Article thumbnail

Efluentes urbanos na água do Rio Marau (Brasil).

By Mayara Regina Fornari, Marília Camotti Bastos, Fabiana de Medeiros Silveira, Jocelina Paranhos Rosa de Vargas, Gracieli Fernandes, Maria Alice Santanna dos Santos and Danilo Rheinheimer dos Santos

Abstract

Objetivo desse trabalho foi analisar o impacto dos resíduos urbanos e industriais do município de Marau (Rio Grande do Sul - Brasil) na qualidade da água do rio Marau. Os parâmetros analisados foram: pH, turbidez, condutividade elétrica, tensão superficial, carbono orgânico, metais, nitrito, nitrato, cloreto, fosfato, sulfato e fósforo solúvel. As coletas de água do rio ocorreram em setembro de 2014 e 2016 nos pontos: a montante da cidade de Marau e do curtume; a montante do curtume; no ponto de mistura do efluente da indústria de beneficiamento de couro e o rio; a jusante da cidade de Marau. As análises físico-químicas da água do rio mostraram que os efluentes da cidade de Marau representam a maior fonte de contaminação local, apresentando teores de Al, Pb e P acima do permitido pela legislação. Conclui-se que as atividades industriais e os esgotos clandestinos da cidade de Marau têm impacto negativo na qualidade da água do rio

Topics: Urbanismo, Contaminação, Qualidade da água, Curtume, efluentes clandestinos, Urban groups. The city. Urban sociology, HT101-395, City planning, HT165.5-169.9
Publisher: Universidad Nacional de Colombia
Year: 2018
OAI identifier: oai:doaj.org/article:2423872dd635430482034b1ad2f8b5ff
Journal:
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • https://doaj.org/article/24238... (external link)
  • https://revistas.unal.edu.co/i... (external link)
  • https://doaj.org/toc/0124-7913 (external link)
  • https://doaj.org/toc/2027-145X (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.