Article thumbnail
Location of Repository

O bicho-da-seda em germe : uma introdução a Murilo Mendes

By Murilo Vidotto

Abstract

Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, Programa de Pós-Graduação em Literatura, 2019.Este trabalho dedica-se à leitura crítica do primeiro livro publicado pelo poeta brasileiro Murilo Mendes, Poemas (1930). O objetivo é observar algumas das características peculiares do autor em germe, além de pontos de convergência e divergência entre a poética muriliana e aquela identificada como corrente principal à época da obra, o Modernismo brasileiro. Para tanto, nos apoiaremos em opiniões, sobre o poeta, de críticos como Otto Maria Carpeaux, Manuel Bandeira e Murilo Marcondes de Moura; sobre as vanguardas artísticas, nossa crítica girará em torno de ideias de teóricos como José Ortega y Gasset, Octavio Paz, Hugo Friedrich, entre outros.Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).In this work, we propose to proceed to read critically the first book published by the Brazilian poet Murilo Mendes, Poemas (1930). The objective is to observe some of the peculiar characteristics of the author in germ, besides points of convergence and divergence between the poetics of Murilo Mendes and those identified as main current at the time of the book, Brazilian Modernism. To do so, we rely on opinions on the poet of critics such as Otto Maria Carpeaux, Manuel Bandeira and Murilo Marcondes de Moura; about the artistic vanguards, our critique will grasp around ideas of theorists like José Ortega y Gasset, Octavio Paz, Hugo Friedrich, among others

Topics: Mendes, Murilo, 1901-1975 - crítica e interpretação, Modernismo brasileiro, Modernismo (Literatura), Vanguarda
Year: 2019
OAI identifier: oai:repositorio.unb.br:10482/35527

Suggested articles


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.