oaioai:bdm.unb.br:10483/6114

O papel de jogos e brincadeiras no processo de desenvolvimento e aprendizagem escolar da criança

Abstract

Monografia (especialização)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Escolar e do Desenvolvimento, 2013.Este trabalho consiste no relatório de estágio de intervenção no contexto do Curso de Especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional, do Instituto de Psicologia, da Universidade de Brasília. O objetivo do estágio foi compreender o papel de jogos e brincadeiras no desenvolvimento de uma criança em processo de aprendizagem escolar, por meio de sessões de avaliação e intervenção. Tomou-se como referência teórica Piaget, Vygotsky, Wallon, e autores contemporâneos. Utilizou-se a metodologia qualitativa, com procedimentos de análise documental de relatórios escolares de anos anteriores, entrevista semi-estruturada, observação de rotina escolar, bem como jogos e brincadeiras. Participou da intervenção psicopedagógica uma criança do sexo feminino, de 10 anos, cursando o 3º ano do ensino fundamental. A queixa, referente à dificuldade de aprendizagem escolar, foi identificada por meio da entrevista realizada com profissional que trabalhava com a criança. O processo de avaliação foi complementado por sessões realizadas individualmente com a criança, bem como por observação de rotina de sala de aula. Foi constatada, como conclusão deste processo, a ocorrência de questões emocionais que impactavam no processo de aprendizagem escolar da criança. Diante disto, foram propostas atividades (desenhos, jogos e brincadeiras) que visaram proporcionar à criança a possibilidade de se expressar espontaneamente diante das novas situações apresentadas, valorizando a sua maneira particular de aprender. Utilizando a expressão criativa proporcionada pelas brincadeiras como forma de organização de sentimentos e significados, observou-se a abertura de novos espaços de interação em que tanto o compartilhar experiências quanto a busca do conhecimento constituíram parcelas dignas de nota. Os resultados da intervenção mostraram a criança mais interessada, cooperativa, expansiva, caracterizando-se co-construtora de sua própria aprendizagem

Similar works

Full text

thumbnail-image

Biblioteca Digital de Monografias

Provided a free PDF
oaioai:bdm.unb.br:10483/6114Last time updated on 5/6/2019View original full text link

This paper was published in Biblioteca Digital de Monografias.

Having an issue?

Is data on this page outdated, violates copyrights or anything else? Report the problem now and we will take corresponding actions after reviewing your request.