Article thumbnail
Location of Repository

Desenvolvimento da criatividade em ambientes digitais em professores dos anos iniciais do ensino fundamental

By Paulo Gomes de Sousa Filho

Abstract

Este estudo investiga os efeitos de um programa de criatividade ministrado na modalidade de educação a distância com professores dos anos iniciais do ensino fundamental, comparados com um grupo presencial e um grupo controle. O desenvolvimento do programa foi fundamentado no método histórico-crítico. A metodologia utilizada no estudo foi quantitativa e qualitativa e realizada em duas etapas. Participaram da primeira etapa, 60 professores, que foram randomicamente organizados em três grupos: online, presencial e controle. O Test of Creative Thinking – Divergent Production (TCT - DP) foi utilizado na coleta dos dados relativos à criatividade em um desenho de pré-teste e pós-teste. Para a análise dos dados intragrupos foi utilizado o Teste T para amostras pareadas. Para a análise das diferenças entre os grupos foi utilizada uma análise de variância (ANOVA). Participaram da segunda etapa da pesquisa, nove professores, sendo três de cada um dos grupos. Um instrumento elaborado pelo autor foi utilizado para observação dos Indicadores de Criatividade apresentados pelos professores em uma aula estruturada. Uma ANOVA foi utilizada para análise dos dados. Os resultados indicam diferenças significativas entre os grupos a favor dos grupos online e presencial. As implicações dos resultados são discutidas fundamentadas na Teoria Sócio- Histórica de Vygotsky e na Perspectiva de Sistemas de Myhalyi Csikszentmihalyi. Estudos futuros são sugeridos assim como as limitações desse estudo elencadas.This study investigates the effects of a creativity program administered in the form of distance education with teachers of the initial years of the basic teaching, compared with a face-to-face group and a control group. The development of the program was grounded on the historical- critical method. The methodology of the study was quantitative and qualitative and performed in two steps. Participated in the first stage, 60 teachers who were randomly organized in three groups: online, face-to-face and control. The Test of Creative Thinking - Divergent Production (TCT - DP) was used to gather the data related to creativity in a pre-test and post-test design. For intra-group data analysis a T-test for paired samples was used. For the analysis of the differences between the groups was used an analysis of variance (ANOVA). Participated in the second step of the research nine teachers, three of each group. An instrument developed by the author was used to observe the Creativity Indicators presented by the teachers in a structured classroom. An ANOVA was used for data analysis. The results indicate significant differences between groups in favour of face-to-face and online groups. The implications of the results are discussed based on Vygotsky´s Socio-historical Theory and Myhalyi Csikszentmihalyi´s Systems Perspective

Topics: Creativity, Creative thinking, Distance education, Teacher training, Basic education, Criatividade, Ensino à distância, Professor, Formação, Ensino fundamental
Year: 2011
OAI identifier: oai:www.lume.ufrgs.br:10183/39672
Provided by: Lume 5.8
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://hdl.handle.net/10183/39... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.