Modelos simétricos não lineares de produção e crescimento em volume de clones de Eucalyptus spp

Abstract

O conhecimento do crescimento e da produção presente e futura de árvores em povoamentos florestais é elemento fundamental no manejo florestal sustentável. Desta forma, pretende-se nesta tese estimar a distribuição de frequência por classe diamétrica, estimar e comparar equações volumétricas via modelos simétricos não lineares, bem como, propor, ajustar e comparar modelos de crescimento em volume via modelos simétricos não lineares em clones de Eucalyptus spp. na região da Chapada do Araripe - PE. O experimento foi desenvolvido na Estação Experimental da Empresa Pernambucana de Pesquisa Agropecuária (IPA), localizada no município de Araripina - PE. Esse experimento é composto por 15 clones de Eucalyptus spp., resultantes de espécies e híbridos de cruzamento natural e polinização controlada. A base de dados foi composta por todas as árvores sobreviventes do experimento, que corresponde a 1189 árvores, dividida em três grupos. Para estimar as distribuições diamétricas foram adotadas as distribuições de probabilidade Normal, Weibull com três parâmetros, Log-normal e Gama. Em seguida, procedeu-se com os ajustes dos modelos volumétricos de Schumacher e Hall e de Spurr associados as seguintes distribuições simétricos: Normal, t de Student, Exponencial Potência e Logística II. Posteriormente, os modelos de crescimento em volume propostos nesta tese foram ajustados associados às mesmas distribuições simétricas. Na estimativa das distribuições diamétricas, os resultados foram similares nos três grupos, com destaque para a distribuição Log-normal. Essa distribuição foi a mais significativa na maior parte do período avaliado. Analisando as equações volumétricas, observou-se que o modelo de Schumacher e Hall obteve o melhor desempenho, quando associado as distribuições t de Student com três graus de liberdade e Exponencial Potência (t = 0,8), respectivamente, para os grupos I e II. No grupo III, o modelo de Spurr associado a distribuição Exponencial Potência (t = 0,8) obteve o melhor desempenho. Comparando os modelos de crescimento em volume, observou-se que os modelos propostos nesta tese obtiveram melhores ajustes, quando associados as distribuições t de Student com três graus de liberdade e Exponencial Potência (t = 0,8), respectivamente, nos grupos I e III. No grupo II, o modelo de Chapman-Richards associado a distribuição t de Student com três graus de liberdade obteve o melhor desempenho.Knowledge of growth and production present and future of trees in forest stands is a key element in sustainable forest management. It is intended in this thesis to estimate the frequency distribution by diameter class, estimate and compare volumetric equations via symmetric nonlinear models as well, propose to compare models and adjust volume growth via symmetrical nonlinear models in Eucalyptus spp. clones in the region of the Araripe - PE. The experiment was conducted at the Experimental Station of the Agricultural Research Company of Pernambuco (IPA), located in the municipality of Araripina - PE. This experiment consists of 15 clones of Eucalyptus spp., species and hybrids resulting from natural crossing and controlled pollination. The database is composed of all the survival trees of the experiment, corresponding to 1189 trees, divided into three groups. To estimate the diameter distributions were adopted probability distributions Normal, with three parameters Weibull, Log-normal and Gamma. The next step was to fit of the model of Schumacher and Hall and Spurr model associated the following symmetric distributions: Normal, Student t, Exponential Power and Logistics II. The volume growth models in this thesis were adjusted with symmetric distributions associated with them. In the estimation of the diameter distributions, the results were similar in the three groups, with emphasis on the Log-normal distribution. This distribution was the most appropriate for most of the period. Analyzing the volumetric equations, it was found that the model was Schumacher and Hall the most suitable, when associated with the Student t distribution with three degrees .of freedom and Exponential Power (t = 0,8) respectively to groups I and II. In group III, the model Spurr associated with Exponential Power (t = 0,8) distribution had the best performance. Comparing the volume growth models, it was observed that the proposed models best fits obtained in this thesis, when the distributions associated with the Student t with three degrees of freedom and Exponential Power (t = 0,8), respectively, in groups I and III. In group II, the Chapman-Richards model associated with Student t distribution with three degrees of freedom had the best performance.Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPE

Similar works

This paper was published in TEDE2.

Having an issue?

Is data on this page outdated, violates copyrights or anything else? Report the problem now and we will take corresponding actions after reviewing your request.