Skip to main content
Article thumbnail
Location of Repository

Resposta do milho à adubação fosfatada em um latossolo amarelo do estado do Pará.

By C. A. C. VELOSO, V. I. FRANZINI, A. R. B. e SILVA and A. R. SILVA

Abstract

Objetivou-se avaliar a resposta do milho, cultivado na região do Oeste Paraense, à aplicação de doses, fontes e métodos de aplicação do fertilizante fosfatado no solo. O experimento foi desenvolvido no Município de Belterra, PA, em um Latossolo Amarelo distrófico de textura argilosa. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com três repetições, em esquema fatorial 2 x 2 x 4, correspondendo a duas fontes de P [fosfato natural reativo de Arad (FNR) e superfosfato triplo (TSP)], duas formas de aplicação (a lanço em área total e incorporado ao solo e no sulco de semeadura) e quatro doses de P (0, 90, 180, 270 kg ha-1 de P2 O5). A cultura do milho respondeu em produtividade à adubação fosfatada, independente da fonte de P e do método de aplicação do fertilizante. Com relação à avaliação da produtividade de milho, o TSP reagiu de forma superior ao FNR. Quando aplicado no sulco de semeadura, a produtividade de milho foi superior com o TSP em comparação ao FNR. Em relação ao FNR, a produtividade foi superior quando essa fonte de P foi aplicada a lanço e incorporada, em relação à sua aplicação localizada no sulco de semeadura201

Topics: Milho, Adubação, Solo, Zea mays, Pará, Fósforo, Fertilizante
Publisher: Belém, PA: Embrapa Amazônia Oriental, 2012.
Year: 2013
OAI identifier: oai:www.infoteca.cnptia.embrapa.br:doc/956804
Provided by: Infoteca-e

Suggested articles


To submit an update or takedown request for this paper, please submit an Update/Correction/Removal Request.