Article thumbnail

Estudo de interação proteína-proteína envolvendo uma isoforma não caracterizada do fator de tradução eIf5A

By Patrícia Tami Shinta

Abstract

O fator de iniciação da tradução eucariótica 5A (eIF5A) está presente em todos os organismos, desde arqueas a mamíferos, exceto em eubactérias. eIF5A é a única proteína descrita que contém o resíduo de aminoácido hipusina, o qual nunca foi encontrado em outras proteínas, e que é formado a partir de uma modificação pós-traducional tendo a espermidina como substrato. A hipusinação é essencial para a atividade de eIF5A. Em células humanas, é predito que uma variante do transcrito do gene EIF5A1 referida como variante A, é esperado codifique a isoforma A de eIF5A, que tem um adicional de 30 resíduos de aminoácidos (MCGTGGTDSKTRRPPHRASFLKRLESKPLK) na porção amino-terminal em relação à outra isoforma, referida como isoforma B. Neste trabalho foi confirmada a existência da isoforma A de eIF5A em células HeLa, e foi demonstrado que ambas as isoformas de eIF5A são geradas a partir da variante A. As análises realizadas nesse trabalho mostraram ainda que as duas isoformas de eIF5A, encontram-se acetiladas quando expressas exogenamente e são co-purificadas com SH2D4A. De modo surpreendente, os resultados indicaram que SH2D4A também possui um resíduo de hipusina. Portanto, os dados obtidos revelam a interação entre duas proteínas contendo hipusinaThe eukaryotic translation initiation factor 5A (eIF5A) is present in all organisms, from archeae to mammals, except in eubacteria. eIF5A is the only protein known to contain the amino acid residue hypusine, which has never been found in other proteins and is formed by a post-translational modification using spermidine as substrate. The hypusine formation is essential for eIF5A activity. In human cells, an EIF5A1 transcript variant referred to as variant A is expected to encode the eIF5A isoform A, which has an additional N-terminal extension of 30 amino acid residues (MCGTGGTDSKTRRPPHRASFLKRLESKPLK) with respect to the canonical isoform B. In this work, we validated the existence of isoform A in HeLa cells and showed that variant A is able to produce both eIF5A isoforms. Furthermore, eIF5A isoforms were proved to undergo acetylation when exogenously expressed and to co-purify with SH2D4A. Surprisingly, results indicated that SH2D4A also possess a hypusine residue. Therefore, data presented here show interaction between two hypusine-containing proteins a protein also possessing a hypusine residu

Topics: Proteínas, Sintese proteica, Isoformas de proteínas
Publisher: Biblioteca Digital da Unicamp
OAI identifier: oai:unicamp.br:000959851
Download PDF:
Sorry, we are unable to provide the full text but you may find it at the following location(s):
  • http://www.bibliotecadigital.u... (external link)
  • Suggested articles


    To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.