10.1590/S0103-17592008000300008

Avaliação da estabilidade de tensão do sistema brasileiro: um caso de estudo

Abstract

This paper presents results of a study of the Brazilian system operation in respect to voltage stability criteria. The analyses are applied using real-life data from the operation and planning. The system is divided in 4 regions: North, Northeast, South and Southeast/West Center. System stability margin is evaluated for each one of these areas. The results show that Brazilian system has stability margin much lower than the existing voltage stability criteria, limited by the Southeast/West Center region. A detailed analysis of this critical area is performed. This paper also presents the stability margin behavior during a typical weekday curve and a contingency analysis. The contingency severity is verified by using the modal analysis technique assessing each contingency impact classifying as local, area or systemic.Este artigo apresenta resultados de um estudo da atual condição de operação do sistema interligado brasileiro com relação à estabilidade de tensão. As análises são realizadas a partir de dados reais do planejamento e da operação. O sistema é dividido em 4 regiões: Norte, Nordeste, Sul e Sudeste/Centro-Oeste. A margem de estabilidade é obtida para cada uma destas regiões. Os resultados mostram que o sistema interligado brasileiro apresenta margem de estabilidade muito abaixo da sugerida pelos critérios existentes, a qual é limitada pela região Sudeste/Centro-Oeste. Uma análise detalhada para esta área crítica do sistema é realizada. Além de uma avaliação do comportamento da margem de estabilidade de tensão durante um dia típico de semana, esta trabalho apresenta uma análise de contingências. Utilizando a metodologia de análise modal verifica-se a abrangência das contingências, mensurando o impacto de cada contingência como local, de área ou sistêmico.32733

Similar works

Full text

Repositorio da Producao Cientifica e Intelectual da UnicampProvided a free PDF (195.62 KB)

REPOSIP/33307oai:repositorio.unicamp.br:REPOSIP/33307
Last time updated on April 10, 2020View original full text link

Having an issue?

Is data on this page outdated, violates copyrights or anything else? Report the problem now and we will take corresponding actions after reviewing your request.