Análise dos determinantes institucionais e regionais do investimento direto externo das pequenas e médias empresas: um estudo do caso da região sul do brasil

Abstract

Este estudo tem como objetivo avaliar a importância de fatores sócio-culturais e institucionais de âmbito regional sobre o investimento direto externo (IDE) na Região Sul do Brasil. A metodologia adotada foi a estimação de um modelo econométrico de corte transversal com base em informações obtidas de uma pesquisa de campo junto a empresas multinacionais (EMN) da região. Os resultados da estimação do modelo indicam que o IDE está diretamente associado com o nível de índice de desenvolvimento humano (IDH) local, o grau de concentração industrial da região e o valor do salário pago pela empresa. Conclui-se, com base nas informações da amostra e na estimação dos determinantes do IDE, que variáveis de natureza sócio-culturais são relevantes na atração de EMN para a região sul do país

Similar works

Full text

thumbnail-image

Directory of Open Access Journals

Provided a free PDF
oai:doaj.org/article:4b6de57a83aa44beac842d5a0ba6122eLast time updated on 6/3/2019View original full text link

This paper was published in Directory of Open Access Journals.

Having an issue?

Is data on this page outdated, violates copyrights or anything else? Report the problem now and we will take corresponding actions after reviewing your request.