Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

A influência da calcitonina sintética de salmão na cicatrização cutânea de ratos Influence of the synthetic salmon calcitonin in cutaneous wound healing of the rats

By José Neiva Eulálio, Antônio Natalino Manta Dantas, Aristóteles Góes-Neto, Aryon de Almeida Barbosa Júnior and André Ney Menezes Freire

Abstract

OBJETIVO: O presente trabalho tem como objetivo investigar a influência da calcitonina sintética do salmão no processo cicatricial da pele da região dorsal em ratos, analisando parâmetros bioquímicos, biomecânicos e histológicos, e suas possíveis interrelações. MÉTODO: Setenta e dois (72) ratos machos adultos foram submetidos, sob anestesia geral inalatória a uma incisão linear na pele que foi, subseqüentemente, suturada. Metade dos ratos (grupo teste) foi tratada no pós-operatório com calcitonina sintética do salmão, e a outra metade, sem tratamento, constituiu o grupo controle. Os animais, em pares de nove ratos cada (teste e controle), foram sacrificados no 5º, 10º, 15º e 20º dias pós-operatório para a remoção dos fragmentos de pele com cicatriz para as análises bioquímicas, biomecânicas e histológicas. Utilizou-se o teste "t" de Student para a comparação de médias de amostras independentes e o teste de correlação de Pearson para verificar o grau de associação entre as médias das variáveis. RESULTADOS: A calcitonina sintética de salmão acelerou o processo cicatricial da pele, mas não de maneira linear e constante. Em comparação com os animais não-tratados, houve aumento significativo tanto do conteúdo de hidroxiprolina nas fases de proliferação inicial e tardia da cicatrização, quanto da carga máxima de ruptura na fase de proliferação tardia. Os resultados histológicos corroboram os resultados bioquímicos e biomecânicos, sugerindo uma correlação entre conteúdo de colágeno, resistência à tração e histologia da cicatriz. CONCLUSÃO: A calcitonina sintética de salmão acelerou o processo cicatricial da pele, modificando significativamente o conteúdo de colágeno e a carga máxima de ruptura, mas não de maneira linear e constante.<br>BACKGROUND: The aim of the present study was to investigate the influence of synthetic salmon calcitonin on wound healing in dorsal skin of rats. Biochemical, biomechanical, and histological parameters were analyzed as well as possible relationships between them. METHODS: Seventy-two male rats were randomly assigned to control and experimental groups. Surgical procedure comprised the creation of incisional cutaneous wound, which was subsequently sutured. Experimental group was treated with synthetic salmon calcitonin postoperatively. The animals were sacrificed in the 5th, 10th, 15th and 20th postoperative days for wounded skin specimens removal for biochemical, biomechanical, and histological studies. RESULTS: In comparison to non-treated animals, a significant increase in hydroxyproline and collagen contents was observed in early and late proliferation phases of wound healing. Additionally, a significant increase in maximum rupture load in the late proliferation phase was observed. Histological findings corroborated biochemical and biomechanical results. CONCLUSION: Synthetic salmon calcitonin improved the wound healing process, but not in a linear constant fashion

Topics: Cicatrização de feridas, Pele, Calcitonina, Hidroxiprolina, Resistência à tração, Wound healing, Skin, Calcitonin, Hydroxyproline, Tensile strength, LCC:Surgery, LCC:RD1-811, LCC:Medicine, LCC:R, DOAJ:Surgery, DOAJ:Medicine (General), DOAJ:Health Sciences
Publisher: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Year: 2007
DOI identifier: 10.1590/S0100-69912007000400008
OAI identifier: oai:doaj.org/article:23927191d3184d5bba99e644e3e4a183
Journal:
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://doaj.org/search?source=... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.