombo instaurou novas dinâmicas de identificação nos moradores, considerando os processos educativos formais, informais e não-formais envolvidos. A partir de um diálogo entre antropologia e educação, apresentamos o percurso metodológico de construção do objeto de pesquisa e de inserção no campo, que possibilitaram a obtenção dos dados para a análise. Concluímos que a participação no movimento social quilombola, que instaura espaços e tempos de educação não-formal e informal, influencia na construção da identidade quilombola do grupo, contribuindo para o fortalecimento da identidade negra dos moradores e a valorização de sua trajetória até os dias atuais. Por outro lado, a educação formal e escolar tem colocado os moradores diante de situações que lhes inferiorizam, por meio do preconceito e da discriminação racial, demonstrando a dificuldade que esta instituição possui na abordagem da diversidade cultural.Abstract: In this study, we investigate the processes involved in the construction of quilombola identity in community remaining of quilombo Brotas, located in the city of Itatiba, São Paulo state. We analyzed the recognition of the community while remaining a runaway introduced new dynamics of identification in residents, whereas educational processes formal, informal and non-formal involved. From a dialogue between anthropology and education, we present the methodological approach of constructing the research object and insert the field that made it possible to obtain data for analysis. We conclude that participation in social movement quilombola introducing spaces and times of non-formal education and informal influence in the construction of quilombola identity group, contributing to strengthening the identity of black residents and the appreciation of its history to the present day. On the other hand, formal education and school has put the residents in situations that detract from them by means of racial prejudice and discrimination, demonstrating the difficulty that this institution has in approach to cultural diversity.MestradoEducação, Sociedade, Politica e CulturaMestre em Educaçã

Topics: Educação, Cultura, Quilombos - São Paulo (Estado), Education, Culture, Identity, Quilombos
Publisher: [s.n.]
Year: 2018
OAI identifier: oai:repositorio.unicamp.br:REPOSIP/251605
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.repositorio.unicamp... (external link)
  • http://repositorio.unicamp.br/... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.