Estudo das propriedades termofísicas dos solventes eutéticos e desenvolvimento de novas membranas sustentáveis para a separação de CO2

Abstract

O CO2 é um dos principais gases que causa o efeito de estufa, estima-se que a atuais emissões de CO2 vão levar a um aumento da temperatura da superfície terrestre. Assim, o desenvolvimento de tecnologia de captura e armazenamento de CO2 tem vindo a ser objeto de estudo intenso. Os líquidos iónicos (LIs) e têm sido estudados para captura de CO2 a partir de diversas fontes, tendo-se obtidos resultados superiores aos obtidos com outros solventes. No entanto, apesar dos LIs atraírem muita atenção devido às suas propriedades, como pressão de vapor desprezável em condições ambientes, baixa inflamabilidade e principalmente tunabilidade das suas propriedades, estes solventes são dispendiosos e difíceis de reciclar. Em alternativa, os solventes eutéticos (SEs) têm sido investigados, devido às suas propriedades que são semelhantes às dos LIs, mas com a vantagem de serem mais baratos e benignos. O objetivo deste trabalho visa o estudo da viabilidade de solventes eutéticos (SEs) suportados em membranas para a separação de CO2. A utilização de membranas tem vantagens inegáveis do ponto de vista económico e da engenharia o que permite o desenvolvimento de uma tecnologia eficiente e sustentável. Assim, preparam-se vários SEs com estruturas químicas semelhantes à dos LIs que apresentam valores de solubilidade ao CO2 elevados. Procedeu-se ao estudo das propriedades termofísicas dos SEs, em que os aceitadores de pontes de hidrogénio são o cloreto de colina e o cloreto tetrabutilamónio, que combinam com os vários doadores de pontes de hidrogénio, etilenoglicol, glicerol, ácido levulínico, ácido glicólico, ácido hexanóico, ácido octanóico e ácido dodecanóico. Sendo o cloreto de colina hidrofílico, a influência da água nas propriedades dos SEs foi também estudada. De seguida prepararam-se membranas líquidas suportadas com os SEs mais promissores e utilizou-se a técnica do time-lag para tentar medir a permeabilidade e difusão do CO2 através destas membranas

Similar works

Full text

thumbnail-image

Repositório da Universidade Nova de Lisboa

Provided a free PDF
oai:run.unl.pt:10362/19954Last time updated on 5/11/2018View original full text link

This paper was published in Repositório da Universidade Nova de Lisboa.

Having an issue?

Is data on this page outdated, violates copyrights or anything else? Report the problem now and we will take corresponding actions after reviewing your request.